The use of the mock trial as an active methodology in Vet

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i12.19866

Keywords:

Teaching; Active methodology; Mock trial ; Veterinary pharmacology; Bovine reproduction.

Abstract

Currently, it is known how important and necessary training in higher education is. However, the greatest concern of teachers is not only the quality of the content that is passed on, but also the development of a critical sense. The objective of the research is to report the use of the mock trial in different courses and to analyze this active methodology in the Veterinary Medicine course. The research was carried out in the year 2021. The data presented were collected in the literature available in CAPES electronic journals: Scopus, Google Scholar, Pubmed and Scielo, having as keywords '' mock trial '' and '' Veterinary '', as well as in books for theoretical formulation of the review. When analyzing the data referring to the research, it is seen that the use of the mock trial in veterinary medicine is scarce, however, its use in the disciplines is essential, since it is an area of health, needing to train professionals capable of having critical and reflective thinking, as well as knowing how to act under pressure.

Author Biographies

Melissa Sanches Mongelli, Universidade Federal de Lavras

Tem interesse na área de Clínica médica cirúrgica e profilaxia em bovinocultura e fisiopatogenia da reprodução. Atualmente, graduanda do 9°período de medicina veterinária na Universidade Federal de Lavras - UFLA. Como objetivos, possuia vínculo com Projeto de Extensão na área de manejo reprodutivo em pequena propriedades de gado de leite (2019). É vice-presidente do Núcleo de Estudo de clínica e cirurgia de Grandes Animais - NECCIGA, contendo discussões de casos clínicos e cirúrgicos, como também, estágio no Hospital Veterinário de Grandes Animais da UFLA (2020) . É a atual presidente do Núcleo de Estudos de Farmacologia Aplicada, no qual além de conhecimento técnico sobre a farmacologia, há cursos para desenvolvimento pessoal e profissional (2018).

Link: http://lattes.cnpq.br/2989270109960358

Marcos Ferrante, Universidade Federal de Lavras

Possui graduação em Medicina Veterinária e Doutorado em Ciências Veterinárias pela Faculdade de Ciências Veterinárias da Universidade Nacional de La Plata, Argentina. Realizou o pós doutorado na área de desenvolvimento de medicamentos na Fiocruz/BA, Brasil. Tem experiência na realização de estudos de farmacologia e toxicologia veterinária pré-clínicos e clínicos tanto no ambiente acadêmico como na indústria. Atualmente é professor no departamento de Medicina Veterinária na Universidade Federal de Lavras, atuando como colaborador em pesquisas relacionadas ao desenvolvimento, avaliação pré-clínica e clínica de novos tratamentos farmacológicos e otimização de doses terapêuticas baseados no modelamento PK/PD.

Link:http://lattes.cnpq.br/1157320117792556

Paulo Henrique Arcas, Universidade Federal de Lavras

Possui graduação e Licenciatura em História pela Universidade de São Paulo (1997), mestrado em Educação pela Universidade de São Paulo (2003) e doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2009). Trabalhou como professor em cursos de graduação e como professor de educação básica - Secretaria de Estado da Educação de São Paulo, atuando principalmente nos seguintes temas: avaliação, ciclos, progressão continuada e avaliação externa. Trabalhou de abril de 2010 a dezembro de 2017 como consultor do Instituto Internacional de Planeamiento de la Educación (IIPE) da UNESCO - Oficina Regional para América Latina (Buenos Aires). Atualmente é professor do Departamento de Educação da Universidade Federal de Lavras, lecionando disciplinas da área de Política, Gestão e Avaliação Educacional, professor do Programa de Pós-Graduação em Educação (Mestrado Profissional).

Link: http://lattes.cnpq.br/3352424918327331

References

Abepirense, P. G. G. S., Vieira, G. O., & Curtinhas, S. (2014) O uso de metodologias ativas na formação do profissional enfermeiro – Tribunal do júri simulado: uma experiência de sucesso. In: Congresso Ibero-americano de Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação, Buenos Aires. Resumo de Trabalhos. Buenos Aires. Obtido 10 de Abril, 2021, em https://docplayer.com.br/32136633-O-uso-de-metodologias-ativas-na-formacao-do-profissional-enfermeiro-tribunal-do-juri-simulado-uma-experiencia-de-sucesso.html

Anastasiou, L. G. C., & Alves, L. P. (2005). Processo de ensinagem na universidade: pressupostos para estratégias de trabalho em aula. Editoria Univille

Costa, H. X. (2011). A importância do médico veterinário no contexto de saúde pública. Seminário apresentado junto à Disciplina Seminários Aplicados do Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal da Escola de Veterinária da Universidade Federal de Goiás. Nível: Doutorado. Obtido 9 de Junho, 2021, em https://files.cercomp.ufg.br/weby/up/67/o/Seminario2011_Herika_Costa_1.pdf

Reppold, D. P. (2021). Aprendizagem significativa em química orgânica por meio da temática autometicação. Trabalho de Conclusão de Curso - QUI” do Curso de Química da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Nível: Licenciatura. Obtido 13 de Junho, 2021, em https://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/222738

Frias, R. B., Mariano, R,S,G., & Pinheiro Junior, O. A. (2009). Importância do médico veterinário na saúde pública – revisão bibliográfica. Revista Científica Eletrônica de Medicina Veterinária,7(12), 23-29. Obtido em https://files.cercomp.ufg.br/weby/up/67/o/Seminario2011_Herika_Costa_1.pdf

Gil, A. C. (2013). Metodologia do Ensino Superior. São Paulo. Gen

Gomes, L, B. (2017). Importância e atribuições do médico veterinário na saúde coletiva. Sinapse Múltipla,.6(1),70-75. Obtido em http://periodicos.pucminas.br/index.php/sinapsemultipla/article/view/15426

Kleber, K., & Trevisan, L. (2010). Produzindo capital humano. São Paulo: Editora Cultura.

