Environmental conservation in riparian zones of two urban stream in the municipality of Três Pontas, south of Minas Gerais

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i13.21184

Keywords:

Permanent preservation area; Rapid Assessment Protocol; Water resources.

Abstract

Defining urban permanent preservation areas (APPs), as well as knowing the floristic structure of the riparian vegetation and the environmental quality of the streams, are fundamental factors for planning urban expansion. Given this context, this article aims to assess the state of conservation of the urban riparian zone of the Araras and Formigas streams in the municipality of Três Pontas, MG. The methodology consisted in the application of a Rapid Assessment Protocol. In general, most of the analyzed stretches of the riparian zones of the Araras stream were impacted, while most of the analyzed stretches of the Formigas stream were preserved. The results demonstrate the possibility of characterizing a water body through physical and biological variables of the habitat, as well as the ease of application of the method used. The assessment of the environmental integrity of any ecosystem is the initial step for planning and implementing programs for the maintenance, preservation and restoration of environments and, therefore, a complementary tool that can be used by management agencies of natural resources and urban planning.

Author Biographies

Renato Franklin de Miranda, Universidade Federal de Alfenas

Federal University of Alfenas

Master's Student of the Postgraduate Program in Environmental Sciences (PPGCA)

Biologist and Environmental Analyst, working in the area of environmental consultancy, forestry and floristic inventory, degraded area recovery projects (PRAD), botany and urban environmental planning.

Luciana Botezelli, Universidade Federal de Alfenas

Universidade Federal de Alfenas/Professora no Instituto de Ciência e Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais (PPGCA)

Engenheira Florestal, atuando em Conservação da natureza, Planejamento ambiental e urbano, Gestão ambiental

Paulo Augusto Zaitunes Pamplin, Universidade Federal de Alfenas

Universidade Federal de Alfenas/Professor no Instituto de Ciência e Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais (PPGCA)

Ciências Biológicas/ Ecologia e Limnologia

References

Almeida, A. C. & Cândido Júnior, J. F. (2017). A importância de parques urbanos para a conservação de aves. Arquivos de Ciências Veterinárias e Zoologia da UNIPAR, 20(4), 189-199.

Barbour, M. T. et al. (1999). Rapid bioassessment protocols for use in streams and wade able rivers: periphyton, benthic macroinvertebrates and fish. (2a ed.), EPA.

Barboza, E. N., Alencar, G. S. da S. & Alencar, F. H. H. de. (2020). Arborização melhora o conforto térmico em áreas urbanas: O caso de Juazeiro do Norte, Ceará. Research, Society and Development, 9 (6), e105963691. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i6.3691

Brasil. (2012). Lei nº 12.651, 25 de maio de 2012. Dispõe sobre a proteção da vegetação nativa e dá outras providências. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF.

Bowler, D. E., Mant, R., Orr, H., Hannah, D. M. & Pullin, A. S. (2012). What are the effects of wooded riparian zones on stream temperature? Environmental

ZEvidence, 1(3), 1- 9. http://dx.doi.ore/10.1186/2047-2382-1-3

B

uainain, A. M., Alves, E., Silveira, J. M. da, Navarro, Z. & Buainain, A. M. (2014). Transformação histórica e padrões tecnológicos da agricultura brasileira. In: O mundo rural no Brasil do século 21: a formação de um novo padrão agrário e agrícola. Brasília: Embrapa, p. 395-421, 2014b.

Callisto, M. et al. (2002). Aplicação de um protocolo der avaliação rápida de diversidade de habitats em atividades de ensino e pesquisa (MG, RJ). Acta Limnologica Brasiliensis, 14(1), 91-98.

Callisto, M., Moreno, P. & Barbosa, F. A. R. (2001). Habitat diversity and benthic functional trophic groups Serra do Cipó, Southeast Brazil. Rev. Bras. Biol., 61(2), 259-266.

Castro, D., Mello, R. S. P. & Poester, G. C. (2012). Práticas para restauração da mata ciliar. Catarse.

Ferreira, C. S. 2010. Diversidade e análise faunística de crisopídeos (Neuroptera: Chrysopidae) em fragmento de floresta estacional semidecidual em Três Pontas, Minas Gerais. xi, 87 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias. http://hdl.handle.net/11449/102300.

Guimarães, M. M. A. (2020). Influência da arborização urbana e do ruído sobre a avifauna do Plano Piloto de Brasília. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais), Universidade de Brasília, Brasília-DF.

