Technological prospecting of the economic and industrial importance of coco and chia in Brazil

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i17.24840

Keywords:

Coconut; Chia; Food industry; Food market.

Abstract

Despite showing a drop in production, Brazil is one of the largest coconut producers in the world, however chia seeds are still little produced. This research sought to investigate the market for these foods through mapping on websites and the INPI. There were a total of 19 coconut industries, with the Northeast as its epicenter, and 12 with chia, led by the Southeast. 18 products with coconut and 9 with chia were found. The value of coconut was higher in regions where its production is insignificant. The recent cultivation of chia has made market investigation impossible to date. There are 359 patent applications with the general descriptor "coconut", while "chia" presented only 10. The search for patents relating the two foods did not yield results. The study shows the feasibility of developing products that include the analyzed raw materials , as well as the registration of patents.

References

AGROSTAT. (2020) - Estatísticas de comércio exterior do agronegócio brasileiro. Exportação e importação. Disponível em: http://indicadores.agricultura.gov.br/agrostat/index.htm. Acesso em: 25 nov. 2020

Brainer, M. S. C. P. (2018). Produção de coco: o Nordeste é destaque nacional. Caderno Setorial ETENE. Fortaleza: Banco do Nordeste do Brasil, ano.3, n.61, dez.2018. (Caderno Setorial, n.61).

Brainer, M. S. C. P; Ximenes, L. F. (2020) Produção de coco: soerguimento das áreas tradicionais do Nordeste. Fortaleza: Banco do Nordeste do Brasil, ano 5, n. 127, ag. 2020. (Caderno Setorial, n. 127).

Coates, W. (2012). Chia: the complete Guide to the ultimate superfood. Sterling Publishing Eds. New York.

Conab (2020) - Companhia nacional de abastecimento. Prohort - Programa brasileiro de Modernização do Mercado de Hortigranjeiro. Média mensal dos preços. Disponível em: https://www.conab.gov.br/info-agro/hortigranjeiros-prohort. Acesso em: 25 nov. 2020.

Copra (2016). Farinha de coco. Maceió. Disponível em: <http://www.copraalimentos.com.br/produto/80/farinha-de-coco>. Acesso em: 05 nov. 2020.

ETENE. (2018). Escritório técnico de estudos econômicos do nordeste. Fortaleza: Banco do Nordeste.

Ferreira, N. S. de A. (2002). As pesquisas denominadas “estado da arte”. Educação & Sociedade, São Paulo, ano 23, n. 79, p.257-272.

IBGE. (2020). Produção Agrícola - Lavoura Permanente. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/pesquisa/15/0?indicador=11930&tipo=grafico. Acesso em: 25 nov. 2020.

Mazzuchetti, R. N., Neto, S. C., Cunha, E. D., & de Oliveira, N. S. (2020). A análise pest dos resíduos do Coco Verde no Brasil. Brazilian Journal of Development, 6(7), 46098-46111

Migliavacca, R. A. et al. (2014). O cultivo da chia no brasil: futuro e perpectivas. Journal Of Agronomic Sciences. Umuarama, p. 161-179. Disponível em: http://www.dca.uem.br/V3NE/13.pdf. Acesso em: 27 dez. 2020.

Oliveira, M. B. dos S. (2015). Avaliação da capacidade antioxidante e perfil químico de extratos etanólicos da fibra da casca de coco (Cocos Nucifera L.(PALMAE)). 99 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Química e Biotecnologia, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2015.

Oriente, S. F. do et al. (2019). Elaboração e caracterização físico-química de iogurtes de ameixa adicionados da farinha de chia. Magistra, Cruz das Almas, v. 30, n. 1, p.78-95.

Ramos, S. C. F. (2013). Avaliação das propriedades gelificantes da farinha de chia (Salvia hispanica L.): Desenvolvimento de novas aplicações culinárias. 2013. 111 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Ciências Gastronómicas, Universidade de Lisboa, Lisboa.

Ribeiro, I. Y. L., & de Oliveira, C. M. (2020). Viabilidade da produção de chia no brasil. Encontro Internacional de Gestão, Desenvolvimento e Inovação (EIGEDIN), 4(1).

Romanowski, J. P.; Ens, R. T. (2006). As pesquisas denominadas do tipo “estado da arte” em educação. Diálogo Educ., Curitiba, v. 6, n. 19, p. 37-50.

Santana, I. A. (2012). Avaliação quimica e funcional de polpa de coco verde e aplicação em gelato comestível. 2012. 107 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Engenharia de Processos Quimicos e Bioquimicos, Escola de Engenharia de Mauá, São Caetano do Sul, 2012.

Silva, F. L. A. T. da et al. (2020). Potencial da pasta de coco enriquecida com chia. In: Congresso brasileiro de saúde e alimentação, 7., 2020, Aracaju. Anais [...] . Aracaju: Cbsa. p. 28-28. Disponível em: https://s3-sa-east-1.amazonaws.com/congresse-me-assets-host/articles/archives/3441/original/POTENCIAL_DA_PASTA_DE_COCO_ENRIQUECIDA_COM_CHIA.pdf?1602074194. Acesso em: 27 dez. 2020.

Vergara, S. C. (2007). Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 9 ed. São Paulo: Atlas.

Published

27/12/2021

How to Cite

SILVA, F. L. A. T. da; MENESES, T. . S. C. .; FANCHIOTTI, F. E. .; UCHÔA, F. O.; SILVA, A. G. da; BORGES, A. da S.; SANTO, J. A. B. dos; CONSTANT, P. B. L. Technological prospecting of the economic and industrial importance of coco and chia in Brazil. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 17, p. e237101724840, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i17.24840. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/24840. Acesso em: 17 jan. 2022.

Issue

Section

Agrarian and Biological Sciences