Analysis of the legislation, rules and regulations that guide the people development process of the Federal Institute of Mato Grosso

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i10.19056

Keywords:

Developing people; Knowledge management; Intellectual capital.

Abstract

The Federal Institute of Education, Science and Technology of Mato Grosso - IFMT is a centenary institution, with a staff of an average of 1,900 employees, with its vision of integral human education, training people for life and for the world of work, with a rich process of continuing education and/or development of people throughout their career. There is difficulty for servers to understand the process of people development, to corroborate this understanding, the article analyzes and identifies the laws and regulations that regulate this process. The general objective of the article was to analyze the legislation, norms and guidelines that guide the process of people development at the IFMT, corroborating the understanding of the IFMT community on the subject. For this, some actions were necessary, such as: surveying and analyzing the theoretical framework on the theme of people development; identifying the laws, regulations and norms that guide the process of training employees, explaining the National Policies for the Development of People, norms and internal regulations of the IFMT. As a methodology, it began with a bibliographical and documentary review on the subject, thus being a qualitative research with an exploratory objective, of an applied nature, using the case study as a method, in which data analysis was perfno ormed, describing the process of development of people within the institution.

Author Biographies

Adriana Alves da Rocha, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso

Sou Mestranda do Programa de Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT/IFMT), licenciada em Pedagogia, pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) no ano de 2019 e graduada em Gestão de Recursos Humanos pela Universidade Norte do Paraná (UNOPAR) em 2010. Me especializei em Gestão de Recursos Humanos pela Universidade Candido Mendes (UCAM) em 2016. Tenho experiência profissional de 09 (nove) anos de serviço na área de Educação Pública, também fui voluntária no Programa Institucional de Voluntariado de Iniciação Científica (VIC) da UFMT. Hoje, trabalho no Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), no Departamento de Desenvolvimento de Pessoas, na Reitoria da Instituição.

Geison Jader Mello, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso

He has a Full Degree in Natural Sciences and Mathematics - Qualification in Physics (2008), Masters (2010) and Doctorate (2013) both from the Postgraduate Program in Environmental Physics (PGFA), Federal University of Mato Grosso (UFMT), in the area of Concentration Analysis and Modeling of the Biosphere - Atmosphere Interaction. He is currently a professor of Physics at Campus Cuiabá "Octayde" of the Federal Institute of Mato Grosso (CBA IFMT). He works at the Integrated High School, Subsequent Technical, Higher Education and Post-Graduate levels. Permanent Professor of the Graduate Program in Education - Academic Masters (PPGEn IFMT) and Permanent Professor of the Graduate Program in Professional and Technological Education - Professional Masters (ProfEPT IFMT), develops research on the themes of Science and Mathematics Education, Active Methodologies, STEAM Approach (Science, Technology, Engineering, Arts and Mathematics) and Professional and Technological Education.

References

Acquesta, J. C. (2018). O Que é Gestão do conhecimento? Conversa com Especialistas em GC no Brasil. Sociedade Brasileira de Gestão do Conhecimento (SBGC). E-Book (Organização: Mariana Lima, Layout e ilustrações: Avelar Fortunato). Recuperado de https://www.academia.edu/38931078/Gest%C3%A3o_do_conhecimento.

Batista, F. F. et al. (2005). Gestão do conhecimento na administração pública. Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Recuperado de http://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/892/1/TD%201095.pdf.

Brasil (2004). A formação de professores está presente nos pressupostos da “Proposta em Discussão: Políticas Públicas para a Educação Profissional e Tecnológica”. Brasília. Recuperado de http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf/p_publicas.pdf.

Brasil (2020). Ministério da Economia. Política Nacional de Desenvolvimento de Pessoas. Guia para Elaboração do Plano de Desenvolvimento de Pessoas, p. 115. Recuperado de https://capacitar.ufba.br/sites/capacitar.ufba.br/files/guia_elaboracao_pdp2021_verso_final_com_anexos.pdf.

Decreto n. 9.991, de 28 de agosto de 2019. Dispõe sobre a Política Nacional de Desenvolvimento de Pessoas da administração pública federal direta, autárquica e fundacional, e regulamenta dispositivos da Lei n. 8.112, de 11 de dezembro de 1990, quanto a licenças e afastamentos para ações de desenvolvimento. 2019. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF. Recuperado de http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2019-2022/2019/Decreto/D9991.htm.

Gil, A. C. (2008). Métodos e técnicas de pesquisa social. Ed. Atlas S. A. 6ª ed. São Paulo: Atlas.

