The dissemination of socio-environmental management and sustainability policy at the Federal University of Pará

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v13i1.44819

Keywords:

Management improvement programs; Dissemination of management policy; Socio-environmental sustainability; Institute of Exact and Natural Sciences; Federal University of Pará.

Abstract

The diffusion of management policy and socio-environmental sustainability are presented as an alternative in the field of public administration, where the participation of technical-administrative employees in education and teachers in the creation of a common good is a privilege of a deliberative participatory process. The objective of this research is to understand the process of management and socio-environmental sustainability in the context of the Institute of Exact and Natural Sciences of the Federal University of Pará (ICEN/UFPA), to understand the perception of administrative technical servants in education and professors managing administration in the decision of educational environment, as well as the applicability of environmental education. The methodological procedure was based on Normative Instruction 10/2012, in which a questionnaire was prepared with 28 open and closed questions. The questionnaire was answered by employees and professors from the faculties and departments working at the Institute. Data analysis showed that the idea of disseminating and using environmental education as an interdisciplinary and multidisciplinary tool as an environmental practice, implements the theoretical approach to ICEN/UFPA's human resources management and socio-environmental sustainability processes.

References

Alvares, T. C. C., Siqueira, G. W., Siqueira, M. A do S. L., Wanzeller, M. de L., Teixeira, D. F., & Lopes, K. M. A. (2024). Gestão ambiental dos resíduos dos laboratórios do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Federal do Pará. Research, Society and Development, 13(1), e0313144627. https://doi.org/10.33448/rsd-v13i1.44627, https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/44627/35706.pdf.

Almeida, L. de F. (2011). A gestão dos resíduos sólidos em contextos intraorganizacionais: um estudo a partir da UFPA. (Dissertação Mestrado), Universidade Federal do Pará, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Tropico Úmido, Belém, Pará. https://www.ppgdstu.propesp.ufpa.br/ARQUIVOS/Dissertacoes/2011/LUCIA%20DE%20FATIMA%20ALMEIDA.pdf.

Brasil. (2009). Ministério do Meio Ambiente – MMA. A3P- Agenda Ambiental na Administração Pública. http://www.mma.gov.br/estruturas/a3p/_arquivos/cartilha_a3p_36.pdf.

Brasil. Decreto nº 5.707, de 23 de fevereiro de 2006. (2006). Institui a Política e as Diretrizes para o Desenvolvimento de Pessoal na administração pública federal direta, autárquica e fundacional. Brasília: Presidência da República, https://legislacao.presidencia.gov.br/atos/?tipo=DEC&numero=5707&ano=2006&ato=9f7o3YE50MRpWTa96

Brasil (2017). Ministério do Meio Ambiente. Gestão socioambiental nas universidades públicas. Brasília, DF, https://sga.furg.br/images/Documentos_para_linkar/A3P_universidades.pdf.

Cochran, W. G. (1965). Técnicas de amostragem. Editora Fundo de Cultura. Atlas.

Costa, F. L. da. (2014). História das reformas administrativas no Brasil: narrativas, teorizações e representações. Revista Do Serviço Público, 59(3):271-288. https://doi.org/10.21874/rsp.v59i3.150. https://revista.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/150/155.pdf.

Dencker, A. de F. M. (1998). Pesquisa em turismo: planejamento, métodos e técnicas. (9a ed.), Editora. Futura.

GCS. (2010). Guia de Compras Públicas Sustentáveis para Administração Federal. https://www.gov.br/compras/pt-br/agente-publico/logistica-publica-sustentavel/materiais-de-apoio/biblioteca-digital/guia-de-compras-publicas-sustentaveis-para-a-administracao-federal-iclei_mpog.pdf.

Gemelli, I. M. P & Filippim, E. S. (2010). Gestão de pessoas na administração pública: o desafio dos municípios. RACE: Revista de Administração, Contabilidade e Economia, 9(1-2):153-180. http://www.spell.org.br/documentos/ver/37630/gestao-de-pessoas-na-administracao-publica--o-desafio-dos-municipios/i/pt-br.

Gil, A. C. (2008). Métodos e técnicas de pesquisa social. (6a ed.), Atlas

Justen, C. E., & Neto, L. M. (2012). Do economicismo à dialogicidade: as contribuições do paradigma da ecologia profunda e da noção de gestão social para a temática da sustentabilidade empresarial. Cadernos EBAPE.BR, 10(3), 736 a 750. https://periodicos.fgv.br/cadernosebape/article/view/5493.pdf.

