Evaluation of heavy metal content in jambu cultivation (Acmella oleracea [(L) R. K Jasen]) wiTH sediment of Tambaqui nursery (Colossoma macropomum)

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.2866

Keywords:

Productivity; Reuse; Nursery.

Abstract

Aquaculture has been highlighted in recent years as a source of animal protein, however, one of its obstacles is the improper disposal of its effluents, which in addition to having organic waste, has essential nutrients. And the reuse of these tailings in agriculture may be a likely way to remedy this problem, generating nutritious input to plants and mitigating environmental contamination. The study aimed to evaluate the viability of using fish pond sediment for the cultivation of jambu in the Amazon region. The experiment was conducted in a greenhouse at the Federal Rural University of Amazonia using waste from fish ponds. It consisted of five treatments, varying the concentrations of  anthropogenic dark earth (ADE) and sediment of fish pond (SFP), and conditioned with 1kg burned rice husk (BRH) for each concentration. The concentrations were composed of 100% TP, 25% SP + 75% TP, 50% SP + 50% TP, 75% SP + 25% TP and 100% SP. The sediment was collected in a semi-intensive tambaqui nursery in the municipality of Santa Isabel do Pará-PA and Jambu plants were irrigated daily up to 79 days after germination for harvesting. The experimental design was completely randomized with 5 treatments and 10 repetitions, one plant per repetition. Height (H), Collet diameter (D), Leaf number (LN), Chlorophyll (C), Leaf area (LA), Total fresh mass (TFM), Fresh leaf mass (FLM), Fresh Stem Mass (FSM), Fresh Flower Mass (FFM), Fresh Root Mass (FRM), Total Dry Mass (TDM), Dry Leaf Mass (DLM), Stem Dry Mass (SDM), Flower dry mass (FDM) and Root dry mass (RDM). Data were subjected to analysis of variance, and the equations were chosen based on the significance of the regression coefficients, at 5% probability, using the Sisvar software, version 5.6. Treatments 2 and 4 presented the highest values for most of the analyzed factors. Positive correlation was also found with sediment concentrations for H, LN, LA, FFM and FDM, when the linear regression behavior was analyzed, and the other parameters presented quadratic behavior, with optimal range always close to treatments 3 and 4. The production jambu with fish culture residues is feasible given the higher biomass increase in plants submitted to this type of substrate.

Author Biographies

Ana Carolina da Silva Gomes, Universidade Federal Rural da Amazonia

Engenhereira agronoma, mestre em aquicultura e estudante de especializaçao em gestão ambiental.

Trabalho com resíduos agricolas e produçao de mudas florestais

Glauber David Almeida Palheta, Universidade Federal Rural da Amazonia

Possui graduação em Ciências Biológicas Modalidade Licenciatura pela Universidade Federal do Pará (2002), com Mestrado e Doutorado em Ciência Animal (Ecologia aquática e Aquicultura) pela Universidade Federal do Pará. Atualmente é professor Adjunto II da Universidade Federal Rural da Amazônia, pesquisador no instituto socioambiental dos recursos hídricos( ISARH/UFRA). Atua nos cursos de Pós graduação em Aquicultura e Recursos Aquáticos Tropicais e nos de graduação em Engenharia de Pesca, Engenharia Ambiental e Agronomia . Tem experiência na área de Ecologia e Qualidade da Água , com ênfase em organismos aquáticos, atuando principalmente nos seguintes temas: processos reprodutivos e ecologia de peixes, ictioplâncton, qualidade da água na aquicultura. Fisiologia de organismos aquáticos e tecnologias de integração entre aquicultura e produção vegetal

Denmora Gomes Araujo, Universidade Federal Rural da Amazonia

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal Rural da Amazônia (1997), mestrado em Agronomia (Fitotecnia) pela Universidade Federal de Lavras (2000) e doutorado em Ciências (Energia Nuclear na Agricultura) pela Universidade de São Paulo (2004). Atualmente é professor Adjunto I pela Universidade Federal Rural da Amazônia, ministrando a disciplina Tecnologia e Produção de Sementes e Mudas.Tem experiência na área de agronomia com ênfase em Melhoramento Genético Vegetal, Cultura de tecidos (micropropagação, Hibridação somática, embriogênese), Manejo Florestal e Tecnologia de sementes e mudas. Atuou com Coordenadora da área de Pesquisa da Empresa Jari Celulose.

Lucas de Matos Ribeiro, Universidade Federal Rural da Amazonia

Formação em agronomia pela Universidade Federal Rural da Amazonia no ano de 2017, trabalha com produção de açaí e horticultura. 

