Impact of the COVID-19 pandemic on health education actions in primary care: a literature review

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v11i10.32240

Keywords:

Health education; Primary Health Care; Disease; Delivery of health care.

Abstract

Objective: To understand the impacts of the COVID-19 pandemic on health education actions in Primary Care. Methodology: this is an integrative literature review, with a qualitative approach. Articles, dissertations, theses and institutional documents were used between April and May 2022 in the following databases: Virtual Health Library, MEDLINE, Scielo, academic google and Ministry of Health. Articles published in Portuguese and English, with full text, available online, which portrayed the topic addressed, were selected. Results: Faced with the pandemic, some changes were necessary in the organization of care in the Unified Health System, due to the overload by the demand for routine care, the need to offer health care in urgency, emergency and intensive care resulting from the complications caused by COVID-19. In this way, health education is considered an important tool with transformative power in facing the disease to empower people to prevent and control COVID-19 more effectively. The use of Information and Communication Technologies (ICTs) including the use of social networks to disseminate information was also perceived in the results of the study. Conclusion: Quick consultations, with little dialogue and difficulty in access, contributed to the distance in the professional-user relationship in health services and in the development of educational activities imposed by the pandemic. On the other hand, people began to seek more information about health, and for this, health professionals used different virtual sources, which intensified the use of ICT.

Author Biographies

Francimaria Batista Miranda , Secretaria Municipal de Saúde de Petrolina

Graduada em Enfermagem pela Faculdade de Nossa Senhora das Graças (FENSG), na Universidade de Pernambuco (UPE), concluída em 2003. Pós  graduada em Programa de Saúde da Família pela Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas (2004 a 2005); em Auditoria de Sistemas de Saúde pela Universidade Estácio de Sá (2006 a 2007); em Urgência e Emergência pelo Instituto Superior de Teologia Aplicada (2013); em Emergências e Desastres pela Faculdade Integrada Da Grande Fortaleza (2013) e Gestão em Saúde pela Universidade Federal do Vale do São Francisco (2015). Atualmente exerço a função de Enfermeira assistencial na Estratégia Saúde da Família em Petrolina-PE e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), na zona rural de Juazeiro-BA. Também desempenho a função de Preceptora na disciplina, estágio supervisionado I, do Curso de Enfermagem da UNIVASF e UPE.

Flávia Emília Cavalcante Valença Fernandes, Universidade de Pernambuco

Mestre em Gestão e Economia da Saúde e Doutora em Inovação Terapêutica pela Universidade Federal de Pernambuco. Professora Adjunta da Universidade de Pernambuco campus Petrolina. Docente Permanente do Programa de Pós-graduação em Formação de Professores e Práticas Interdisciplinares da UPE campus Petrolina (PPGFPPI/UPE)

Mariane Cardoso Carvalho, Universidade de Pernambuco

Graduanda em Enfermagem pela Universidade de Pernambuco campus Petrolina

Matheus Vargas dos Santos Almeida, Universidade de Pernambuco

Graduando em Enfermagem pela Universidade de Pernambuco campus Petrolina

Rosana Alves de Melo, Universidade Federal do Vale do São Francisco

Mestre em Enfermagem pela Universidade Estadual de Feira de Santana/BA (2015), Doutora em Inovação Terapêutica pela Universidade Federal de Pernambuco (2018). Professora adjunta do colegiado de enfermagem da Universidade Federal do Vale do São Francisco - Campus Petrolina e docente do Programa de Pós-Graduação em Dinâmicas de Desenvolvimento do Semiárido- Mestrado Profissional (PPGDiDeS/UNIVASF)

References

Abrantes, V. V. (2020). Brasil e a “diplomacia da saúde”: um recorte temporal da atuação do Estado na pandemia de COVID19. BOCA Boletim de Conjuntura, 4(10), 11-27.

Anvisa. Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). (2020). Nota Técnica nº 04/2020: Orientações para serviços de saúde: medidas de prevenção e controle que devem ser adotadas durante a assistência aos casos suspeitos ou confirmados de infecção pelo novo coronavírus (COVID-19). Atualizada em 31/05/2020 [Internet]. http://portal.anvisa.gov.br/documents/33852/271858/Nota+T%C3%A9cnica+n+042020 +GVIMS-GGTES-ANVISA/ab598660-3de4-4f14-8e6f-b9341c196b28.

Assis, J. A., Komesu, F., & Fluckiger, C. (2020). Práticas Discursivas em Letramento Acadêmico: Questões em Estudo. Editora PUC MINAS.

Assis, L. M. E. (2015). Educação e tecnologias: o novo ritmo da informação. Resenhas. Bolema, 29 (51). https://doi.org/10.1590/1980-4415v29n51r04.

