Absenteeism of patients with special needs in dental specialties centers

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i3.13527

Keywords:

Patient dropouts; Dentistry; Public health.

Abstract

The present study aimed to verify the absence of patients with special needs in three Regional Dental Specialties Centers (CEO-R), located in the Cariri region. The data were obtained through the Integrated Health Management System in Ceará. In order to verify the association between distance and number of absences, Pearson's correlation analysis was performed and to describe the geographic pattern of the occurrence of absences, thematic maps were built based on the distributions of the absentee rates. When correlating the variables, there is a statistically significant correlation for distance and percentage of absences (p = 0.003) distance and scheduled patients (p = 0.025), distance and confirmed patients (p = 0.018) and distance and completed treatments (p = 0.016). It can be concluded that patients 'absences do not occur seasonally and that the distance to the CEO can be a predictor that presented a positive correlation and strong association with patients' absenteeism.

References

Almeida, W. D. S. D. & Szwarcwald, C. L.(2012). Mortalidade infantil e acesso geográfico ao parto nos municípios brasileiros. Rev Saúde Pública,46(1),68-76.

Antunes, J. L. F., & Waldman, E. A. (2002).Trends and spatial distribution of deaths of children aged 12-60 months in São Paulo, Brazil, 1980-98. Bull World Health Organ, 80(5),391-8.

Brasil. Legado Brasil [online]. 2013. http://legado.brasil.gov.br/noticias/saude/2013/10/brasil-sorridente-e-o-maior-programa-de-saude-bucal-do-mundo

Brasil. Ministério da Saúde. Portaria GM/MS no. 1.341. Cria incentivos adicionais para os CEO que fizerem parte da Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência, 2012, 29 jun.

Brasil. Ministério da Saúde. Portaria GM 1.060/02. Política Nacional de Saúde da Pessoa com Deficiência. Diário Oficial da Republica Federativa do Brasil, Brasília (DF); 2002.

Brasil. Qualificação dos indicadores do manual instrutivo para as equipes de atenção básica (saúde da família, saúde bucal e equipes parametrizadas) e NASF. Básica. Brasilia (DF); 2015. 103 p.

Borden, D. D. J. T. &Thomas ,W. (2009). Hodler Cartography: Thematic Map Design. (6a ed.), 329 p.

Ceará. Secretaria da Saúde. Estatuto do Consórcio Público de Saúde da Microrregião de Cascavel – CPSMCAS. Diário Oficial do Estado, Fortaleza, Caderno Único; 2010; out 5; p.38

Chaves, S. C. L, Cruz, D. N., Barros, S. G. & Figueiredo, A. L.(2011). Avaliação da oferta e utilização de especialidades odontológicas em serviços públicos de atenção secundária na Bahia, Brasil. Cad Saúde Pública, 27(11),143-54.

Cruz, D. F. , Cavalcanti, R. P., de Lucena, E. H. G. & Padilha, W. W. N. (2018). A regulação da atenção à saúde bucal e o absenteísmo: cenários e possibilidades. Rev Família, Ciclos de Vida e Saúde no Contexto Social, 6(2),228-37.

Couto, G. R., Santo, M. A. L., Paiva, S. M., Prado, E. F. & Amaral, R. C. (2021). Análise de desempenho da atenção odontológica especializada em rede de cuidados a pessoa com necessidades especiais. Research, Society and Development, 10 (2), e35710212678.

Fonseca, E. P., Silva, J. P. D .J., Vedovello, S. A. S., Souza, L. Z., Pereira, A. C. & Meneghim, M. C.(2018) Factors associated with absences from orthodontic treatment at a dental specialty center. Cien Saude Colet,23(1),287-94.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Bases cartográficas do Brasil. IBGE; 2010.

INPE .Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Programa Comuputacional TerraView ® [ www.inpe.gov,br.]

Laroque, M. B., Fassa, A. G. & Castilhos, E. D.(2015). Avaliação da atenção secundária em saúde bucal do Centro de Especialidades Odontológicas de Pelotas, Rio Grande do Sul, 2012-2013. Epidemiol Serv Saúde,24(3),421-30.

Macêdo, G. L., Lucena, E. E. S., Lopes, I. K. R. & Batista, L. T. O. (2018). Acesso ao atendimento odontológico dos pacientes especiais: a percepção de cirurgiões-dentistas da atenção básica. Rev Ciênc Plural,4(1),67-80.

McGrath, C. & Bedi, R. (2002). Population based norming of the UK oral health related quality of life measure (OHQoL-UK). Br Dent J,193(9):521-4.

Oliveira, M. A. & Favero, L. P. L. (2002). Uma breve descrição de algumas técnicas para análise de séries temporais: Séries de Fourier, Wavelets, Arima, Modelos Estruturais para séries de tempos e redes neurais. São Paulo: EdUSP.

Perea, L. M. E., Pere,s M. A., Boing, A. F. & Antunes, J. L. F. (2018). Tendência de mortalidade por câncer de boca e faringe no Brasil no período 2002-2013. Rev Saúde Pública,52:10.

Pinto, V. P. T., Teixeira, A. H., Santos, P. R., Araújo, M. W.A ., Moreira, M. A. G. & Saraiva, S. R. M.(2014). Avaliação da acessibilidade ao Centro de Especialidades Odontológicas de abrangência macrorregional de Sobral, Ceará, Brasil. Ciênc Saúde Coletiva,19(7),2235-44.

Sadovsky, A. D. I., Poton, W. L., Reis-Santos, B., Barcelos, M. R. B. & Silva, I. C. M.(2015). Índice de Desenvolvimento Humano e prevenção secundária de câncer de mama e colo do útero: um estudo ecológico. Cad Saúde Pública,31(7),1539-50.

Sampaio, E. F. C., Neves, F. & Martins, M. G. A.(2004). Perfil odontológico dos pacientes portadores de necessidades especiais atendidos no Instituto de Previdência do Estado do Ceará. Rev Bras Promoç Saúde,17(3),127-34.

Santos, C, & Lima, M.(2014). Perfil epidemiológico dos pacientes com necessidades especiais atendidos em um centro de especialidades odontológicas do interior baiano. Rev Baiana de Saúde Pública,38(1),83.

Published

20/03/2021

How to Cite

ARAÚJO, T. C. L. de .; AMARAL, R. C. do; FONSECA, E. P.; OLIVEIRA, L. B. Absenteeism of patients with special needs in dental specialties centers . Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 3, p. e40310313527, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i3.13527. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/13527. Acesso em: 14 apr. 2021.

Issue

Section

Health Sciences