Kelson do Carmo Freitas Faial, Intituto Evandro Chagas

Possui graduação em Licenciatura Plena em Química pela Universidade Federal do Pará (2006), Mestrado (2010) e Doutorado (2017) em Química Analítica pelo PPGQ - UFPA. Atualmente é pesquisador e Responsável pelo Setor de Espectrometria Analítica do Instituto Evandro Chagas (IEC) e Professor de Química no Estado do Pará. Tem experiência na área de Química Analítica, com ênfase em Análise de Traços e Química Ambiental.

Marcos André Piedade Gama, Universidade Federal Rural da Amazonia

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal Rural da Amazônia (1995), mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela Universidade de São Paulo (1999) e doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela Universidade de São Paulo (2002). Professor Associado da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA). Tem experiência na área de Ciências Agrárias, com ênfase em Fertilidade do Solo e Adubação, atuando principalmente nas seguintes linhas: fertilidade do solo, nutrição florestal, manejo florestal, sistema de cultivo, recuperação de áreas degradadas por mineração e silvicultura de plantações

References

Aguiar, J. P. L., Souza, F. C. A., Yuyama, L. K. O., & Pessoa, A. (2014). Biodisponibilidade do ferro do jambu (spilanthes oleraceae L.): estudo em murinos. Revista. Pan-Amazonia de Saúde, 5 (1), 19-24.

ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (1998). Portaria n.685. Ministério da Saúde, Brasília. Recuperado de http://www.anvisa.gov.br/legis/portarias/ 685_98.htm.

Aride, P. H. R., Roubach, R. E., & Val, A. L. (2004). Water pH in central Amazon and its importance for tambaqui (Colossoma macropomum) culture. World Aquaculture, 35, 24-27.

Borcioni, E., Mógor, A. F., & Pinto, F. (2016). Aplicação de ácido fúlvico em mudas influenciando o crescimento radicular e produtividade de alface americana. Revista Ciências Agronômica. 47( 3), 509-515.

Borges, L. S. (2009). Biomassa, teores de nutrientes, espilantol e atividade antioxidante em plantas de jambu (Acmella ciliata Kunth) sob adubações mineral e orgânica. Dissertação (Mestrado). Faculdade de ciências agronômicas da Unesp, Campus de Botucatu, Botucatu- SP.

Boyd, C. E., & Tucker, C. S. (1995). Sustainability of channel catfish farming. World Aquaculture, 26, 45-53.

Castro, A. L., Souza, N. H., & Barros, L. C. G., (2002). Avaliação do sistema de produção de Tambaqui intensivo em viveiro de terra com aeração. Aracajú: Embrapa Tabuleiros Costeiros. Comunicado técnico 09-MAPA.4 p.

Conama- Conselho Nacional do Meio ambiente. (2012). Resolução nº 357, de 17 de março de 2012, Brasília.

Conama- Conselho nacional do meio ambiente. (2009). Resolução nº 420, de 28 de dezembro de 2009, Brasilia.

Cunha. H. B., & Pascoaloto, D. Hidroquímica dos rios da Amazônia. 2006. Manaus: Governo do Estado do Amazonas. Cadernos do CCPA – Centro Cultural dos Povos da Amazônia. Série Pesquisas. Manaus/AM.

Diemer, O., Neu, D. H., Feiden, A., Lorenz, E. K., Bittercount, F., & Boscolo, W. R. (2010). Dinâmica nictimeral e vertical das características limnológicas em ambientes de criação de peixes em tanques-rede. Ciência Animal Brasileira, 11 (1), 24-31.

Esteves, F. A. (1998). Fundamentos de limnologia. Interciência, Rio de Janeiro.

Faquim, V., & Andrade, A. T. (2004). Nutrição mineral e diagnose do estado nutricional das hortaliças. 2004. (Curso de pós-graduação “Lato sensu” (Especialização) à distância em produção de hortaliças) – Universidade Federal de Lavras, Lavras – MG.

Fernandes, R. B. A., Luz, W. V., Fontes, M. P. F., & Fontes, L. E. F. (2007). Avaliação da concentração de metais pesados em áreas olerícolas no Estado de Minas Gerais, Revista brasileira de engenharia agrícola ambiental, 11 (1).

Ferreira, D. F., Sisvar (2010). Sistema de análise de variância. Versão 5.3. Lavras, Mg, UFLA. Software.

Gusmão, M. T. A., & Gusmão, S. A. L. (2013). Jambu da Amazônia (Acmella oleracea [(L.) R. K. Jansen]: características gerais, cultivo convencional, orgânico e hidropônico. Belém: Universidade Federal Rural da Amazônia, 135p.

