Perception of the population of Santa Maria de Itabira (MG) concerning the implantation of an iron ore mine in the region of Morro Escuro

Authors

  • Marina Ferreira de Andrade Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira
  • Juni Cordeiro Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira
  • Giovanna Moura Calazans Universidade Federal de Minas Gerais
  • Graziele Lage Alves Santiago Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira
  • Cristina Donizeti Bernardes Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira
  • José Luiz Cordeiro Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira
  • Juliana Caroni Silva Guimarães Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira

DOI:

https://doi.org/10.17648/rsd-v7i1.99

Keywords:

Economic growth; Sustainable development; Social and environmental impacts; Mineral resources.

Abstract

Mining activity represents one of the fundamental sectors for the world economy, acting in the supply of raw materials for the most varied segments and in maintaining the population quality of life. However, mining triggers social, economic and environmental impacts, which require the establishment of policies that allow the development of this activity in a more efficient way. In this context, this research aimed to analyze the perception of Santa Maria de Itabira (MG) population about the implantation of an iron ore mine along the Serra de Morro Escuro and the socioeconomic and environmental impacts resulting from this activity. For that, questionnaires were applied to 371 residents of this municipality. Thus, it was possible to evaluate that despite the population identifies the negative socio-environmental impacts triggered by the mining activity, such as degradation, pollution, deforestation, contamination, accident risk and health problems, a significant portion considers it important to install such activity in the city, given the possibility of job creation and economic growth of the municipality. It is important to carry out new research aimed at understanding the aspirations and perceptions of the different social actors involved in mineral extraction, so that this activity can promote sustainable practices that allow citizens the right to meet their needs without compromising those related to the future generation.

References

APPOLINÁRIO, F. Metodologia da ciência: filosofia e prática da pesquisa. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2009.

BECKER, L. C.; PEREIRA, D. C.O Projeto Minas-Rio e o desafio do desenvolvimento territorial integrado e sustentado: a grande mina em Conceição do mato Dentro. In: FERNANDES, F. R. C.; ENRÍQUEZ, M. A. R. S.; ALAMINO, R. C. J. (Ed.). Recursos minerais & Sustentabilidade territorial: grandes minas. Rio de janeiro: CTEM/MCTI, 2011. p. 229-258. Disponível em:<http://www.cetem.gov.br/workshop/pdf/L2.pdf>. Acesso em: 17 set. 2017.

BORGES, L. A. F. Gerenciamento ambiental de projetos de mineração: um estudo de caso. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mineral) – Universidade Federal de Ouro Preto. Ouro Preto, Minas Gerais. 2009. 76 p.

BOTELHO, J. M.; CRUZ, V. A. G. Metodologia científica. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2013. 135 p.

BRAGA, F. C. S. A sequência portadora de formação ferrífera da Serra do Morro Escuro, Santa Maria de Itabira, Minas Gerais. Dissertação (Mestrado em Geologia) – Instituto de Geociências da Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte. 2012. 130 p.

BRANDALISE, L. T.; BERTOLINI, G. R. F.; ROJO, C. A.; LEZANA, A. G. R.; POSSAMAI, O. A percepção e o comportamento ambiental dos universitários em relação ao grau de educação ambiental. Universidade Federal de São Carlos. Gestão & Produção: v. 16, n. 2, p. 273-285. São Paulo. 2009. Disponível em:<http://www.scielo.br/pdf/gp/v16n2/v16n2a10>. Acesso em: 11 out. 2017.

CARVALHO, R. P. A sequência orosiriana-estateriana e evolução tectôno-metamórfica da borda leste do Espinhaço Meridional na Região de Santa Maria de Itabira-MG. Dissertação (Mestrado em Geologia) – Programa de Pós-Graduação em Geologia do Instituto de Geociências da Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte, Minas Gerais. 2013. 157 p.

CASTRO, N. F. CARVALHO, R. E. A. CARRISSO, R. C. C. Estudo da percepção da mineração de estudantes de ensino médio e universitário: papel dos profissionais na divulgação de informação. Centro de Tecnologia Mineral (CETEM). Rio de Janeiro. 2005. 8p.

CERVO, A. L.; BERVIAN, P. A.; SILVA, R. Metodologia Científica. 6. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

COSTA, E. J. M.; CARMO, E. D.; PATRICIO, J. C. S.; MAUÉS, M.; TAVARES, R.; FERNANDES, R. D.; AGUIAR, S.; REIS, W. C. O Projeto Juriti Sustentável: uma proposta alternativa de desenvolvimento territorial?. In: FERNANDES, F. R. C.; ENRÍQUEZ, M. A. R. S.; ALAMINO, R. C. J. (Ed.). Recursos minerais & Sustentabilidade territorial: grandes minas. Rio de janeiro: CTEM/MCTI, 2011. p. 69-96. Disponível em:<http://www.cetem.gov.br/workshop/pdf/L2.pdf>. Acesso em: 17 set. 2017.

DEPARTAMENTO NACIONAL DE PRODUÇÃO MINERAL (DNPM). Informe Mineral, janeiro/junho de 2015. Brasília. 23p.

