Morphological characteristics, genetic improvement and planting density of sorghum and corn crops: a review

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i3.13172

Keywords:

Sorghum bicolor L.; Zea mays L.; Crop spatial arrangement.

Abstract

In this study, the objective was to perform a brief review on morphological characteristics, genetic improvement and planting density of sorghum (Sorghum bicolor L.) and corn (Zea mays L.) crops. The search for the literature included in the study was conducted by means of an electronic search in the Google Scholar and Scientific Electronic Library Online (SciELO) databases, on the web and on the Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - EMBRAPA websites. As inclusion criteria, we considered bibliographies dealing with topics related to morphology, genetics and planting densities of corn and sorghum. The exclusion criteria for the bibliographies were: studies outside the study's objective and that did not contemplate the established period and language of the research. In general, corn and sorghum are grasses that directly contribute to the production chain and agribusiness due to their nutritional importance in animal production systems. Their botanical, morphological and phenological characteristics allow these crops to show good productivity and adaptability in different regions of Brazil (South, Central and Northeast). The ability of corn and sorghum to adapt to different edaphoclimatic conditions depends on the genetic potential of the seed and the planting system used, as well as the competence of the genotype type to withstand high population densities to some extent. We suggest conducting studies to individually evaluate the morphological and phenological attributes of different varieties of corn and sorghum and their adaptation and production abilities at different planting densities.

References

Alvarez, C. G. D., Pinho, R. G. & Borges, I. D. 2006. Avaliação de características agronômicas e de produção de forragens e grãos de milho em diferentes densidades de semeadura e espaçamentos entre linhas. Ciência e Agrotecnologia, 30, 402-408.

Andrade Neto, R. C., Miranda, N. O., Duda, G. P., Góes, G. B., & Lima, A. S. (2010). Crescimento e produtividade do sorgo forrageiro BR 601 sob adubação verde. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, 14(2), 124-130.

Argenta, G., Silva, P. R. F. D., Bortolini, C. G., Forsthofer, E. L., Manjabosco, E. A., & Beheregaray Neto, V. (2001). Resposta de híbridos simples de milho à redução do espaçamento entre linhas. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 36(1), 71-78.

Barbano, M. T., Duarte, A. P., Brunini, O., Reco, P. C., Paterniani, M. E. A. G. Z., & Kanthack, R. A. D. (2001). Temperatura-base e acúmulo térmico no subperíodo semeadura-florescimento masculino em cultivares de milho no Estado de São Paulo. Revista Brasileira de Agrometeorologia, 9(2), 261-268.

Baumhardt, R. L., & Howell, T. A. (2006). Seeding practices, cultivar maturity, and irrigation effects on simulated grain sorghum yield. Agronomy journal, 98(3), 462-470.

Bresolin, M., & Pons, A. L. (1983). Botânica do milho. IPAGRO informa, 26, 69-72.

Coelho, A. M. (2010). A implantação da cultura do sorgo. Sistema de Produção, 2 (6a ed.). Embrapa Milho e Sorgo. ISSN 1679-012X Versão Eletrônica.

Cruz, J. C. C., Alvarenga, R. C., Novotny, E. H., Pereira Filho, I. A., Santana, D. P., Pereira, F. T. F., & Hernani, L. C. (2008). Cultivo do milho. Sete Lagoas: Embrapa Milho e Sorgo.

Cruz, J. C., Pereira Filho, I. A., & Gontijo Neto, M. M. (2012). Milho para silagem. Sete Lagoas: Agencia Embrapa de Informação Tecnológica. Embrapa Milho e Sorgo.

Dourado Neto, D. (1999). Modelos fitotécnicos referentes à cultura do milho. 229 f. Tese (Livre-Docência em Fitotecnia) - Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, Universidade de São Paulo, Piracicaba.

Durães, N. N. L. Heterose em Sorgo Sacarino. (2014). 97 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) – Universidade Federal de Lavras. Programa de Pós-graduação em Genética e Melhoramento de Plantas, Lavras.

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (2010). EMBRAPA Milho e Sorgo. Recuperado de https://www.embrapa.br/imprensa/noticias/2009/maio/2a-semana/sorgo-sacarinodesponta-como-alternativa-promissora-na-producao-de-etanol/

Fornasieri Filho, D. (1992). A cultura do milho. Funep. 273p.

Fornasieri Filho, D. (2007). Manual da cultura do milho. Funep.

Fontes, L. A. N., & Moura Filho, W. (1979). Calagem e adubação. Inf. Agrop., 5(56), 17-19.

Garcia, P. H. D. M. (2020). Valor nutricional da silagem de genótipos de milho e sorgo cultivados em duas densidades de semeadura. In: Nutrição e Produção Animal, (1a ed.), Org. Carlos Alexandre Oelke. Guarujá, SP: Científica Digital. p. 335- 359. ISBN:978-65-87196-42-8

Lima, L. A. R., Silva Júnior, A. B. Ferreira, P. V., Ferreira, P. V., Lira, R. C., Santos, D. F. dos., Carvalho, A. P. V de, Teixeira, J dos S., Carvalho, D. E de., & Cunha, J. L. X. L. (2016). Desempenho de genótipos de milho sob diferentes espaçamentos entre linhas para a produção de forragem. In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA PARA O PROGRESSO DA CIÊNCIA, 68., 2016, Porto Seguro. Anais... Porto Seguro: SBPC, 2016.

Magalhães, P. C., & Durães, F. O. (2006). Fisiologia da produção de milho. Embrapa Milho e Sorgo - Circular Técnica, 76 (INFOTECA-E). 10p.