Gonçalves, D. A. M. (2018). Metais e elementos terras raras em solos da Amazônia oriental. 2018. Tese (Doutorado em agronomia/ Área de concentração: Agronomia) – Universidade Federal Rural da Amazônia, Belém –PA.

Haque M. M., Belton, B., Alam, M. M., Ahmed, A. G., & Alam, M. R. (2016). Reuse of fish pond sediments as fertilizer for fodder grass production in Bangladesh: Potential for sustainable intensification and improved nutrition. Agriculture, Ecosytems and Environment, 216, 226-236.

Jegatheesan, V., Shu, L., & Visvanathan, C. (2011). Aquaculture effluent: impacts and remedies for protecting the environment and human health. Encyclopedia of environmental health, 123-135.

Kubtiza, F. (2013). Qualidade da água no cultivo de peixes e camarões, 265 p.

Kubtiza, F. (1998). Qualidade da água na produção de peixes: parte 2. Rio de Janeiro: Panoramada Aquicultura, p.35-41

Lachi, G. B.,& Sipaúba-Tavares, L. H. (2000). Qualidade da água e composição fitoplanctônica de um viveiro de piscicultura utilizado para fins de pesca esportiva e irrigação. Boletim do instituto de Pesca. 34 (1), 29-38.

Lim, C., Klesius; P. H., Li, M. H., & Robinson, E. H. (2000). Interaction between dietary levels of iron and vitamin C on growth, hematology, immune response and resistance of channel catfish (Ictalurus punctatus) to Edwardsiella ictaluri challenge. Aquaculture, Amsterdan, 185, 313-327.

Lima, M. R. P., & Gonçalves, R. F. (1999). Desidratação do lodo de lagoas. In: Gonçalves, R.F. (Coord.). Gerenciamento do lodo de Lagoas de estabilização não mecanizadas. Rio de Janeiro: PROSAB - Programa de pesquisa em Saneamento Básico, 1999. Cap.6, 44–54.

Marmontel, C. V. F., & Rodrigues, V. A. (2015). Parâmetros indicativos para qualidade da água em nascentes com diferentes coberturas de terra e conservação da vegetação ciliar. Floresta e Ambiente, 22, (2), 171-181.

Martins, C. E., Miguel, P. S. B., Rocha, W. S. D., Sobrinho, F. S., Gomes, F. T., & Oliveira, A. V. (2011). Seleção de genótipos de Brachiaria Ruziziensis quanto à tolerância ao aluminio em solução nutritive. I: Resposta a diferentes concentrações de aluminio e valores de ph em solução nutritive. Revista de Ciências Agrárias, 34 (1).

Melo, A. S., Costa, C. X., Brito, M. E.B., Viégas, P. R. A., & Silva junior, C. D. (2007). Produção de mudas de mamoeiro em diferentes substrates e doses de fósforo. Revista Brasileira de Ciências Agrárias, 2 (4), 257- 261.

MigueL, P. S. B., Gomes, F. T., Rocha, W. S. D., Martins, C. A., Carvalho, C. A., & Oliveira, A. V. (2010). Efeitos tóxicos do aluminio no crescimento das plantas: mecanismos de tolerância, sintomas, efeitos fisiologicos, bioquímicos e controles genéticos. Ces revista. 24,12-30.

Mokhtar, M. B., Aris, A. Z., Munusamy, V., & Preveena, S. M. (2009). Assessment level of heavy metals in Penaeus monodon and Oreochromis sp. In selected aquaculture ponds of high densities development área. European Journal of Scientific Research, 30, 348-360.

Monira, S., Haque, M. M., Ali, M. M., & Prodhan, M. Y.(2014). Evalution of Pangasius pond sediment potentials in vegetable production as rooftop Bag Gardening. Journal Bangladesh Agriculture University.Bangladesh, 12 (2), 397- 404

Nascimento, K. A., Campos, M. C. C., Lima, A. F. L., Cunha, J. M., Lima, V. S., & Nascimento, A. A. (2018). Uso de diferentes tipos de biofertilizantes na produção de jambu (Acmella oleracea) na Região de Humaitá – AM. Scentia Amazonia, S1, 21-28.

Papadopoulos, I. (1999). Fertirrigação: situação atual e perspectivas para o futuro. In: Folegatti, M.V. (ed.) Fertirrigação: citros, flores, hortaliças. Guaíba: Agropecuária. 11-84.

Payne, A. I. (1986). The ecology of tropical lakes and rivers. New York: Wiley. 301p.