GIL, A. C. (2009). Estudo de Caso. 1 ed. São Paulo: Atlas.

Gonzalez, R. V. D., & Martins, M. F. (2017). O Processo de Gestão do Conhecimento: uma pesquisa teórico-conceitual. Gestão & Produção, 24, 248-265. Recuperado de http://dx.doi.org/10.1590/0104-530X0893-15.

Gozzi, M. P. (2012). O processo de gestão do conhecimento em comunidades virtuales de aprendizagem. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, 2(2), 3-14. Recuperado de https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=4264300.

Instituto Federal de Mato Grosso (2018). Plano Anual de Capacitação - IFMT 2019, do Instituto Federal de Mato Grosso. Cuiabá. 05 de dez. 2018. Recuperado de http://dsgp.ifmt.edu.br.

Instituto Federal de Mato Grosso (2019). Plano de Desenvolvimento Institucional - 2019-2023, do Instituto Federal de Mato Grosso. Recuperado de http://prodin.ifmt.edu.br/media/filer_public/79/b8/79b8149b-821c-464d-afcf-b16bf21efd69/pdi_2019_v01.pdf.

Instituto Federal de Mato Grosso (2020). Plano de Desenvolvimento de Pessoas (PDP), do Instituto Federal de Mato Grosso. Recuperado de https://docs.google.com/spreadsheets/d/1-DcoFhP4S7Z0MjYngzVFdqrOXYb7xHwcTQmnrF3hhAw/edit#gid=0.

Instrução Normativa n. 201, de 11 de setembro de 2019. Dispõe sobre os critérios e procedimentos específicos para a implementação da Política Nacional de Desenvolvimento de Pessoas, de que trata o Decreto n. 9.991, de 28 de agosto de 2019, pelos órgãos integrantes do Sistema de Pessoal Civil da Administração Federal - SIPEC. 2019. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF. Recuperado de http://www.in.gov.br/en/web/dou/-/instrucao-normativa-n-201-de-11-de-setembro-de-2019-215812638.

Instrução Normativa n. 21, de 1º de fevereiro de 2021. Ministério da Economia. Estabelece orientações aos órgãos do Sistema de Pessoal Civil da Administração Pública Federal - SIPEC, quanto aos prazos, condições, critérios e procedimentos para a implementação da Política Nacional de Desenvolvimento de Pessoas - PNDP de que trata o Decreto n. 9.991, de 28 de agosto de 2019. 2021. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF. Recuperado de https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/instrucao-normativa-sgp-enap/sedgg/me-n-21-de-1-de-fevereiro-de-2021-302021570.

Lei n. 8.112, de 11 de dezembro de 1990. Dispõe sobre o regime jurídico dos servidores públicos civis da União, das autarquias e das fundações públicas federais. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF. Recuperado de http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8112cons.htm.

Lei n. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF. Recuperado de http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm.

Lei n. 12.772, de 28 de dezembro de 2012. Dispõe sobre a estruturação do Plano de Carreiras e Cargos de Magistério Federal; sobre a Carreira do Magistério Superior, de que trata a Lei n. 7.596, de 10 de abril de 1987; sobre o Plano de Carreira e Cargos de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico e sobre o Plano de Carreiras de Magistério do Ensino Básico Federal, de que trata a Lei n. 11.784, de 22 de setembro de 2008; sobre a contratação de professores substitutos, visitantes e estrangeiros, de que trata a Lei n. 8.745 de 9 de dezembro de 1993; sobre a remuneração das Carreiras e Planos Especiais do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, de que trata a Lei n. 11.357, de 19 de outubro de 2006; altera remuneração do Plano de Cargos Técnico-Administrativos em Educação; altera as Leis n.s 8.745, de 9 de dezembro de 1993, 11.784, de 22 de setembro de 2008, 11.091, de 12 de janeiro de 2005, 11.892, de 29 de dezembro de 2008, 11.357, de 19 de outubro de 2006, 11.344, de 8 de setembro de 2006, 12.702, de 7 de agosto de 2012, e 8.168, de 16 de janeiro de 1991; revoga o art. 4º da Lei n. 12.677, de 25 de junho de 2012; e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF. Recuperado de http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/lei/l12772.htm.

Luchesi, E. S. F. (2012). Gestão do Conhecimento nas Organizações. Companhia de Engenharia de Tráfego CEF-SP, Nota técnica n. 221/2012. Recuperado de https://www.academia.edu/10808311/GEST%C3%83O_DO_CONHECIMENTO_NAS_ORGANIZA%C3%87%C3%95ES?email_work_card=title.