Brandão, S. A. S. M., et al. (2021). Potencialidades e desafios da educação em saúde na pandemia da COVID-19. Enfermería Global, 20(62), 283-315.

Brasil. (2020). Lei n. 13.979, de 6 de fevereiro de 2020. Dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional ecorrente do coronavírus responsável pelo surto de 2019. Brasília, DF.

Brasil. (2017). Portaria n. 2.436, de 21 de setembro de 2017. Aprova a Política Nacional de Atenção Básica, estabelecendo a revisão de diretrizes para a organização da Atenção Básica, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). Brasília, DF.

Brasil. (2022). Plano nacional de operacionalização da vacinação contra a COVID-19 [Internet]. https://www.gov.br/saude/pt-br/coronavirus/publicacoes-tecnicas/guias-e-planos/plano-nacional-de-operacionalizacao-da-vacinacao-contra-covid-19.pdf.

Cervera D. P. P., Parreira B. D. M., & Goulart B. F. (2011). Educação em saúde: percepção dos enfermeiros da atenção básica em Uberaba (MG). Ciência & Saúde Coletiva, 16(1), 1547-1554.

Chan, J. F., et al. (2020). A familial cluster of pneumonia associated with the 2019 novel coronavirus indicating person-to-person transmission: a study of a family cluster. Lancet (London, England), 395(10223), 514–523.

Conceição, D. S., et al. (2020). A Educação em Saúde como Instrumento de Mudança Social. Brazilian Journal of Development,6(8), 59412-59416.

Correio, K. D. L., et al. (2015). Control of cervical cancer: actions taken by nurses based on collective subject discourse. Revista de Pesquisa Cuidado é Fundamental Online, 7(2):2425-39.

Dantas, L. K. (2021). Os impactos da pandemia da COVID-19 nas nações de alimentos [TCC de Bacharelado em Direito]. Repositório Institucional da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Ferguson, N. M., et al. (2020). Report 9: Impact of non-pharmaceutical interventions (NPIs) to reduce COVID-19 mortality and healthcare demand [Internet]. Imperial College London. https://www.imperial.ac.uk/media/imperial-college/medicine/mrc-gida/2020-03-16-COVID19-Report-9.pdf.

Fiocruz. Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ).(2020). Plano de contingência da Fiocruz diante da pandemia da doença pelo SARS-CoV-2 (COVID-19) [Internet]. https://www.arca.fiocruz.br/bitstream/icict/40335/15/plano_de_contigencia_covid19_fiocruzv1.4.pdf.

Grossi, M. G. R., Minoda, D. S. M., & Fonseca, R. G. P. (2020). Impacto da pandemia do COVID-19 na educação: reflexos na vida das famílias. Teoria e Prática da Educação, 23(3), 150-170.

Guy, R. K., et al. (2020). Rapid repurposing of drugs for COVID-19. Science, 368(6493), 829–830.

Helioterio, M. C., et al. (2020). COVID-19: Por que a proteção de trabalhadores e trabalhadoras da saúde é prioritária no combate à pandemia? Trabalho, Educação e Saúde, 18(3), e00289121.

Janini, J. P., Bessler, D., & Vargas, A. B. (2015). Educação em saúde e promoção da saúde: impacto na qualidade de vida do idoso. Saúde em Debate, 39(105),480-490.

Ji, T., et al. (2020). Lockdown Contained the Spread of 2019 Novel Coronavirus Disease in Huangshi City, China: Early Epidemiological Findings. Clinical infectious diseases: an official publication of the Infectious Diseases Society of America, 71(6), 1454–1460.

Lai, C. C., Shih, T. P., Ko, W. C., Tang, H. J., & Hsueh, P. R. (2020). Severe acute respiratory syndrome coronavirus 2 (SARS-CoV-2) and coronavirus disease-2019 (COVID-19): The epidemic and the challenges. International Journal of antimicrobial agents, 55(3), 105924.

Landeiro, M. J. L., et al. (2015). Tecnologia educacional na gestão de cuidados: perfil tecnológico de enfermeiros de hospitais portugueses. Revista da Escola de Enfermagem da USP, 49(2), 150-155.

Li, Q., et al. (2020). Early Transmission Dynamics in Wuhan, China, of Novel Coronavirus-Infected Pneumonia. The New England journal of medicine, 382(13), 1199–1207.

Mendonça F. F., & Nunes, E. F. P. A. (2014). Atividades participativas em grupos de educação em saúde para doentes crônicos. Caderno Saúde Coletiva, 22(2): 200-204.