Lemos do nascimento, J., & Feitosa, R. A (2020). Metodologias ativas, com foco nos processos de ensino e aprendizagem. Research, Society and Development, 9(9), 62-75. doi: https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.7551

Lima, B. M., Verri, I. A., Soares, J. Y. S., & Oliveira, S. V. (2020). Júri simulado como estratégia ativa de ensino de Vigilância em Saúde. Arq. Cienc. Saúde UNIPAR, Umuarama, 24(2), 125-129. doi: https://doi.org/10.25110/arqsaude.v24i2.2020.7634

Merlo, V. (2019). O uso de júri simulado como metodologia de ensino ativa. Nova escola. Obtido 9 de Abril ,2021, em https://novaescola.org.br/conteudo/18041/o-uso-de-juri-simulado-como-metodologia-de-ensino-ativa

Mongelli, M. S., Ferrante, M., & Arcas, P. H (2020). O uso do júri simulado como metodologia ativa na medicina veterinária: eficiência do ensino na reprodução animal. Trabalho apresentado no V Congresso Inovação e Metodologias no Ensino Superior e Tecnológico. Obtido 14 de Julho, 2021, em https://congressos.ufmg.br/index.php/congressoeducacaoetecnologia/index/search/authors/view?firstName=Melissa&middleName=Sanches&lastName=Mongelli&affiliation=Universidade%20Federal%20de%20Lavras%20-%20UFLA&country=BR

Oliveira, G., & Faria, V. (2019) Metodologia ativa na educação em medicina veterinária. PUBVET, 13(5), 1-7. doi: https://doi.org/10.31533/pubvet.v13n5a335.1-7

Persad, G. C., Elder, L., Sedig, L., Flores, L., & Emanuel, E. J. (2008). The current state of medical school education in bioethics, health law, and health economics. The Journal of Law, Medicine & Ethics,36(1), 89-94. doi: https://doi.org/10.1111/j.1748-720X.2008.00240.x

Prado, L., & Silva, M. (2017). Utilização de júri simulado com duas turmas do curso de Medicina Veterinária – Estudo de caso. UNISAL Lorena. II Congresso Internacional Salesiano de Educação. Obtido 10, 2021, em http://www.lo.unisal.br/sistemas/conise2017/anais/188_13500771_ID.pdf

Santos, F. A, & Neto, I. C. P. (2021). Avaliação do desempenho de acadêmicos de odontologia no ensino superior sob metodologia ativa: percepções e vivências. Research, Society and Development,10(3), 59-71. doi: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v10i3.13805

Savari, S, P. K.., Reberte, A., Bortoluzzi, M. C., Schlemper Junior, B., & Bonamigo É. L. (2013). Julgamento simulado como estratégia de ensino da ética médica. Revista Bioética, 21(1), 150-157. doi: https://doi.org/10.1590/S1983-8042201300010001

Silva Filho, C .C., Geremia, D. S., Oliveira, M. C., & Sbardelotto, T (2015). O sistema único de saúde em julgamento: A experiência do júri simulado entre acadêmicos (as) recém-ingressos (as) em enfermagem. V Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFPS, 5(1), 33-34. Obtido 13 de Junho, 2021, em https://portaleventos.uffs.edu.br/index.php/SEPE-UFFS/article/view/2956/1576

Veiga, L. A., & Fonseca, L. R. (2018). O júri simulado como proposta didático-pedagógica para a formação inicial do professor de geografia na perspectiva da aprendizagem baseada em problemas (PBL). Geousp – Espaço e Tempo (Online), 22(1), 153-171. doi: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2179-0892. geousp.2018.125843.

Vieira, R., Melo, V., & Bernardo, J. (2014). O júri simulado como recurso didático para promover argumentações na formação de professores de física: O problema do ‘’gato’’. Ensaio Pesquisa em Educação em Ciências, 16(3), 203-225. doi: - http://dx.doi.org/10.1590/1983-21172014160310

White, C.T. (2015). Using a Mock Trial Method to Enhance Effectiveness of Teaching Evidence-Based Practice in Nursing. Journal for Nurses in Professional Development,31(6), 11-14. doi: https://doi.org/10.1097 / NND.0000000000000214

Published

12/09/2021

How to Cite

MONGELLI, M. S. .; FERRANTE, M. .; ARCAS, P. H. . The use of the mock trial as an active methodology in Vet. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 12, p. e06101219866, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i12.19866. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/19866. Acesso em: 3 mar. 2024.

Issue

Section

Education Sciences