Educational product: HIV and AIDS themes in learning modules in a didactic sequence

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.7802

Keywords:

Teaching; Vocational and technological education; Didactic sequence.

Abstract

This article is the result of an investigation under the scope of ProfEPT, Ifal - Campus Benedito Bentes. Coming from a master's research, he reports on the development and evaluation of the Educational Product (EP) “Didactic Sequence: proposal to approach the themes HIV and AIDS in technical courses at medium level in Workplace Safety”. The work aims to discuss the investigative path of developing a Didactic Sequence (DS) as EP in the scope of Vocational and Technological Education, emphasizing its evaluation process. The methodology is qualitative and adopted collaborative action research for the evaluation of DS, as well as the documentary research method. The instruments for collecting research data were profile questionnaires, satisfaction questionnaires, recordings of interactive moments and reflective diaries. The evaluation of DS had the collaboration of 4 people. As a result, the DS evaluates positively by the colaborators, and there were also points assessed in a neutral way, considering the twenty items provided in the satisfaction questionnaire, which dealt with the PE evaluation, and none of these items were negatively evaluated. The tabulation and analysis were based on the Likert scale. The participation of teachers in the process of appreciation and evaluation of DS was shown as a contribution to the professional development of teachers. Thus, it is understood that the developed SD is configured as a tool for addressing the issues of HIV and AIDS in technical courses of medium level in Workplace Safety in the development of professional skills and in the construction of knowledge necessary for the exercise of citizenship.

Author Biographies

Deyvison Campos dos Santos, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Alagoas

Licenciado em Ciências Biológicas – UFAL;

Especialista em Gestão Escolar e Coordenação Pedagógica - Cesmac;

Mestrando em Educação Profissional e Tecnológica pelo ProfEPT/IFAL.

 

Ricardo Jorge de Sousa Cavalcanti, Instituto Federal de Alagoas - Ifal; Programa de Pós-Graduação Rede em Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT).

Coordenação de Linguagens e Códigos - Colic e Coordenação Local do ProfEPT/Ifal.

 

References

Araujo, L. F. de et al. (2019). Análise da Resiliência entre Pessoas que Vivem com HIV/AIDS: Um Estudo Psicossocial. Psic.: Teor. e Pesq., Brasília, 35. Recuperado de http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722019000100514&lng=en&nrm=iso.

Araujo, R. M. de L. & Frigotto, G. (2015). Práticas pedagógicas e ensino integrado. Revista Educação em Questão, Natal, 52 (38), 61-80. Recuperado de https://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache:eYLvipaJYQEJ:https://periodicos.ufrn.br/educacaoemquestao/article/download/7956/5723/+&cd=1&hl=pt-BR&ct=clnk&gl=br.

Barato, J. N. (2008). Conhecimento, trabalho e obra: uma proposta metodológica para a Educação Profissional. B. Téc. Senac: a R. Educ. Prof, 34(3), 4–15. Recuperado de https://www.bts.senac.br/bts/issue/view/34/35.

Brasil. (2014). Ministério da Educação. Catálogo Nacional de Cursos Técnicos. 3 ed. Brasília. Recuperado de http://portal.mec.gov.br/docman/novembro-2017-pdf/77451-cnct-3a-edicao-pdf-1/file.

Brasil (2019). Ministério da Educação. