Educational actions developed by nurses for patient safety in the perioperative period

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i9.14971

Keywords:

Patients; Patients education as topic; Health education; Nursing.

Abstract

This article aims to map studies on educational actions about patient safety in the perioperative period, during hospitalization. It is a narrative review based on the mapping of nurses productions, in Brasilian theses and dissertations. Five searches were carried out on december 15, 2020 in the Catalog of Theses and Dissertations of the Coordination for the Improvement of Higher Education Personnel, with varying combinations of descriptors and/or keywords: patient, surgical, patient education as a subject, education in health, patient safety, nursing, perioperative nursing, preoperative period, postoperative period, hospital. The boolean operator “AND” was used to interconnect search terms. Nine productions were selected and analyzed. Several positive perceptions of patients were identified regarding the educational sctions developed, valuing information on hospitalization, surgeries and the quality of various topics addressed for patient safety. The research made it possible to learn about studies that focus on educational actions about patient safety in the perioperative period developed during hospitalization, but they do not make in clear whether patients relate educational actions in health to safety. The analysis of the studies that integrated this review demonstrates the lack of investigations that include educational actions by nurses aimed at the safety of surgical patients.       

Author Biographies

Vivian Lemes Lobo Bittencourt, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul

Doutoranda em Educação nas Ciências. Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões. Santo Ângelo, Brasil.

Maria Simone Vione Schwengber, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul

Educadora física. Doutora em Educação. Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. Ijuí, Brasil.

Eniva Miladi Fernandes Stumm, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul

Enfermeira. Doutora em Ciências da Saúde - enfermagem. Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. Ijuí, Brasil.

References

Barros, L. M. (2017). Efetividade da cartilha “cirurgia bariátrica: cuidados para uma vida saudável” no preparo pré-operatório: ensaio clínico randomizado. 2017. 240 p. Tese (Doutorado em Enfermagem) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza.

Barros, L. M. et al . (2020). Intervenção educativa e indicadores de obesidade de candidatos à gastroplastia: estudo quase-experimental. Acta paul. enferm., São Paulo, v.33, eAPE20180305.

Böck, A. et al. (2019). Ações educativas desenvolvidas no período perioperatório em um hospital universitário: percepção de pacientes cirúrgicos. Rev. enferm. UFSM., v. 9, n. 28, p. 1-20.

Bordallo, F. R. (2013). O processo de educação em saúde em um grupo de orientação de alta às mulheres mastectomizadas. 121 p. Dissertação (Mestrado Profissional em Enfermagem) – Universidade Federal Fluminense, Niterói.

Borsato, L. (2014). Cartilha com orientações de enfermagem para a alta hospitalar: contribuição à educação em saúde do paciente transplantado renal. 2014. 134 p. Mestrado (Mestrado Profissional em Enfermagem) – Universidade Federal Fluminense, Niterói.

Brasil. (2014). Ministério da Saúde, Fundação Oswaldo Cruz, Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Documento de referência para o Programa Nacional de Segurança do Paciente. Brasília: Ministério da Saúde.

Brum, C. N. et al. (2016). Revisão narrativa de literatura: aspectos conceituais e metodológicos na construção do conhecimento da enfermagem. In: LACERDA, M. R.; COSTENARO, R. G. S. (org.). Metodologias da pesquisa para a enfermagem e saúde: da teoria à prática. Porto Alegre: Mória.

Gentil, L. L. S. (2013). Tecnologia educativa de cuidados para o pós-operatório da cirurgia de revascularização miocárdica: uma ferramenta para o paciente e família. 161 p. Dissertação (Mestrado em Enfermagem no cuidado do adulto) – Universidade de São Paulo, São Paulo.

Han, J. et al. (2018). Effects of health education intervention on negative emotion and quality of life of patients with laryngeal cancer after postoperative radiotherapy. Cancer radiother, v. 22, n. 1, p. 1-8.

Ito, N. A. P. (2017). Orientações na alta hospitalar a partir das necessidades sentidas por pacientes submetidos à cirurgia ortopédica. 89 p. Dissertação (Mestrado Profissional em Educação nas Profissões da Saúde Instituição de Ensino) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Sorocaba.

Mata, L. R. F. D. (2013). Efetividade de um programa de ensino para o cuidado domiciliar de pacientes submetidos à prostatectomia radical: ensaio clínico randomizado. 2013. 191 p. Tese (Doutorado em Enfermagem) – Universidade de São Paulo, São Paulo.

Paiva, B. C., Sousa, C. S., Poveda, V. B., & Turrini, R. N. T. (2017). Avaliação da efetividade da intervenção com material educativo em pacientes cirúrgicos: revisão integrativa da literatura. Rev. Sobecc, São Paulo. v.22, n.4, p.208-217.

Pinto, A. C. S. (2016). Tecnologias educacionais na assistência perioperatória em cirurgia ortopédica no contexto da consulta de enfermagem. 193 p. Tese (Doutorado em Enfermagem) – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro.

Rosseto, C. K. R. (2013). Influência do processo educativo de enfermagem no pré e pós-operatório de paciente de cirurgia cardíaca. 101 p. Dissertação (Mestrado Profissional em Enfermagem Instituição de Ensino) – Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória.

Rosseto, C. K. R. et al. (2017). Intervenção educativa de enfermagem ao cliente submetido à cirurgia cardíaca. Rev. baiana enferm., Salvador, v.31, n. 4, e22441.

Sousa, C. S. (2016). Avaliação do uso de uma tecnologia educativa na educação perioperatória de cirurgia ortognática: ensaio clínico randomizado. 135 p. Tese (Doutorado em Enfermagem) – Universidade de São Paulo, São Paulo.

Vasconcelos, E. M. (2019). Educação popular em saúde: constituição e transformação de um campo de estudos e práticas na saúde coletiva. In: PELICIONI, M. C. F.; MIALHE, F. L. Educação e promoção da saúde: teoria e prática. 2. ed. Rio de Janeiro: Santos.

Vasconcelos, E. M.; Cruz, P. J. S. C.; & Prado, E. V. (2016). A contribuição da Educação Popular para a formação profissional em saúde. Interface comun. saúde educ., v. 20, n. 59, p. 835-838.

Who. (2008). World Health Organization. World Alliance for Patient Safety. Forward Programme 2008-2009. Geneva: WHO.

Zhuo, Q. et al. (2020). Perceptions of patients undergoing percutaneous coronary intervention on pre-operative education in China: a qualitative study. Health Expectations, v. 00, n. 1, p. 1-10.

Published

23/07/2021

How to Cite

BITTENCOURT, V. L. L.; SCHWENGBER, M. S. V.; STUMM, E. M. F. . Educational actions developed by nurses for patient safety in the perioperative period. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 9, p. e40910914971, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i9.14971. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/14971. Acesso em: 26 sep. 2021.

Issue

Section

Health Sciences