Nursing Actions Focused on Patient Permanence Schizophrenic Linked to the Psychosocial Care Center CAPS

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i6.15717

Keywords:

Nurse; CAPS; Schizophrenic.

Abstract

Schizophrenia is a complex psychiatric disorder that begins early in an individual's life and presents several social and cognitive deficits characterized by distortions of thought, self-perception, delusions, hallucinations, psychosis, and external reality. The objective was to analyze the actions developed by nurses in the Psychosocial Care Centers CAPS aimed at the permanence of the schizophrenic patient in treatment. An integrative literature review study was carried out with several searches in the databases Virtual Health Library (VHL), BDENF, LILACS, and SCIELO, with the descriptors: "Nurse", "Schizophrenia", and "CAPS". A total of 305 articles were selected, and after the inclusion and exclusion criteria were applied, 31 articles were selected for reading. After reading, 7 articles were selected that met the research objective. The results of the sample showed that the existing actions are constantly being improved and new strategies are being developed to keep the patient in the treatment.  It is concluded that the nurse stands out in the care provided to the user with schizophrenia in health services, due to the bond established and responsibility in the structuring of strategies for the promotion of mental health.

References

Bossato, H. R., Oliveira, R. M. P. D., Dutra, V. F. D., & Loyola, C. M. D. (2021). A enfermagem e o protagonismo do usuário no CAPS: um estudo na perspectiva construcionista. Revista Gaúcha de Enfermagem, 42(SPE), e20200082.

Costa, R. F. (2018). Physical activity, lifestyle-related factors and psychological determinants among patients with schizophrenia.267, 382-393.

D'Assunção, C. F., dos Santos, A. L. D., Lino, F. A., & Silveira, E. A. A. (2016). A percepção da enfermagem sobre o relacionamento com os cuidadores dos portadores de Esquizofrenia: o olhar de um serviço de referência. Revista de Enfermagem do Centro-Oeste Mineiro. 6(1) 2034-2051.

Nascimento P. R. P., Aguiar, A. S. C., Cândido, D. A., Monteiro, A. R. M., Almeida, P. C., Roscoche, K. G. C., & Reis, P. A. M. (2019). Análise do perfil de usuários atendidos em um Centro de Atenção Psicossocial/Analysis of the profile of users assisted in a psychosocial care center/Análisis del perfil de usuarios atendidos en un centro de atención psicosocial. Journal Health Npeps. 4(1), 132-143.

Ferreira, T. P. D. S., Sampaio, J., Souza, A. C. D. N., Oliveira, D. L. D., & Gomes, L. B. (2017). Care production in Mental Health: the challenges beyond institutional walls. Interface-Comunicação, Saúde, Educação, 21(61), 373-384.

Ferreira, T. P. D. S., Sampaio, J., Souza, A. C. D. N., Oliveira, D. L. D., & Gomes, L. B. (2016). Produção do cuidado em Saúde Mental: desafios para além dos muros institucionais. Interface-Comunicação, Saúde, Educação, 21, 373-384.

Galvão, T. F., & Pereira, M. G. (2014). Revisões sistemáticas da literatura: passos para sua elaboração. Epidemiologia e Serviços de Saúde, 23, 183-184.

Giacon, B. C. C., & Galera, S. A. F. (2006). Primeiro episódio da esquizofrenia e assistência de enfermagem. Revista da Escola de Enfermagem da USP, 40(2), 286-291.

Grigolo, T. M. (2010). O Caps me deu voz, me deu escuta: um estudo das dimensões da clínica nos Centros de Atenção Psicossocial na perspectiva de trabalhadores e usuários. 283f, 1-283.

Lima, D. U. D., Garcia, A. P. R. F., & Toledo, V. P. (2013). Compreendendo a equipe de enfermagem na assistência ao paciente esquizofrênico. Revista Rene; 14(3), 503-11.

Lima, R. V. M. D., Pedrão, L. J., Gonçalves, J. G., & Luis, M. A. V. (2010). Papéis, conflitos e gratificações do enfermeiro de serviços abertos de assistência psiquiátrica. Revista Eletrônica de Enfermagem, 12(2), 348-53.

Maftum, M. A., Pagliace, Â. G. D. S., Borba, L. D. O., Brusamarello, T., & Czarnobay, J. (2017). Changes in professional practice in the mental health area against brazilian psychiatric reform in the vision of the nursing team. Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online, 9(2), 309-314.

