Palliative care: Knowledge of health academics

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i6.15430

Keywords:

Palliative care; Knowledge; Teaching; Health sciences.

Abstract

Objective: to describe the knowledge of academics in the field of health about palliative care (PC), in addition to analyzing data about the students' perception of palliative care. Methodology: Exploratory descriptive study with a quantitative approach, carried out with students from the Nursing, Pharmacy, Physiotherapy, Speech Therapy, Medicine, Nutrition, Dentistry and Occupational Therapy courses; enrolled from the 3rd cycle / year of graduation; who agreed to participate in the research. Results: The sample consisted of 254 academics, with the majority being female (65.8%). As for the cycle, 49.2% were from cycle III, 29.5% cycle IV, 17,0% cycle V; 4.3% cycle VI. Almost all participants (98.4%) reported that PC discipline was very important or important during graduation. More than 60% of academics associated palliative PCs as any measure with a curative intent, going against what the PC concepts / philosophy proposes. Conclusion: It is evident how important the approach to PC in the curriculum is, however, the gap that still exists in the undergraduate courses surveyed is also evident. It is necessary to include specific disciplines and extracurricular actions on the subject in the curricula of health courses.

References

Barros, S. C. V. & Mourão, L. (2018). Panorama Da Participação Feminina Na Educação Superior, No Mercado De Trabalho E Na Sociedade. Psicol. Soc, 30, 1–11.

Braide, C. S. L., Leal, P. C. & Souza, M. H. S. L. (2018). Avaliação do grau de conhecimento sobre cuidados paliativos e dor dos estudantes de medicina em uma faculdade particular de São Luís/MA. Rev. Invest. Bioméd., 10(3), 207-218.

Brasil, Ministério da Educação. (2007). Conselho Nacional de Educação. Câmara da Educação Superior. Resolução nº 01, de 08 de julho de 2007. Estabelece normas para o funcionamento de cursos de pós-graduação lato sensu, em nível de especialização.

Brasil, Ministério da Saúde. (2012). Conselho Nacional de Saúde. Resolução n. 466, de 12 de dezembro de 2012. Aprova diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. Brasília, Diário Oficial da União.

Brasil, Ministério da Saúde. (2018). Resolução nº 41, de 31 outubro de 2018. Dispõe sobre as diretrizes para a organização dos cuidados paliativos, à luz dos cuidados continuados integrados, no âmbito Sistema Único de Saúde (SUS). Brasília, Diário Oficial da União.

Camargos, M. C. S., Gonzaga, M. R., Costa, J. V. & Bomfim, W. C. (2019). Disability-free life expectancy estimates for Brazil and major regions, 1998 and 2013. Ciênc. saúde Coletiva. 24(3), 737–748.

Carvalho, R. T. & Parsons, H. A. (2012). Manual de cuidados paliativos ANCP. 2.ed. São Paulo.

Chaves, M., Araújo, L. F. R. C., Dias, R. R. D. & Cruz, J. A. M. (2019). Conhecimento dos acadêmicos de enfermagem de uma universidade privada da região metropolitana de Belo Horizonte-MG sobre cuidados paliativos. Enferm. Revista, 21(3), 59–69.

Costa, A. P., Poles, K. & Silva, A. E. (2016). Palliative care education: experience of medical and nursing students. Interface (Botucatu), 20(59),1041–52.

Frizzo, K., Bertolini, G., Caron, R., Steffani, J. A. & Bonamigo, E. L. (2013). Percepção dos acadêmicos de medicina sobre cuidados paliativos de pacientes oncológicos terminais. Revista Bioethikos, 7(4), 367–375.

GBD 2016 Brazil Collaborators (2018). Burden of disease in Brazil, 1990–2016: a systematic subnational analysis for the Global Burden of Disease Study 2016. The Lancet, 392(10149), 760-775.

Head, B. A., Schapmire, T. J., Earnshaw, L., Chenault, J., Pfeifer, M., Sawning, S. & Shaw, M. A. (2016). Improving medical graduates' training in palliative care: advancing education and practice. Adv. Med. Educ. Pract., 7, 99-113.

Lemos, C. F. P., Barros, G. S., Melo, N. C. V., Amorim, F. F. & Santana, A. N. C. (2017). Avaliação do Conhecimento em Cuidados Paliativos em Estudantes durante o Curso de Medicina. Rev. Bras. Educ. Med., 41(2), 278–282.

Lopes, S. A. P. (2013). Cuidados paliativos: conhecimentos dos estudantes de licenciatura de enfermagem [dissertação]. Viseu: Instituto Politécnico de Viseu.

Li, J., Smothers, A., Fang, W. & Borland, M. (2019). Undergraduate Nursing Students’ Perception of End-of-Life Care Education Placement in the Nursing Curriculum. J. Hosp. Palliat. Nurs., 21(5), E12–E18, 2019.

Medeiros, M. O. S. F., Meira, M. V., Fraga, F. M. R., Nascimento Sobrinho, C. L., Rosa, D. O. S. & Silva, R. S. (2020). Bioethical conflicts in end of life care. Rev. Bioét., 28(1), 128-34.

Morais, A. R. G., Viana, L. F. S., Camargo, A. P. & Dutra, F. O. (2015). A importância da formação paliativista no currículo médico brasileiro: quando o curar não é possível. Revista UNINGÁ., 46(1), 22–28.

Ribeiro, B. S., Coelho, T. O., Boery, R. N. S. O., Vilela, A. B. A., Yarid, S. D. & Silva, R. S. (2019). Ensino dos Cuidados Paliativos na graduação em Enfermagem do Brasil. Enferm. Foco, 10(6), 131–136.

Santos, A. F. J., Ferreira, E. A. L. & Guirro, U. B. P. (2020). Atlas dos cuidados paliativos no Brasil 2019. ANCP.

Santos, M. A., Aoki, F. C. O. S. & Oliveira-Cardoso, É. A. (2013). Significado da morte para médicos frente à situação de terminalidade de pacientes submetidos ao Transplante de Medula Óssea. Ciênc. saúde coletiva., 18(9), 2625–2634.

Silva, C. F., Souza, D. M., Pedreira, L. C., Santos, M. R. & Faustino, T. N. (2013). Concepções da equipe multiprofissional sobre a implementação dos cuidados paliativos na unidade de terapia intensiva. Ciênc. saúde coletiva., 18(9), 2597–2604.

Vasconcelos, M. C. C. (2017). Avaliação do conhecimento sobre cuidados paliativos entre estudantes de medicina de uma universidade no nordeste do Brasil [Monografia]. Aracaju: Universidade Federal de Sergipe.

World Health Organization (2002). National cancer control programmes: policies and managerial guidelines. 2ed. Geneva.

Published

20/05/2021

How to Cite

FONSECA, L. dos S.; ARAÚJO, M. S. de .; SANTOS, R. N.; SÁ, L. T. G. da S.; SANTOS, J. C. de O.; FERREIRA, L. L. de L.; CARVALHO, B. C.; KAMEO, S. Y. Palliative care: Knowledge of health academics. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 6, p. e3310615430, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i6.15430. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/15430. Acesso em: 19 jun. 2021.

Issue

Section

Health Sciences