Municipal Public Management: a study on bidding in the trading modality in the Municipality of Pesqueira-PE

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i13.21313

Keywords:

Bidding process; Sustainable basis; Inventory scheduling.

Abstract

This article presents an approach on public acquisitions of goods or services based on the brazilian laws in force. The general objective of this research was to investigate how the bidding process, in the trading mode, has been carried out in the Municipality of Pesqueira - PE, in the period 2014-2020.The methodology used was qualitative documentary research and secondary data were obtained from the Fisheries Transparency Portal. The results obtained indicate the predominance of the face-to-face trading modality in the first 6 years, and the adoption of the electronic trading modality from the first half of 2020.It was also observed that the principles of sustainable basis in public procurement of the municipality refer, mostly, to the dimensions of sustainability "social welfare" and "economic development". The lack of inventory programming was still verified, in view of the existence of different notices with the same request for the acquisition of goods or services. It was concluded that public acquisitions through bidding, in the modalities of face-to-face trading and electronic trading, constitute a reality in the Municipality of Pesqueira, but in the tender notices there is the non-observance of sustainable bases in the acquisition of goods and services, as well as the lack of planning of municipal inventories by the repetition of public acquisitions.

References

Andrade Martins, G. (2008). Estudo de caso: uma reflexão sobre a aplicabilidade em pesquisas no Brasil. Revista de Contabilidade e Organizações, v. 2, n. 2, p. 8-18.

Biage, V. S. M.; Calado, L. R. (2015). Análise dos Resultados das Contratações Públicas Sustentáveis. Revista Eletrônica de Administração, v. 21, n. 3, p. 601-621, 2015.

Bona, C. P. (2015). Pregão eletrônico e o princípio da eficiência: um estudo de caso da comissão permanente de licitações de materiais da Prefeitura do Recife. 119 f. Dissertação (Mestrado em Gestão Pública para o Desenvolvimento do Nordeste)-Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2015.

Brasil. (1988). Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF: Presidência da República, [2020]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 1 jun. 2020.

Brasil. (1993). Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8666cons.htm. Acesso em: 1 jun. 2020.

Brasil. (2002). Lei nº 10.520, de 17 de julho de 2002. Institui, no âmbito da União, Estados, Distrito Federal e Municípios, nos termos do art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, modalidade de licitação denominada pregão, para aquisição de bens e serviços comuns, e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/2002/L10520.htm. Acesso em: 3 jun. 2020.

Brasil. (2005). Decreto n. 5.450, de maio de 2005. Regulamenta o pregão, na forma eletrônica, para aquisição de bens e serviços comuns, e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2005/decreto/d5450.htm. Acesso em: 6 jun. 2020.

Brasil. (2020). Controladoria-Geral da União. Portal da Transparência. Localidades. Relação de Municípios: Pesqueira, 2020. Disponível em: http://www.portaltransparencia.gov.br/localidades. Acesso em: 10 jun. 2020.

Campos, C. J. G. (2004). Método de Análise de Conteúdo: ferramenta para a análise de dados qualitativos no campo da saúde. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v.57, n.5, p. 611-4.

Carvalho, F. G.; Ferreira, M. A. S. O.; Villac, T. (2016). Guia Nacional de Licitações Sustentáveis. Brasília, DF: AGU.

Costa, A. L. (2000). Sistemas de compras privadas e públicas no Brasil. Revista de Administração. São Paulo, v. 35, n.4, p. 119-128.

Godoy, A.S. (1995). Pesquisa qualitativa: tipos fundamentais. Revista de Administração de Empresas. São Paulo, v. 35, n.3, p, 20-29.

Leite, L. O.; Rezende, D. A. (2010). Modelo de gestão municipal baseado na utilização estratégica de recursos da tecnologia da informação para a gestão governamental: formatação do modelo e avaliação em um município. Revista de Administração Pública, Rio de Janeiro, v.44, n.2, p.459-93.

Miyakava, G. T. (2004). Pregão presencial e eletrônico: análise dos fatores competitivos. 2004. 141 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção)-Universidade Federal de Santa Catarina,Florianópolis.

Muhr, E. (1986). Os critérios de julgamento das licitações. Revista de Administração de Empresas, Rio de Janeiro, v.26, n.2, p. 5-11.

Pernambuco. (2019). Base de Dados do Estado [BDE]. Cadernos Municipais. Disponível em: http://www.bde.pe.gov.br/estruturacaogeral/filtroCadernoEstatistico.aspx. Acesso em: 4 jul. 2020.

Pesqueira. (2020). Governo Municipal de Pesqueira. Organograma. Disponível em: https://pesqueira.pe.gov.br/organograma/. Acesso: 8 jul. 2020a.

Pesqueira. (2020). Governo Municipal de Pesqueira. Institucional. Disponível em: https://pesqueira.pe.gov.br/. Acesso: 4 jul. 2020b.

Pesqueira. (2020). Portal da Transparência. Processos Licitatórios 2014-2020. Disponível em: http://cloud.publica.inf.br/clientes/pesqueira_pm/portaltransparencia/?p=4&inicio=01/01/2019&fim=31/12/2019&param=Gid42XKb9UVjG%2FCpq5HSVvUXPOoZbXR5DpJDEDFSP1s%3D. Acesso: 4 jan. 2021.

Pesqueira. (2020). Portal da Transparência. Processos Licitatórios 2020. Disponível em: http://cloud.publica.inf.br/clientes/pesqueira_pm/portaltransparencia/?p=4&inicio=01/01/2019&fim=31/12/2019&param=Gid42XKb9UVjG%2FCpq5HSVvUXPOoZbXR5DpJDEDFSP1s%3D. Acesso: 10 jun. 2020c.

Puton, R. (2017). Aspectos críticos na condução do pregão eletrônico: uma abordagem a partir da opinião de pregoeiros da UFES. 2017, 128 f. Dissertação (Mestrado em Gestão Pública)- Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória.

Sant’ana, R.C.G. (2009). Tecnologia e gestão pública municipal: mensuração da interação com a sociedade. São Paulo: Editora UNESP; São Paulo: Cultura Acadêmica.

Zanella, L.C.H. (2012). Metodologia de estudo e de pesquisa em administração. 2. ed. Florianópolis: Departamento de Ciências da Administração / UFSC.

Published

15/10/2021

How to Cite

CARVALHO, G. A. de S. .; CAVALCANTI, E. K. da C. .; SOUZA, E. R. de .; ALBUQUERQUE, J. L. .; LINS, R. R. .; CORREIA NETO, J. da S. . Municipal Public Management: a study on bidding in the trading modality in the Municipality of Pesqueira-PE. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 13, p. e325101321313, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i13.21313. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/21313. Acesso em: 7 dec. 2021.

Issue

Section

Human and Social Sciences