Miasso, A. I., Miamoto, C. S., do Carmo Mercedes, B. P., & Vedana, K. G. G. (2015). Adesão, conhecimento e dificuldades relacionados ao tratamento farmacológico entre pessoas com esquizofrenia. Revista Eletrônica de Enfermagem, 17(2), 186-95.

MOLL, M. F., Oliveira, K. J. A., Emerson dos Reis, D. I. A. S., & VENTURA, C. A. A. (2012). O abandono ao tratamento entre pacientes assistidos em um Centro de Atenção Psicossocial. Journal of Nursing and Health, 2(1), 18-27.

Oliveira, L. C. D., Silva, R. A. R. D., Medeiros, M. N. D., Queiroz, J. C. D., & Guimarães, J. (2015). Humanized care: discovering the possibilities in the practice of nursing in mental health. Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online, 7(1), 1774-1782.

Organização Mundial da Saúde. (2000). Classificação estatística internacional de doenças e problemas relacionados à saúde: CID-10.

Pintor, L. A., Toledo, V. P., & Garcia, A. P. R. F. (2018). Nursing care based on the perspective of the subject of the unconscious and its contribution to the Singular Therapeutic Project. SMAD. Revista eletrônica saúde mental álcool e drogas, 14(1), 20-27.

Silva Junior, A. G. D., & Mascarenhas, M. T. M. (2004). Avaliação da atenção básica em saúde sob a ótica da integralidade: aspectos conceituais e metodológicos. In Cuidado: as fronteiras da integralidade (pp. 241-257).

Silva, T. F. C. D., Lovisi, G. M., Verdolin, L. D., & Cavalcanti, M. T. (2012). Adesão ao tratamento medicamentoso em pacientes do espectro esquizofrênico: uma revisão sistemática da literatura. Jornal Brasileiro de Psiquiatria, 61(4), 242-251.

Soares, C. B., Hoga, L. A. K., Peduzzi, M., Sangaleti, C., Yonekura, T., & Silva, D. R. A. D. (2014). Revisão integrativa: conceitos e métodos utilizados na enfermagem. Revista da Escola de Enfermagem da USP, 48(2), 335-345.

Soares, S. R. R., & Toyoko, S. (2006). O centro de atenção psicossocial sob a ótica dos usuários. Revista Latino-Americana de Enfermagem, 14(6), 923-929.

Soratto, M. T. (2014). O CAPS na vida do portador de esquizofrenia. Enfermagem Brasil, 13(3), 141-146.

Souza, J. D., Almeida, L. Y. D., Veloso, T. M. C., Barbosa, S. P., & Vedana, K. G. G. (2013). Estratégia de Saúde da Família: recursos comunitários na atenção à saúde mental. Acta Paulista de Enfermagem, 26(6), 594-600.

Vedana, K. G. G., Cirineu, C. T., Zanetti, A. C. G., & Miasso, A. I. (2013). Agindo em busca de alívio: enfrentamento da esquizofrenia e dos incômodos ocasionados pelo tratamento medicamentoso/Acting for relief: coping with schizophrenia and nuisances caused by drug treatment. Ciência, Cuidado e Saúde, 12(2), 365-374.

Zanetti, A. C. G., Rossi, M., Vedana, K. G. G., Gherardi-Donato, E. C., & Gouveia, R. I. (2019). Cuidado de enfermagem na Atenção Primária à Saúde ao paciente com esquizofrenia. Saúde & Transformação Social/Health & Social Change, 10(1/2/3), 201-208.

Zerbetto, S. R., Efigênio, E. B., dos Santos, N. L. N., & Martins, S. C. (2011). O trabalho em um Centro de Atenção Psicossocial: dificuldades e facilidades da equipe de enfermagem. Revista Eletrônica de Enfermagem, 13(1), 99-109.

Zóccoli, B. D. O., Prado, F., Roldão, M. D. S., & Pereira, V. P. (2016). Atuação e estratégias do enfermeiro na ressocialização do paciente esquizofrênico. Revista Eletrônica Estácio Saúde, 5(1), 48-60.

Published

18/05/2021

How to Cite

LEITE, L. P. L.; SANTOS, K. . R. dos; VELOSO , L. C. Nursing Actions Focused on Patient Permanence Schizophrenic Linked to the Psychosocial Care Center CAPS. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 6, p. e13010615717, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i6.15717. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/15717. Acesso em: 20 jun. 2021.

Issue

Section

Health Sciences