Lima, A.C. de M., Fernandes, L.L., Lopes, D.F., Bittencourt, G.M., Vinagre, M.V. de A. & Silva, E.M. da. (2020). Urbanização e canais urbanos: avaliação da qualidade da água da bacia hidrográfica do Una na cidade de Belém, Brasil. Research, Society and Development, 9 (7), e232973866. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i7.3866

Lima, P. W. (1998). Função hidrológica da mata ciliar. In. Barbosa, L.M. (coord.). In: Simpósio sobre Mata Ciliar, Campinas. Anais... Campinas: Fundação Cargill, p. 25-42.

Matos, A. M. do N., Mascarenhas Santos, M. do S. & Súarez, Y. R. (2020). Pagamento por serviços ambientais como ferramenta de recuperação e conservação de zonas ripares. Research, Society and Development, 9(9), e788997752. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.7752

Oliveira, J. B. & Blamires, D. (2013). Aves do Campus do Instituto Federal de Educação em Iporá, Estado de Goiás. Seminário: Ciências Biológicas e da Saúde, 34(1), 45-54.

Pinheiro, C. U. B. (2016). Matas ciliares e conservação das nascentes dos rios Anil, Bacanga e Tibiri, na Ilha de São Luís, Maranhão. Revista Brasileira de Geografia Física, 9 (4), 1212-1222.

Peña, A. P., Tavares, D. de O., Jorge, R. F., Pires, R. A. P., Tavares, T. de O., Guimarães, T. V. de C. & Ramalho, W. P. (2010). Estrutura e status de conservação das comunidades de vertebrados do Parque Estadual da Serra de Caldas Novas – PESCAN, Relatório Técnico, ONG PRÓ-TARTARUGA, Goiânia-GO.

Ribeiro, J. F. & Walter, B. M. T. (2001). As matas de galeria no contexto do bioma Cerrado. In: Cerrado: caracterização e recuperação de matas de galeria. Platina, DF: Embrapa Cerrados.

Rodrigues, A. S. L., Malafaia, G. & Castro, P. T. (2008). A. Avaliação ambiental de trechos de rios na região de Ouro Preto-MG através de um protocolo de avaliação rápida. Revista de Estudos Ambientais, Blumenau, 10(1), 74-83.

SAAE. (2009). Serviço Autônomo de Água e Esgoto. Três Pontas: 23 de dezembro de 2009. https://www.saaetpo.mg.gov.br/a brir_arquivo.aspx/Dignostico_completo_manancial_Custodinho_2009?cdLocal=2&arquivo={BDEE4DEE-EEDC-8142-4BAE-5EB3EEDBC3CC}.pdf.

Sousa, M. J. A., Gonçalves, M. F., Oliveira, J. D. & Lopes, C. K. S. (2021). O índice de qualidade da água da sub-bacia do córrego Cacau, Portal da Amazônia Imperatriz -MA. Pesquisa, Sociedade e Desenvolvimento, 10 (2), e45510212631. https://doi.org/10.33448/rsd-v10i2.12631

Souza, D. I. et al. (2013). Manual de orientações para projetos de pesquisa. FESLSVC, 2013. http://www.liberato.com.br/sites/defa ult/files/manual_de_orientacoes_para_projetos_de_pesquisa.pdf .

Stanganini, F. N. & Lollo, J. A. (2018). O crescimento da área urbana da cidade de São Carlos. URBE. Revista Brasileira de Gestão Urbana (Brazilian Journal of Urban Management), 10(Supl. 1), 118-128.

Tanago, M. G., Jalón, D. G., Lara, F. & Garilleti, R. (2006). Índice de RQI para lavarolación de las ribeiras fluviales en el contexto de la directiva marco del agua. Ingeniería civil, 143, 1-12.

Vogel, H. F., Zawadzki, C. H., Metri, R. & Valle, L. G. (2010). Levantamento preliminar e biologia da mastofauna da RPPN Ninho do Corvo no município de Prudentópolis - Paraná. SaBios - Revista de Saúde e Biologia, 5(2), 39-46.

Published

13/10/2021

How to Cite

MIRANDA, R. F. de; BOTEZELLI, L.; PAMPLIN, P. A. Z. Environmental conservation in riparian zones of two urban stream in the municipality of Três Pontas, south of Minas Gerais. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 13, p. e303101321184, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i13.21184. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/21184. Acesso em: 8 dec. 2021.

Issue

Section

Agrarian and Biological Sciences