Minayo, M. C. S. (2012). Análise qualitativa: teoria, passos e fidedignidade. Ciência & Saúde Coletiva, 17 (3), 621-626.

Moraes, R. C., Oliveira, M. S. C., & Mendonça, A. V. M. (2017). De que saúde pública estamos falando?: um olhar sobre os discursos jornalísticos no Correio Braziliense, no ano de 2016. Revista Latinoamericana de Ciencias de La Comunicación, 14(27), 326-341.

Nacoti, M., et al.. (2020). At the epicenter of the COVID-19 pandemic and humanitarian crises in Italy: changing perspectives on preparation and mitigation. New England Journal of Medicine. 10.1056/CAT.20.0080.

Oliveira, W. K., et al. (2020). Como o Brasil pode deter a COVID-19. Epidemiologia e Serviços de Saúde, 29(2), e2020044.

Organização Mundial de Saúde (OMS). (2020). Folha Informativa sobre COVID-19 [Internet]. https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=6101:covid19&It e mid=875

Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). (2017). Educação interprofissional na atenção à saúde: melhorar a capacidade dos recursos humanos para alcançar a saúde universal. Relatório da reunião. https://iris.paho.org/ bitstream/handle/10665.2/34370/opashss17024_por.pdf?sequence=1&isallowed=y

Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). (2020). Folha informativa – COVID-19 (doença causada pelo novo coronavírus) [Folha Informativa]. https://www.paho.org/bra/index.php ?option=com_content&view=article&id =6101:covid19&Itemid=875

Pagno, M. (2021). Ministério da Saúde abre campanha de vacinação contra a COVID-19 com envio de doses aos estados [Internet]. https://www.gov.br/saude/pt-br/assuntos/noticias/ministerios-da-saude-abre-campanha-de-vacinacao-contra-a-covid-19-com-envio-de-doses-aos-estados.

Palácio, M. A. V., & Takenami, I. (2020). Em tempos de pandemia pela COVID-19: o desafio para a educação em saúde. Vigilância Sanitária Em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia, 8(2), 10–15.

Parreira, C. M. F. S. (2018). Educação em saúde: caminhos e percursos para uma vida saudável. In: Lacerda E, Hexsel R, organizadores. Educação em vigilância sanitária. Brasília: Agência Nacional de Vigilância Sanitária; 2018. p. 18-25.

Ramos Junior, A., et al. (2020). Experiência de enfermeiros docentes frente ao contexto da pandemia da COVID-19. O Social em Questão, 23(48):385-401.

Rodrigues A. M. S., et al. (2020). A temporalidade social do trabalho docente em universidade pública e a saúde. Ciência & Saúde Coletiva, 25(5), 1829-1838.

Rodrigues, R. B. (2016). Novas Tecnologias da Informação e da Comunicação [Internet]. Recife IFPE.https://www.ufsm.br/app/uploads/sites/413/2018/12/arte_tecnologias_informacao_comunicacao.pdf

Salci, M. A., et al. (2013). Educação em saúde e suas perspectivas teóricas: algumas reflexões. Texto & Contexto Enfermagem, 22(1), 224-230.

Silva, J. R. A. et al. (2015). Educação em saúde na estratégia de saúde da família: percepção dos profissionais. Revista Brasileira em promoção da Saúde, 28, 75-81.

Silva, N. V. M., et al. (2020). Educação em saúde com adolescentes sexualidade e prevenção de IST. Research, Society and Development, 9(8), e107985436. http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i8.5436

Viegas, S. M. F., & Penna, C. M. M. (2013). A construção da integralidade no trabalho cotidiano da equipe saúde da família. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, 17(1), 133-41.

World Health Organization (WHO). (2021). Coronavirus disease (COVID-19) advice for the public [Internet]. https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019/advice-for-public.

World Health Organization (WHO). (2020). WHO Director-General’s opening remarks at the media briefing on COVID-19 - 5 March 2020 [Internet]. https://www.who.int/director-general/speeches/detail/who-director-general-s-opening-remarks-at-the-media-briefing-on-covid-19---5-march-2020.

Zarocostas J. (2020). How to fight an infodemic. Lancet (London, England), 395(10225), 676.

Published

06/08/2022

How to Cite

MIRANDA , F. B. .; FERNANDES, F. E. C. V.; CARVALHO, M. C. .; ALMEIDA, M. V. dos S. .; MELO, R. A. de. Impact of the COVID-19 pandemic on health education actions in primary care: a literature review. Research, Society and Development, [S. l.], v. 11, n. 10, p. e411111032240, 2022. DOI: 10.33448/rsd-v11i10.32240. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/32240. Acesso em: 1 oct. 2022.

Issue

Section

Teaching and Education Sciences