Martins, P. B., Ribeiro, G. L. F., & Carvalho, J. G. (2017). Contribuições das Comunidades de Prática para o Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas. Research, Society and Development, 4(4), 239-250. https://doi.org/10.17648/rsd-v4i4.7

Oliveira, J. A., & Medeiros, M. P. M. (2016). PNAP - Bacharelado - Gestão Pessoas Setor Público. Recuperado de http://educapes.capes.gov.br/handle/capes/145368.

Pereira A. S. et al. (2018). Metodologia da Pesquisa Científica. 1ª Ed.. Santa Maria. p. 119. Recuperado de https://repositorio.ufsm.br/bitstream/handle/1/15824/Lic_Computacao_MetodologiaPesquisa-Cientifica.pdf?sequence=1.

Resolução n. º 031, de 23 de setembro de 2011, do Conselho Superior (CONSUP) do Instituto Federal de Mato Grosso. Regulamenta o Programa de Avaliação de Desempenho dos Servidores Técnico-Administrativos em Educação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso. Recuperado de http://ifmt.edu.br/media/filer_public/5f/f0/5ff04b5c-b48b-49a4-b211-499a1cc6946e/resolucao-no-0312011-aprovar-programa-de-avaliacao-desempenho-dos-tecadm_merged.pdf.

Resolução n. º 510 de abril de 2016. Ministério da Saúde. Conselho Nacional de Saúde. Dispõe sobre as normas aplicáveis a pesquisas em Ciências Humanas e Sociais cujos procedimentos metodológicos envolvam a utilização de dados diretamente obtidos com os participantes ou de informações identificáveis ou que possam acarretar riscos maiores do que os existentes na vida cotidiana, na forma definida nesta Resolução. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF. Recuperado de http://conselho.saude.gov.br/resolucoes/2016/Reso510.pdf.

Resolução n. º 047, de 21 de novembro de 2019, do Conselho Superior (CONSUP), do Instituto Federal de Mato Grosso. Este Regulamento trata da Política de Desenvolvimento e Capacitação de Pessoas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso – IFMT e encontra-se consubstanciado nos termos da Lei n. 8.112, de 11/12/1990; da Lei n. 9.394, de 20/12/1996; da Lei n. 9.527, de 10/12/1997; da Lei imbernónn. 11.907, de 02/02/2009; do Decreto n. 7.312, de 22/12/2010; do Decreto n. 5.824, de 29/06/2006; da Lei n. 11.091, de 12/01/2005; da Lei n. 12.772, de 28/12/2012; do Decreto n. 9.991, de 28/08/2019, e demais normas vigentes. Recuperado de http://ifmt.edu.br/media/filer_public/46/2008c9/46c96160-1b22-422f-9ef7-1897dfc3bbd4/resolucao_no_047_-_21112019_-_aprovar_-_ad_ref_-_regulamento_da_politica_de_desenvolvimento_e_capacitacao_de_pessoas.pdf.

Silva, C. M. B., & dos Santos, E. O. (2020). Formação continuada do professor do ensino médio integrado: concepções e importância. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, 1(18), 9281. Recuperado de http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/viewFile/9281/pdf.

Strauhs, F. D. R., Pietrovski, E. F., Santos, G. D., Carvalho, H. G. D., Pimenta, R. B., & Penteado, R. D. F. S. (2012). Gestão do conhecimento nas organizações. Recuperado de http://repositorio.utfpr.edu.br/jspui/bitstream/1/2064/1/gestaoconhecimentoorganizacoes.pdf.

Tocantins, J. B. (2018). Gestão por competências como base para o planejamento da força de trabalho em uma instituição pública de ensino superior. Dissertação de mestrado. Recuperado de https://repositorio.unesp.br/bitstream/handle/11449/166419/tocantins_jb_me_guara.pdf?sequence=3&isAllowed=y.

Vieira, J. G. S. (2010). Metodologia de pesquisa científica na prática. Curitiba: Editora Fael.

Published

14/08/2021

How to Cite

ROCHA, A. A. da .; MELLO, G. J. . Analysis of the legislation, rules and regulations that guide the people development process of the Federal Institute of Mato Grosso. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 10, p. e400101019056, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i10.19056. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/19056. Acesso em: 18 oct. 2021.

Issue

Section

Human and Social Sciences