Disposal of bags produced in a hemotherapy center in a Northeastern region of Brazil

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i10.19344

Keywords:

Blood banks; Plastic bags for blood preservation; Hemotherapy service.

Abstract

This study aimed to analyze the frequency of disposal of bags produced in a hemotherapy center in a region of northeastern Brazil. This is a retrospective analysis of candidates for blood donation, in the period from September 2107 to August 2018. Data were extracted from the software of the information technology sector of the Blood Center and organized and classified in the Excel 365 E program by the software IBM Statistical Package for the Social Sciences, 22.0. In the period from September 2017 to August 2018, 28,800 of these were carried out, 5,8289 (20.2%), of which 21.1% (1,229) were related to the disposal of red blood cell concentrates, 41.5% (2419), platelet concentrate, 36.2% (2,111) plasma concentrate and whole blood 1.2% (69). The reasons for the purges were due to variables such as complications in fractionation, problems in distribution, expiration of the shelf life, inadequate packaging, reagent serology, indirect coombs and problems in the stock. The results of this study propose an action plan, involving the reassessment of operational protocols, with periodic assessments of disposal demands, aiming to readjust the supply and reduce or even extinguish the disposal of blood component bags, which would lead to a reduction in costs financial and social losses.

Author Biographies

Weber de Santana Teles, Centro de Hemoterapia de Sergipe

Doutor em saúde e ambiente

Max Cruz da Silva, Faculdade Pio Décimo

Graduando em enfermagem

Paulo Celso Curvelo Santos Junior, Universidade Tiradentes

Mestre em saúde e ambiente

Ruth Cristini Torres, Instituto de Hematologia e Hemoterapia de Sergipe

Doutora em saúde e ambiente

Maria Hozana Santos Silva, Faculdade Ages de Medicina

Mestrado interdisciplinar em saúde e ambiente

Marcel Vinícius Cunha Azevedo, Centro Universitário Estácio de Sergipe

Mestre em saúde da família

Ângela Maria Melo Sá Barros, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Mestre/doutoranda em enfermagem

Ana Fátima Souza Melo de Andrade, Centro Universitário Estácio de Sergipe

Mestre em saúde e ambiente

Alejandra Debbo, Universidade Tiradentes

Médica reumatologista 

Taíssa Alice Soledade Calasans, Universidade Tiradentes

Doutora em saúde e ambiente

References

Agência Nacional De Vigilância Sanitária (ANVISA). (2017). 4º Boletim Anual de Produção Hemoterápica. Brasília, DF.

Agência Nacional De Vigilância Sanitária (ANVISA). (2018). 7º Boletim de Produção Hemoterápica - Hemoprod. Brasília, DF.

Brasil. Ministério da Saúde. (2016). Portaria nº 158, de 4 de fevereiro de 2016. Redefine o regulamento técnico de procedimentos hemoterápicos. PRT MS/GM 158/2016, Art. 5º, XI. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF: Gabinete do Ministro da Saúde.

Brasil. Ministério da Saúde. (2018). Gestão de Hemocentros: relatos de práticas desenvolvidas no Brasil. Brasília – DF.

Cândido, A. L. P. & Danta, D. C. (2019). Incidência de transfusões de plaquetas não isogrupo em pacientes atendidos pelo hemocentro - ATHC de Ribeirão Preto. Monografia apresentada ao Programa de Aprimoramento Profissional/CRH/SES-SP, elaborada no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo – USP/ Departamento Hemocentro.

Chung, K. W., Basavaraju, S. V., M, U. Y., Santen, K. L., Haass, K. A., Henry, R., Berger, J. & Kuehnert, M. J. (2016) Declining blood collection and utilization in the United States. Transfusion. 56, 2184–2192.

Collins, R. A., Wisniewski, M. K., Waters, J. H., Triulzi, D. J. & Yazer, M. H. (2015). Effectiveness of Multiple Initiatives to Reduce Blood Component Wastage. Am J Clin Pathol. 14(3), 329-335.

Covo, M. Z. (2018). Matriz de recomendações para melhoria de desempenho do ciclo do sangue no hemocentro coordenador do estado do Paraná. Dissertação apresentada ao Curso de Mestrado Profissional do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.

Covo, M. Z., Cruz, E. D. A., Maurício, A. B., Batista, J. & Souza, L. A. L. (2019). Custo financeiro dos descartes de sangue total e hemocomponentes em um hemocentro coordenador brasileiro. Rev Gaúcha Enferm. 40, e20190033.

Dias, P., Lissa, N., Skare, T., Fávero, K., Almeida, P. & Nishiara, R. (2019). Pre-donation deferral of blood donors in a Brazilian blood bank: a 10-year experience. Transfusion Medicine. 29(6), 448-453.

Ferreira, A. M. (2013). Produção, armazenamento, distribuição e transporte de Hemocomponentes. In: BRASIL. Ministério da Saúde. Técnico em hemoterapia: livro texto. Brasília, DF.

Fonte, C. A. G. (2004). Como otimizar a utilização do sangue no estado do Rio Grande do Sul. Trabalho de conclusão de curso – Programa de Desenvolvimento da Gestão em Saúde – PDG. Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Hosn, C. U. R. C. A. (2009). Análise do descarte de hemocomponentes no Hemocentro Regional de Araguaína – TO. Goiânia- GO.

Moura, E. (2013). Identificação dos fatores de descarte de bolsas na produção de hemocomponentes no hemocentro coordenador da rede HEMEPAR.

Organización Panamericana de la Salud (US). (2017). Suministro de sangre para transfusiones en los países de Latinoamérica y del Caribe 2014 y 2015. Washington, DC.

Paludetto, N. O. (2015). Implantação de gestão da qualidade no serviço de hemoterapia em um hospital público do Estado de São Paulo. Universidade Estadual Paulista, Campus de Botucatu. Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento.

Reis, D. J. C., Aleluia, I. R. S., Martins, M. M. F. & Pinto, J. E. P. (2017). Análise da distribuição de hemocomponentes na hemorrede do Distrito Federal. Arq. Cienc. Saúde UNIPAR, Umuarama. 21(2), 93-98.

Secretária de Estado da Saúde. (2020). Plano Estadual de Saúde 2020-2023. Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Porto Alegre 2020.

Ventura, C. (2019). Dezesseis a cada mil brasileiros doam sangue. Ministério da Saúde do Brasil – Agência Saúde.

World Health Organization (WHO). (2017). Blood safety and availability.

Published

18/08/2021

How to Cite

SOUSA, A. I. M. S.; OLIVEIRA, A. R. P. L.; TELES, W. de S. .; SILVA, M. C. da .; SANTOS JUNIOR, P. C. C. .; TORRES, R. C. .; SILVA, M. H. S. .; AZEVEDO, M. V. C. .; BARROS, Ângela M. M. S. .; ANDRADE, A. F. S. M. de .; DEBBO, A.; CALASANS, T. A. S. . Disposal of bags produced in a hemotherapy center in a Northeastern region of Brazil. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 10, p. e540101019344, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i10.19344. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/19344. Acesso em: 25 oct. 2021.

Issue

Section

Health Sciences