Magalhães, P. C., Durães, F. O. M., & Rodrigues, J. A. S. (2009). Ecofisiologia do sorgo. Sistemas de Produção, 2 (5a. ed.). Sete Lagoas: Embrapa Milho e Sorgo.

Magalhães, P. C., Durães, F. O. M., Rodrigues, J. A. S (2010). Fisiologia da planta de sorgo. Sete Lagoas: Embrapa Milho e Sorgo, Comunicado técnico, 86. 4p.

Mattoso, M. J., Garcia, L. C., Duarte, J. O., & Cruz, J. C. 2006. Aspectos de produção e mercado do milho. Informe Agropecuário, 27, 95-104.

MAXIAGRO. Sementes e Cereais. (2010). Recuperado de http://www.maxiagrors.com.br/index.php?id=2,12,0,0,1,0

Morais, T. P. D. (2012). 82 f. Adubação nitrogenada e inoculação com Azospirillum brasilense em híbridos de milho. Dissertação (Mestrado em Agronomia) – Universidade Federal de Uberlândia. Programa de Pós-graduação em Agronomia, Uberlândia.

Neumann, M., Restle, J., Filho, D. C. A., Maccari, M., Souza, A. N. M., Pellegrini, L. G., Freitas, A. K. (2005). Produção de forragem e custo de produção da pastagem de sorgo (Sorghum bicolor, L.), fertilizada com dois tipos de adubo, sob pastejo contínuo. Revista Brasileira de Agrociência, 11(2), 215-220.

Paes, M. C. D. Manipulação da composição química do milho: impacto na indústria e na saúde humana. (2008). Artigo em Hypertexto. Recuperado de http://www.infobibos.com/Artigos/2008_4/milho/index.htm

Perazzo, A. F., Santos, E. M., Pinho, R. M. A., Campos, F. S., Ramos, J. P. D. F., Aquino, M. M. D., & Bezerra, H. F. C. (2013). Características agronômicas e eficiência do uso da chuva em cultivares de sorgo no semiárido. Ciência Rural, 43(10), 1771-1776.

Pereira, A. S. et al. (2018). Metodologia da pesquisa científica. UFSM.

Pereira, O. G., Gobbi, K. F., Pereira, D. H., & ribeiro, K. G. (2011). Conservação de forragens como opção para o manejo de pastagens. In Embrapa Caprinos e Ovinos-Artigo em anais de congresso (ALICE). In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 43., 2006, João Pessoa. Produção animal em biomas tropicais: anais dos simpósios. João Pessoa: Sociedade Brasileira de Zootecnia, 2006. p. 507-539.

Pholsen, S., & Suksri, A. (2007). Effects of phosphorus and potassium on growth, yield and fodder quality of IS 23585 forage sorghum cultivar (Sorghum bicolor L. Moench). Pakistan journal of biological sciences: PJBS, 10(10), 1604-1610.

Queiroz, L. R. (2006). 72 f. Leguminosas como fonte de nitrogênio para a cultura do milho. Tese (Doutorado em Produção Vegetal) – Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro, Centro de Ciências e Tecnologias Agropecuárias, Campos dos Goytacazes.

Ritchie, S. W., Hanway, J. J., & Benson, G. O. (2003). Como a planta de milho se desenvolve. Piracicaba: Potafos. Informações agronômicas, 103. 20p.

Santos, F. D., Casela, C. R., & Waquil, J. M. (2005). Melhoramento de sorgo. In BORÉM A. (org). Melhoramento de espécies cultivadas, 2 (2a ed.). (pp. 605-658). Viçosa: UFV.

Santos, G. C. L., Garcia, P. H. M., Viana, T. B. L., Borges, P. F., Araujo, L. S., & Gonzaga Neto, S. (2020). Crescimento e eficiência do uso da água do sorgo sob distintos regimes hídricos contínuos. Archivos de zootecnia, 69(266), 164-171.

Schaffert, R. E., Rodrigues, J. A. S., PARRELLA, R. D. C., & de MENEZES, C. B. (2016). Síntese e melhoramento de populações de intercruzamento para aumentar recombinação genética e facilitar seleção recorrente em sorgo (Sorghum bicolor (L.) Moench). Embrapa Milho e Sorgo-Circular Técnica (INFOTECA-E).

Silva, P. D., Sangoi, L., Argenta, G., & Strieder, M. L. (2006). Arranjo de plantas e sua importância na definição da produtividade em milho. Porto Alegre: Evangraf, 63p.

Toledo, F. D. (1980). Tecnologia das sementes. Melhoramento e produção do milho. Campinas: Fundação Cargill, 571-619.

Viola, E. A. (1980). Considerações sobre a cultura do milho. Instituto de Pesquisa Agronômica. IPAGRO, Porto Alegre, 23, 3-8.

Published

08/03/2021

How to Cite

SILVA, D. F. da .; GARCIA, P. H. de M. .; SANTOS, G. C. de L. .; FARIAS, I. M. S. C. de .; PÁDUA, G. V. G. de .; PEREIRA, P. H. B. .; SILVA, F. E. da .; BATISTA, R. F. .; GONZAGA NETO, S. .; CABRAL, A. M. D. Morphological characteristics, genetic improvement and planting density of sorghum and corn crops: a review. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 3, p. e12310313172, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i3.13172. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/13172. Acesso em: 17 apr. 2021.

Issue

Section

Agrarian and Biological Sciences