School evasion and abandonment: the challenges of containing its advance, the causes and consequences- case study in the Municipal School “João Mendonça”, in Teixeira de Freitas- Bahia

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i4.12463

Keywords:

Dropout and dropout; Public policy; Basic education; Students.

Abstract

In the middle of the 21st century, the problem of dropping out and dropping out of school has not yet been mitigated and, consequently, from what has been determined, it will still take a long time to be extinguished from formal education. This work aimed to understand how school dropout and dropout occurs, what are the challenges faced by educational institutions in order to limit their progress and identify their causes and consequences. The methodology used in accordance with the collection procedures was a Case Study, linked to a field research, with the research site being the Municipal School “João Mendonça”, located in the City of Teixeira de Freitas-Bahia. As for the nature of the data, it was configured as a qualitative research. The subjects of the research were students of Basic Education (Elementary Education II and Education of Youth and Adults-EJA), with a time frame from the years 2014 to 2018. The research was justified so that it is possible to know and work in the eradication of this problem that affects educational institutions, affecting children, adolescents, young people and adults, in spite of the national legislation, with public policies related to this problem. There was no intention here to exhaust the theme, but to bring a reflection with the theoreticians, researchers and educators who have already been dealing with the theme and that the dissemination of this evil that affects education in Brazil is extinguished once and for all.

References

Anzorena, D. I., & Benevenutti, Z. M. S. (2013). Educação de Jovens e Adultos. Uniasselvi.

Azevedo, F. V. M. de. (2006). Causas e consequências da evasão escolar no ensino de jovens e adultos na escola municipal Espedito Alves, Angicos/RN. Dominium: Revista Científica, Natal, http://webserver.falnatal.com.br/revista_nova/a4_v2/index.php

Burigo, E. R. (2014). A Evasão Escolar nas turmas de 8° e 9° anos do Ensino Fundamental do Colégio Novo Horizonte no município de Toledo- PR no ano letivo de 2013: causas, consequências e possibilidades de intervenção. Secretaria de Estado da Educação - Programa de Desenvolvimento Educacional do Paraná- Universidade Estadual do Oeste do Paraná- Os Desafios da Escola Pública Paranaense na Perspectiva do Professor PDE- Produções Didático-Pedagógicas – Cascavel.

Constituição da República Federativa do Brasil. (1988). Constituição da República Federativa do Brasil: Senado. http://legis.senado.leg.br/norma/579494/publicacao/16434817

Declaração de Hamburgo (2007). Educação de Jovens e Adultos: uma memória contemporânea, 1996-2004. Org. PAIVA, Jane; MACHADO, Maria Margarida; IRELAND, Timothy. Declaração de Hamburgo sobre Educação de Adultos – Brasília: Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade do Ministério da Educação, Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura.

Digiácomo, Murillo José. (2005). Evasão escolar: não basta comunicar e as mãos lavar. http://www.crianca.mppr.mp.br/pagina-825.html

Estatuto da Criança e do Adolescente (1990). Lei nº 8.069 de 13 de julho de 1990. Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. Senado. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8069.htm

Ferreira, A. B. de H. (2001). Mini Aurélio Século XXI Escolar: O minidicionário da língua portuguesa. (4a ed.), Nova Fronteira.

Ferreira, L. A. M. (s.d.). Evasão Escolar. Promotor de Justiça de São Paulo. https://docplayer.com.br/18021439-Evasao-escolar-luiz-antonio-miguel-ferreira-promotor-de-justica-sp.html

Figueiredo, K. N. dos R. W. de A. (2015). Evasão Escolar: um estudo de caso no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologis do Tocantins – Campus Porto Nacional. Curso de Mestrado do Programa de Pós-Graduação em Educação, 2015.

Freire, P. (1996). Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. Paz e Terra.

Gil, A C. (2010). Como elaborar Projetos de Pesquisa. (5a ed.), Atlas.

Kuroski, C. (2013). Políticas Públicas na Educação Básica. Uniasselvi.

Laibida, V. L. B., & Pryjma, M. F. (2013). Evasão escolar na Educação de Jovens e Adultos (EJA): professores voltados na permanência do aluno na escola. Os Desafios da Escola Pública Paranaense na Perspectiva do Professor – PDE. Artigos, vol. 1- Versão On-line ISBN 978-85-8015-076-6, Paraná.

Lei de Diretrizes de Bases de Educação Nacional- (1996). – Lei nº 9394 de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da República. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9394.htm

Lei 10.287 de 20 de setembro. (2001). Altera dispositivo da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/leis_2001/l10287.htm .

Mendes, I. L. (2016). Produção Didático-Pedagógica: a evasão escolar no Ensino Médio. Universidade Estadual de Londrina – Programa de Desenvolvimento Educacional da Secretaria de Estado de Educação Paraná.

Oliveira, P. S. de. (2005). Introdução à Sociologia da Educação. (3a ed.), Ática.

Piaget, J. (2007). Para onde vai à educação? José Olímpio.

Riffel, S. M., & Malacarne V. (2010). Evasão escolar no ensino médio: o caso do Colégio Estadual Santo Agostinho no Município de Palotina, PR.

Rocha, J. B. da. (2016). O direito à educação no Município da Serra/ES: análise do Programa Pró-Escola. Curso de mestrado do Programa de Pós-Graduação em Ensino da educação Básica (PPGEEB), São Mateus.

Silva, A. da G., & Araújo, T. B. de. (2014). Relação Família e Escola. Trabalho de Conclusão de Curso, Licenciatura em Pedagogia. Cantro Educacional Eliã – CEEL. https://pt.slideshare.net/JJOAOPAULO7/tcc-relao-famlia-e-escola

Silva, E. M. da N., & Santos, J. O. dos. (2015. Evasão escolar: um problema, várias causas. REBES – Revista Brasileira de Educação e Saúde. 5(4), 30-35.

Silva Filho, R., &Araújo, R. M. de L. (2017). Evasão e abandono escolar na educação básica no Brasil: fatores, causas e possíveis consequências. Educação por Escrito. 8(1), 35-48.

Souza, M. C. de. (2010). Direito Educacional. Editora Verbatim.

Published

11/04/2021

How to Cite

BISSARO, D. Z. .; ELIAS, E. M. C.; BECEVELLI, S. L. .; COSTA, S. M. .; COSTA, T. G. F. da . School evasion and abandonment: the challenges of containing its advance, the causes and consequences- case study in the Municipal School “João Mendonça”, in Teixeira de Freitas- Bahia. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 4, p. 34810412463, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i4.12463. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/12463. Acesso em: 11 may. 2021.

Issue

Section

Education Sciences