Mortality due to Covid-19 in Brazil: sociodemographic profile of the first weeks

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i1.11588

Keywords:

COVID-19; SARS-CoV-2; Mortality; Risk factors.

Abstract

On February 26, 2020, the Ministry of Health confirmed the first case of death by Covid-19 in Brazil. This study aimed to identify mortality from the disease in Brazil in the first 6 weeks after confirmation of the first case of death and to outline the profile of these individuals. This is a retrospective, descriptive cross-sectional study, which used data from the daily bulletins of the Ministry of Health. All cases of deaths occurred in Brazil by Covid-19, from March 17 to April 26, 2020, were analyzed. Data from all states of the federation were included and characterized by sex, age, skin color and presence of associated comorbidity. Among the deaths, 72% were from people over 60 years old, although about 80% of those infected did not belong to this age group. Still, 60% were male, even with an average of only 51.4% of infected males. The frequency of deaths was significantly higher among white individuals compared to brown and black individuals (p <0.0001). The mortality rate was 6.92%, being higher among males, the elderly - especially among those who had associated morbidities - and those with white skin.

Author Biographies

Elias Ferreira Porto, Centro Universitário Adventista de São Paulo

Possui graduação em Fisioterapia pela Universidade Guarulhos (1998). Engenharia Civil (2016) , especialização em Fisioterapia Cardiorrespiratória pelo Instituto do Coração - INCOR - USP (1999) e Mestrado em Reabilitação Pulmonar pela Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP (2005). Doutor em Ciências da Saúde (Departamento de medicina translacional) - UNIFESP. É professor do Curso de Fisioterapia do Centro Universitário Adventista de São Paulo - UNASP. foi coordenador deste courso de 2000 a 2012. Leciona as disciplinas de Fisioterapia aplicada à Cardiologia, Fisioterapia aplicada à Pneumologia e Exames Complementares e para o curso de Pós-graduação em Fisioterapia em Terapia Intensiva supervisor de estágio em UTI. É professor e orientador do mestrado em Promoção da Saúde.

Alessandro Leipnitz Domingues, Centro Universitário Adventista de São Paulo

Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal de Roraima - UFRR (2006). Atualmente, é acadêmico no Mestrado Profissional em Promoção da Saúde pelo Centro Universitário Adventista de São Paulo - UNASP

Mônica Karla Vojta Miranda, Universidade Estadual do Pará

Mestra em Promoção da Saúde junto ao Programa de Pós Graduação do Centro Adventista de São Paulo (2017). Mestre em Gestão de Empresas/Saúde pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (2013). Especialista em Urgência e Emergência pela Faculdade Integrada Brasil Amazônia, Enfermagem em Nefrologia pela Universidade Geraldo Di Biasi, Saúde da Família pela Escola de Saúde Pública do Ceará e em Gestão de Empresas pela Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Marabá. Graduação em Enfermagem pela Faculdades Integradas do Tapajós (2004). Docente da Universidade do Estado do Pará (UEPA) no curso de Graduação em Enfermagem; Enfermeira Avaliadora e Autorizadora de APACS da Unidade de Dispensação de Medicamentos Excepcionais - UDME/SESPA.

Morenilza Bezerra da Conceição Froes, Centro Universitário Adventista de São Paulo

Mestra em Promoção da Saúde no Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP). Especialista em Formação de Docentes para ensino em Enfermagem (nível técnico e superior) Brasil Ensino Online - CPBRASIL, especialista em urgência e emergência e enfermeira pelo Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas. Com experiência em Clinica Medica e Medica Cirúrgica, Pronto Socorro Adulto, infantil, Setor de ecocardiograma sobre stress farmacologico e sala de raio x contrastado. Atuou como supervisora de enfermagem no Hospital São Lucas e coordenadora de Home Care na Ideal Care. Atualmente é enfermeira assistencial na telemedicina na Prevent Senior.

Sérgio Rosa Vieira Pasqualinoto, Centro Universitário Adventista de São Paulo

Mestrado em Promoção da Saúde. Especialista em Medicina do Esporte e da Atividade Física pela Universidade Gama Filho (2012). Possui graduação em Educação Física pelo Centro Universitário de Anápolis (2006). Pesquisador do Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul (CELAFISCS). Atualmente é professor do Instituto federal de Educação Ciência e Tecnologia do Tocantins - Campus Gurupi. Têm experiência na área de Educação Física Escolar.

