The theme “Health of the Elderly” in Revista Brasileira Multidisciplinar: Analysis of a decade (2010 – 2020)

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i9.18309

Keywords:

Elderly Health; Health; Multidisciplinary Action.

Abstract

With the current changes in demographic profiles, multidisciplinary work has gained prominence with regard to the health of the elderly, understanding that comprehensive care can interfere with health outcomes, whether through prevention, treatment or reduction of injuries. The aim of this study was to investigate publications on elderly health in the Revista Brasileira Multidisciplinar, as well as to discuss possible issues related to comprehensive health care for the elderly. This is a retrospective, bibliographical and exploratory review study, carried out between May and June 2021, with a descriptive approach, in the database "Multidisciplinary Brazilian Journal" through the descriptors/key words "Health of the Elderly" "Elderly" and “Elderly”. Inclusion criteria were complete articles published in the journal between January 2010 and December 2020 identified in June 2021. Only articles that had any relationship with the health of the elderly were included. In total, 5 articles participated in the study. With regard to the authors' initial training, it was observed that the Nursing course was the one with the highest prevalence. Authors with training in Dentistry, Nutrition, Physical Education and Medicine were identified, showing that there is a consolidation process between the health of the elderly and the care provided in a multidisciplinary way. Literature review studies were found showing preventive strategies that enable a healthier aging process, delaying the development and worsening of diseases. It is concluded that multidisciplinary care presents itself as an alternative to guarantee comprehensive care.

References

Araújo, N. P. et al. (2008). Aspectos sociodemográficos, de saúde e nível de satisfação de idosos institucionalizados no Distrito Federal. Revista de Ciências Médicas, Campinas. 17(3-6), 123-32.

Brasil. (1994). Lei n. 8.842, de 4 de janeiro de 1994. Dispõe sobre a Política Nacional do Idoso, cria o Conselho Nacional do Idoso e dá outras providências. Brasília.

Beck, C. L. C. et al. (2007). A humanização na perspectiva dos trabalhadores de enfermagem. Texto & Contexto Enfermagem, Florianópolis, v. 16, n. 3, p. 503-510.

Brasil. (1996). Decreto n. 1.948, de 3 julho de 1996. Regulamenta a Lei n. 8.842, de 4 de janeiro de 1994, que dispõe sobre a Política Nacional do Idoso, cria o Conselho Nacional do Idoso e dá outras providências [legislação na Internet]. Brasília.

Carvalho, J. A. M., & Garcia, R. A. (2003). O envelhecimento da população brasileira: um enfoque demográfico. Cadernos de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 19, n. 3, p. 725-733.

Chaimowicz, Flávio (1997). A saúde dos idosos brasileiros às vésperas do século XXI: problemas, projeções e alternativas. Revista de Saúde Pública [online]., v. 31, n. 2.

Costa M, Rocha L, & Oliveira S. (2012). Educação em saúde: estratégia de promoção da qualidade de vida na terceira idade. Revista Lusófona de Educação. 22:123-140.

Costa, C. R. & Fracolli, L. A. (2007). O processo de enfermagem em atenção primária à saúde. In: Santos AS, Miranda SMRC, organizadoras. A enfermagem na gestão em atenção primária à saúde. Barueri: Manole. p. 147-65.

Estatuto do Idoso. (2003). Lei n. 10741, de 1 de outubro 2003. 1 ed., 2ª reimpr. Brasília: Ministério da Saúde.

Estrela, C. (2018). Metodologia Científica: Ciência, Ensino, Pesquisa. Editora Artes Médicas.

Felten, B. S. et al. (2005). Geriatria e gerontologia. Rio de Janeiro: Reichmann e Autores Editores.

Fernandes, W.R., & Siqueira V.H.F. (2010). Educação em saúde da pessoa idosa em discursos e práticas: atividade física como sinônimo de saúde. Interface (Botucatu).

Ferreira et al. (2012). Envelhecimento ativo e sua relação com a independência funcional. Texto & contexto enferm. 21(3):513-518.

Gomes, M. E., & Delmiro, A. C. (2021). Importancia da equipe multiprofissional no acompanhamento de pacientes com fissura labial e palatal. Revista Cathedral, 3(1), 57-64.

Gordilho, A. et al. (2001). Desafios a serem enfrentados no terceiro milênio pelo setor saúde na atenção integral ao idoso. Bahia Análise & Dados. 10(4): 138-53.

Lima, A. M. M., Nemes, Filho A., Rodrigues, E., & Teixeira, R. R. (2000). Saúde no envelhecimento. In: Schraiber, L. B., Nemes, M. I. B., Mendes-Gonçalves, R. B., organizadores. Saúde do adulto: programas e ações na unidade básica. São Paulo: Hucitec. p. 109-32.

Marziale, M. H. P. (2003). A política nacional de atenção ao idoso e a capacitação dos profissionais de enfermagem. Rev Lat Am Enfermagem (6).

Mattos, R. A. (2001). Os sentidos da integralidade: algumas reflexões acerca dos valores que merecem ser defendidos. In: Pinheiro R, Mattos RA, editores. Os sentidos da integralidade na atenção e no cuidado à saúde. Rio de Janeiro: IMS/ABRASCO; p. 39-64.

Melo, M. C., Souza A. L., Leandro, E. L., Mauricio, H. A., Silva, I. D., & Oliveira, J. M. O. (2009). A educação em saúde como agente promotor de qualidade de vida para o idoso. Cien Saude Colet. 14(Supl. 1):1579-1586.

Neri, A. L., Palavras-chave em Gerontologia. São Paulo: Alínea; 2001.

Parahyba, M. I., & Simões, C. C. S. (2006). A prevalência de incapacidade funcional em idosos no Brasil. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 11, n. 4, p. 967-974.

Rodrigues, N. C., & Rauth, J. (2002). Os desafios do envelhecimento no Brasil. In: Freitas EV. Tratado de Geriatria e Gerontologia. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan. p.106-10.

Silva, C. A., & Araujo, D. M. (2020). Programa de Residência Multiprofissional em Saúde: o que mostram as publicações. Saúde em Debate [online]. v. 43, n. 123.

World Health Organization (WHO). (2005). Envelhecimento ativo: uma política de saúde. Trad. de Suzana Gontijo. Brasília: OPAS.

Published

01/08/2021

How to Cite

ARAUJO, G. B. .; AFONSO, T. de O. .; APOLINÁRIO , J. M. dos S. da S. .; SILVA, M. P. B. .; SILVA, R. K. B. da .; OLIVEIRA, P. A. da C. . The theme “Health of the Elderly” in Revista Brasileira Multidisciplinar: Analysis of a decade (2010 – 2020) . Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 9, p. e54410918309, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i9.18309. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/18309. Acesso em: 20 sep. 2021.

Issue

Section

Review Article