Women’s experience and conception about the climate: A bibliographic review

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i6.15557

Keywords:

Climacteric; Menopause; Women's health; Sexual health.

Abstract

Introduction: Climacteric is a period in which the transition from the reproductive to the non-reproductive period takes place, and can occur between 40 and 65 years. Objective: To know the conception of women regarding the climacteric period and the possible consequences on sexual and emotional life, through a literature review. Methodology: For the development of this research, a bibliographic review was performed, where techniques of data collection through the authors' thoughts and ideas were used. Results and Discussion: Dose (11) scientific articles, seven (07) bibliographic review. Changes during the climacteric cycle cause a confrontation during this cycle beyond the hormonal factors, interfering in the emotional, social and sexual. Conclusion: It has been shown that each woman experiences the climacteric in a unique way, as much as the age at which it starts, and the way it settles down, being natural or surgical.

References

Brasil. (2008). Ministério da Saúde. Manual de Atenção à Mulher no Climatério/ Menopausa. Brasília, DF. http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/caderno_atencao_basica_diretrizes_nas f.pdf.

Brasil. (2016). Ministério da Saúde. Protocolo de Atenção Básica Saúde das Mulheres. Brasília, DF. http//bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/protocolos_atencao_basica_saude_m ulheres.pdf.

Da Silva, C. B. et al. (2015). Atuação de Enfermeiros na Atenção às Mulheres no Climatério. Rev. Enferm. UFPE on line, 312-318. https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/10341/11047.

Da Silva, M. G., Dias, M. S.; & Oliveira, M. P. (2019). O período climatérico sob ótica da mulher. Saber Digital. 12(1), 29-38. http://revistas.faa.edu.br/index.php/SaberDigital/article/view/723.

De Bitencourt, C.C. et al. (2011). Vida da Mulher no Climatério: Um mapeamento das alterações manifestadas. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação em Saúde, 5(3). https://homologacao-reciis.icict.fiocruz.br/index.php/reciis/article/view/565.

De Carvalho, M. L. et al. (2018). Influências do climatério em relacionamentos conjugais: perspectiva de gênero. http://repositorio.ufc.br/handle/riufc/37645.

Ferreira, I. C. C., Silva, S. S., & de Almeida, R. S. (2015). Menopausa, sinais e sintomas e seus aspectos psicológicos em mulheres sem uso de reposição hormonal. Ensaios e Ciência: C. Biológicas, Agrárias e da Saúde. 19(2). https://revista.pgsskroton.com/index.php/ensaioeciencia/article/view/3182.

Figueiredo Júnior, J. C., et al. (2020). A influência dos sintomas climatéricos na saúde da mulher. Nursing (São Paulo), 3996-4001. https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-1102701?src=similardocs.

Febrasgo, Comissões Nacionais Especializadas Ginecologia e Obstetrícia. (2010). Climatério, Manual de Orientação em Climatério, São Paulo, SP.

Nogueira, J. S. et al. (2018). Sintomas psicológicos em mulheres climatéricas cardiopatas. Cogitare Enfermagem, 23(2).

Oliveira Júnior, M. L. de. (2016). Climatério-principais alterações fisiológicas, emocionais e sociais que ocorrem nas mulheres.

Piecha, V. H. et al. Women’s insights about the climacteric period/Percepções de mulheres acerca do climatério. Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online, 10(4), 906-912. http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/download/6259/pdf.

Pires, V. M. M. M. et al. (2019). Violência por parceiro intimo em abuso de álcool perpetrada contra mulheres no climatério. Revista de Enfermagem da UFSM, 9, 45. https://periodicos.ufsm.br/reufsm/article/view/34201/html.

Santos, L. M. et al. (2007). Síndrome do climatério e qualidade de vida: uma percepção das mulheres nessa fase da vida. Revista APS, 10(1), 20-26. http://www.ufjf.br/nates/files/2009/12/Climaterio.pdf.

Sarduy, M. I. T. et al. (2019). Symptoms and diseases associated with climacteric and menopause. Medicentro,23(2), 116-124. https://www.medigraphic.com/cgi- bin/new/resumenI.cgi?IDREVISTA=298&IDARTICULO=86749&IDPUBLICACION=8304.

Selbac, M. T., et al. (2018). Mudanças comportamentais e fisiológicas determinadas pelo ciclo biológico feminino–climatério à menopausa. Aletheia, 51(1,2). http://www.periodicos.ulbra.br/index.php/aletheia/article/view/4921.

Serpa, M. A. et al. (2016). Fatores associados à qualidade de vida em mulheres no climatério. Reprodução & Climatério, 31(2), 76-81. https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1413208716300152.

Silva, A. P. A. A., & Pontes, L. S. (2020). Assistência de Enfermagem à Mulheres No Climatério. https://dspace.uniceplac.edu.br/handle/123456789/355.

Soares, G. R. de Souza. et al. (2018). O conhecimento produzido acerca de climatério, família e envelhecimento. Rev. enferm. UERJ, e32588-e32588. https://www.e- publicacoes.uerj.br/index.php/enfermagemuerj/article/view/32588.

Una-Sus, UFMA. (2013). Curso de Especialização, Saúde da mulher geral, São Luís, MA. https://ares.unasus.gov.br/acervo/.../Provab-2012.1_Modulo11_Introducao.pdf.

Valença, C. N., do Nascimento Filho, J. M., & Germano, R. M. (2010). Mulher no climatério: reflexões sobre desejo sexual, beleza e feminilidade. Saúde e Sociedade, 19, 273-285. v. 19, p. 273-285, 2010. https://www.scielosp.org/article/sausoc/2010.v19n2/273-285/pt/.

VELOSO, L. C., Maranhão, R. M. S., Lopes, V. M. L.V. (2013). Alterações biopsicossociais na mulher climatérica: uma revisão bibliográfica. Revista Interdisciplinar, 6(3), 187-194.

Vianna, I. O. (2010). Metodologia do trabalho científico: um enfoque didático da produção científica. São Paulo: EPU.

VIEIRA, T. M. M. et al. (2018). Vivenciando o climatério: percepções e vivencias de mulheres atendidas na atenção básica. Enfermagem em foco, 9(2). http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/view/1084.

Published

22/05/2021

How to Cite

MACIEL, J. B. L. .; SIPAÚBA, A. J. C. .; ANDRADE, T. L. da C. .; BARROSO, H. L. M. R. .; AMORIM, J. F. de .; SILVA, K. de S. M. da .; SOUZA, A. da S. . Women’s experience and conception about the climate: A bibliographic review. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 6, p. e9710615557, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i6.15557. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/15557. Acesso em: 15 jun. 2021.

Issue

Section

Review Article