References

Caramelo, F., Ferreira, N., & Oliveiros, B. (2020). Estimation of risk factors for COVID-19 mortality-preliminary results. MedRxiv. https://doi.org/10.1101/2020.02.24.20027268

Centers for Disease Control and Prevention (CDC). (2020). Severe Outcomes Among Patients with Coronavirus Disease 2019 (COVID-19)-United States, 2020. Morbidity and Mortality Weekly Report (MMWR), 69(12), 343-346. https://www.cdc.gov/mmwr/volumes/69/wr/mm6912e2.htm

Imanpour, H., Rezaee, H., & Nouri-Vaskeh, M. (2020). Angiotensin 1-7: A novel strategy in COVID-19 Treatment. Advanced Pharmaceutical Bulletin, 10(4), 488–489.

Ministério da Saúde. (2016). Resolução nº 510/2016: Diário Oficial da União. https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/cns/2016/res0510_07_04_2016.html

Ministério da Saúde. (2019). Dados e números da prevalência do tabagismo, 2019: Ministério da Saúde. https://www.inca.gov.br/observatorio-da-politica-nacional-de-controle-do-tabaco/dados-e-numeros-prevalencia-tabagismo

Ministério da Saúde. (2020). COVID-19. Painel coronavírus: Ministério da Saúde. https://covid.saude.gov.br/

Moreira, R. S. (2020). COVID-19: unidades de terapia intensiva, ventiladores mecânicos e perfis de mortalidade latente associados à letalidade no Brasil. Cadernos de Saúde Pública, 36 (5), e00080020.

Remuzzi, A., & Remuzzi, G. (2020). COVID-19 and Italy: what next? The Lancet, 395 (10231), 1225-1228.

Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). (2020). Folha informativa COVID-19 –Escritório da OPAS e da OMS no Brasil. Brasília, DF: OPAS. https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=6101:covid19&Itemid=875

Schmidt, M. I., Duncan, B. B., Hoffmann, J. F., Moura, L. D., Malta, D. C., & Carvalho, R. M. S. V. D. (2009). Prevalência de diabetes e hipertensão no Brasil baseada em inquérito de morbidade auto-referida, Brasil, 2006. Revista de Saúde Pública, 43, 74-82.

Sullivan, J. C., Rodriguez-Miguelez, P., Zimmerman, M. A., & Harris, R. A. (2015). Differences in angiotensin (1-7) between men and women. American Journal of Physiology Heart and Circulatory Physiology, 308(9), H1171-6.

Teixeira, C. M., Madruga, G. D. A. M., Medeiros, G. B. D. S., Leite, J. G. T. M., & Duarte, S. S. M. (2020). Análise comparativa das pandemias COVID-19 e H1N1. Brazilian Journal of Health Review, 3(2), 3591-3595.

World Health Organization (WHO). (2019). Coronavirus disease (COVID-19) pandemic. Geneve: WHO. https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019

World Health Organization (WHO). (2020). Coronavirus disease 2019 (COVID-19) situation report. Geneva, Switzerland: WHO. https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019/situation-reports

Zheng, Y. Y., Ma, Y. T., Zhang, J. Y., & Xie, X. (2020). COVID-19 and the cardiovascular system. Nature Reviews Cardiology, 17(5), 259-260.

Zhou, F., Yu, T., Du, R., Fan, G., Liu, Y., Liu, Z., Xiang, J., Wang, Y., Song, B., Gu, X., Guan, L., Wei, Y., Li, H., Wu, X., Xu, J., Tu, S., Zhang, Y., Chen, H., & Cao, B. (2020). Clinical course and risk factors for mortality of adult inpatients with COVID-19 in Wuhan, China: a retrospective cohort study. The Lancet, 395(10229), 1054-1062.

Downloads

Published

17/01/2021

How to Cite

PORTO, E. F. .; DOMINGUES, A. L. .; SOUZA, A. C. de .; MIRANDA, M. K. V. .; FROES, M. B. da C. .; PASQUALINOTO, S. R. V. . Mortality due to Covid-19 in Brazil: sociodemographic profile of the first weeks. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 1, p. e34210111588, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i1.11588. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/11588. Acesso em: 7 mar. 2021.

Issue

Section

Health Sciences