Levine, D. M., Krehbiel, T. C & Berenson, M. L. (2012). Estadística descritiva. Pearson Educación.

Marconi, M. A & Lakatos, E. M. (2010). Fundamentos de metodologia científica. Editora Atlas.

Mendes, M. A. F. (2017). A institucionalização das práticas de sustentabilidade na Universidade Federal do Pará. (Dissertação de Mestrado). Programa de Pós-Graduação de Mestrado Profissional em Gestão Pública do Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, da Universidade Federal do Pará. http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/10315.pdf.

Mourão, R. de O., Siqueira, G. W., Siqueira, M. A do S. L., Alvares, T. C. C & Teixeira, D. F. (2023). Educação ambiental na redução do consumo de energia elétrica no prédio da reitoria do campus sede da cidade universitária Prof. José da Silveira Netto – UFPA. Research, Society and Development, 12 (11):e33121143631. https://doi.org/10.33448/rsd-v12i11.43631. https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/43631/35104.pdf.

Nelson, L. C. N. (2010). Capacitação e afastamento de servidores públicos da união: distinção e aplicação combinada dos institutos jurídicos existentes.

https://repositorio.enap.gov.br/jspui/bitstream/1/4183/1/TEXTO%20PARA%20DISCUSS%c3%83O%20N%c2%ba%2014.1619552439.pdf.

Rohrich, S. S & Takahash, A. R. W. (2019). Sustentabilidade ambiental em Instituições de Ensino Superior, um estudo bibliométrico sobre as publicações nacionais. Revista Gest. Prod., São Carlos, (26)2:e2861, https://doi.org/10.1590/0104-530X2861-19. https://www.scielo.br/j/gp/a/TzcyKHqQnPBmVNkkP3fNkfD/?format=pdf&lang=pt.pdf.

Souza, W. L de., Siqueira, G. W., Guimarães, G. A., Siqueira, M. A do S. L., Sacramento, M. S do., Wanzeller, M. de L & Maia, N. V. (2023). Compras sustentáveis como estratégia de gestão ambiental no Instituto de Ciências Exatas e Naturais da Universidade Federal do Pará. Research, Society and Development, 12(13): e11121344110. https://doi.org/10.33448/rsd-v12i13.44110. https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/44110/35402.pdf

Sena, J. C. S. (2014). Excelência na gestão pública: Avaliação das práticas gerenciais da Secretaria Nacional de Políticas Sobre Drogas no Contexto da Gespública. (Monografia Especialização), Escola Nacional de Administração Pública, Brasília,

Santos, L. A. D., Marzall, L. F., Gonçalves, D. L., & Godoy, L. P. (2016). Análise das Práticas Sustentáveis no Ramo Varejista: uma Percepção dos Colaboradores com Ênfase na Educação Ambienta. Reunir: Revista de Administração, Contabilidade e Sustentabilidade, (6)1:56-73. https://doi.org/10.18696/reunir.v6i1.349. https://reunir.revistas.ufcg.edu.br/index.php/uacc/article/view/349/pdf.

Sigollo, S., & Soares, M. T. R. C. (2007). Os caminhos e os desafios do desenvolvimento de pessoas na área pública. Manual de treinamento e desenvolvimento: gestão e estratégias. São Paulo: Pearson, Atlas.

Universidade Federal do Pará. (2016). Relatório de gestão 2016 do exercício 2016. Belém, Pará. https://proad.ufpa.br/documentos/diversos/relat%C3%B3rio%20PROAD%202016.pdf.

Yin, R. K. (2015). Estudo de caso: planejamento e métodos. (5a ed.), Bookman.

Published

18/01/2024

How to Cite

PRESTES, M. I. R. .; SIQUEIRA, G. W. .; SIQUEIRA, M. A. do S. L. .; ALVARES, T. C. C. .; TEIXEIRA, D. F. .; WANZELLER, M. de L. . The dissemination of socio-environmental management and sustainability policy at the Federal University of Pará. Research, Society and Development, [S. l.], v. 13, n. 1, p. e8513144819, 2024. DOI: 10.33448/rsd-v13i1.44819. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/44819. Acesso em: 27 may. 2024.

Issue

Section

Teaching and Education Sciences