Porto, L. C. S., & Ethur, E. M. (2009). Elementos traço na água e em vísceras de peixes da Bacia Hidrográfica Butuí-Icamaquã, Rio Grande so Sul, Brasil. Ciencia Rural, 39 (9), 2512-2518.

Prachayasittukal, V., Prachayasittukal, S., Ruchiwarat, S., & Prachayasittukal, V. (2013). High therapeutic potential of Spilanthes acmella: a review. EXCLI Journal, 12, 291- 312.

Rakocy, J. E., et al. (2004). Update on tilapia and vegetable production in the UVI aquaponic system. In: New dimensions on farmed Tilapia: proceedings of the sixth international symposium on Tilapia in Aquaculture, held September. 12-16.

Rodda, M. R. C., et al. (2006). Estímulo no crescimento e na hidrólise de ATP em raízes de alface tratadas com humatos de vermicomposto: I - efeito da concentração. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 30, (4), 649-656.

Rosa, D. K. O. F., Barros, D. L., Aires, F. P. G., & Gomide, P. H. O. (2018). Aproveitamento do resíduo de tanque de piscicultura na produção de mudas de mamoeiro em Rorainópolis. Revista Ambiente: Gestão e Desenvolvimento. 11 (1), 120-136.

Rosemberg, D. M., & Resh, V. H. (1993). Freshwater biomonitoring and benthic macroinvertebrates. New York: Chapman & Hall, 504.

Schober. J., & Mendonça Filho, M. Sustentabilidade é Fundamental para Desenvolvimento da Aquicultura. Recuperado de http://cienciaecultura.bvs.br/pdf/cic/v61n4/02.pdf

Silva, F. N. L., Medeiros, L. R., Costa, M. S. M., Macedo, A. R. G., Brandão, L. V., & Souza, R. A. L. (2017). Qualidade da água proveniente de poço artesiano em viveiro de piscicultura. Pubvet. 11 (7), 652-657.

Silva, F. O. R., Melo, C. C. V., Botelho, H. A., Souza, F. B. M., & Ramos, J. D. (2017). Efeito do resíduo de tanque de piscicultura na produção de mudas de maracujazeiro. Boletim de Industria Animal, 74 (1), 58-64.

Silva, E. A., Ramos, J. D., Silva, F. O. R., Soares, F. M., Santos, V. A., & Ferreira, E. A. (2014). Adição de água residuária de laticínio em substrato para produção de mudas de maracujazeiro amarelo. Revista Agrarian, 7, 49-59.

Silva, C. A., & Carneiro, P. C. F. (2007). Qualidade da água na engorda de tambaquis em viveiros sem recirculação de água. Aracaju, SE: Embrapa Tabuleiros Costeiros, 2p.

Silva, L. V. F., Golombieski, J. I., & Baldisserotto, B. (2005). Incubation of silver catfish, Rhamdia quelen (Pimelodidae), eggs at diferente calcium and magnesium concentrations. Neotropical Ichthyology, 3, 299-304.

Souto, G. C. (2016). Desempenho agronômico e acúmulo de nutrientes pela planta de jambu. 2016. Tese (Doutorado em fitotecnia) – Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Mossoró- RN.

Talbot, C., & Hole, R. (1994). Fish diets and the control of eutrophication resulting from aquaculture. Journal of Applied Ichthyology, 10 (4), 258-270.

Towsend, C. R., Silva, L. F., & Baldisserotto, B. (2003). Growth na survival of Rhamdia quelen exposed to diferente levels of water hardnesse. Aquaculture, 215, 103-108.

Ventura, A. S., Jerônimo, G. T., Gonçalves, E. L. T., Tamporoski, B. R. F., Martins, M. L., & Ishikawa, M. M. (2013). Fauna parasitária dos híbridos siluriformes cachapinta e jundiara nos primeiros estágios de desenvolvimento. Pesquisa agropecuária. Brasileira, 48 (8), 943-949.

Yamamoto, F. Y. (2011). Microminerais (Cu, Fe, Mn, Se e Zn) na nutrição de peixes uma revisão bibliográfica. 2011. Tcc (Graduação em engenharia de aquicultura) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis – SC.

Published

29/08/2020

How to Cite

Gomes, A. C. da S., Palheta, G. D. A., Araujo, D. G., Ribeiro, L. de M., Faial, K. do C. . F. ., & Gama, M. A. P. (2020). Evaluation of heavy metal content in jambu cultivation (Acmella oleracea [(L) R. K Jasen]) wiTH sediment of Tambaqui nursery (Colossoma macropomum). Research, Society and Development, 9(9), e515992866. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.2866

Issue

Section

Agrarian and Biological Sciences