ENRÍQUEZ, M. A. R, S.; FERNANDES, R. D.; ALAMINO, R. C. J. A mineração das grandes minas e as dimensões da sustentabilidade. In: FERNANDES, F. R. C.; ENRÍQUEZ, M. A. R. S.; ALAMINO, R. C. J. (Ed.). Recursos minerais & Sustentabilidade territorial: grandes minas. Rio de janeiro: CTEM/MCTI, 2011. p. 01-17. Disponível em:<http://www.cetem.gov.br/workshop/pdf/L2.pdf>. Acesso em: 17 set. 2017.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Santa Maria de Itabira. 2014. Disponível em: <http://cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?codmun=315800>. Acesso em: 07 out. 2017.

LERMEN, H. S. Percepção ambiental dos moradores da Vila Parque Santa Anita – Porto Alegre. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Saúde Pública) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, Rio Grande do Sul. 2008. 63 p. Disponível em:<https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/15430/000678473.pdf?sequence=1>. Acesso em: 11 out. 2017.

MARCONI, M. de A.; LAKATOS, E. M. Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisas, amostragens e técnicas de pesquisas, elaboração, análise e interpretação de dados. 3.ed. São Paulo: Atlas, 1996.

MARTINS, N. S. F. Dinâmica Urbana e Perspectivas de Crescimento – Itabira / Minas Gerais. 113 p. 2003. Dissertação (Mestre em Economia) – Universidade Federal de Minas Gerais.

PEREIRA, D. C.; WILDHANGEN, R. O.; ROSA, J. C. S.; SILVA, F. M. L. Cenários socioambientais em municípios com mineração: uma experiência extensionista. VII Seminário de Extensão Universitária: Laboratório de Cenários Socioambientais (LABCEN) – NUMAS/PROEX/PUC Minas. 2013. 16 p.

POVEDA, E. P. R. Seguro garantia como instrumento de gestão para a mitigação de danos ambientais na mineração. Tese de doutorado. Universidade Federal de Campinas – UNICAMP, Instituto de Geociência. Campinas, 2012. 233 p.

PRODANOV, C.C.; FREITAS, E.C. Metodologia do trabalho científico: métodos e técnicas da pesquisa e do trabalho acadêmico. – 2. ed. – Novo Hamburgo: Feevale, 2013.

RODRIGUES FILHO, S.; VIANA, M. B. Gestão da água: o desafio do zinco em Vazante-MG. In: FERNANDES, F. R. C.; ENRÍQUEZ, M. A. R. S.; ALAMINO, R. C. J. (Ed.). Recursos minerais & Sustentabilidade territorial: grandes minas. Rio de janeiro: CTEM/MCTI, 2011. p. 333-359. Disponível em:<http://www.cetem.gov.br/workshop/pdf/L2.pdf>. Acesso em: 17 set. 2016.

ROESER, H. M. P.; ROESER, P. A. O Quadrilátero Ferrífero - MG, Brasil: aspectos sobre sua história, seus recursos minerais e problemas ambientais relacionados. Geonomos. v. 18, v. 1, p. 33-37. 2010.

SILVA, D. M. Percepção da população de barão de cocais (MG) acerca da criação do parque nacional da Serra do Gandarela e seu impacto na atividade minerária da região. Monografia (Bacharel em Engenharia Ambiental) - Faculdade de Ciências Administrativas e Contábeis de Itabira – FACCI. Itabira, Minas Gerais. 2015a. 114 p.

SILVA, R. A. Percepção da população acerca da atividade minerária e contaminação do solo e da água por arsênio no município de Santa Bárbara - MG. Monografia (Bacharel em Engenharia Ambiental) - Faculdade de Ciências Administrativas e Contábeis de Itabira – FACCI. Itabira, Minas Gerais. 2015b. 104 p.

SILVA, R. A.; CORDEIRO, J.; BERNARDES, C. D.; ALVARENGA, C. A.; CORDEIRO, J. L.; CALAZANS, G. M. Percepção da população do município de Santa Bárbara (MG) acerca da atividade minerária e da contaminação do solo e da água por arsênio. Research, Society and Development, v. 5, n. 3, p. 225-244, jul. 2017.

VALENTE, S.; FIGUEIREDO, E.; COELHO, C. Entre os riscos e os benefícios – análise da percepção social do risco em duas comunidades mineiras. VI Congresso de Sociologia – Mundos sociais: saberes e práticas – Universidade Nova de Lisboa. 2008. 16 p.

VERGARA, S. C. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 5 ed. São Paulo: Atlas, 2004.

Published

01/01/2018

How to Cite

ANDRADE, M. F. de; CORDEIRO, J.; CALAZANS, G. M.; SANTIAGO, G. L. A.; BERNARDES, C. D.; CORDEIRO, J. L.; GUIMARÃES, J. C. S. Perception of the population of Santa Maria de Itabira (MG) concerning the implantation of an iron ore mine in the region of Morro Escuro. Research, Society and Development, [S. l.], v. 7, n. 1, p. e871141, 2018. DOI: 10.17648/rsd-v7i1.99. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/178. Acesso em: 28 sep. 2021.

Issue

Section

Articles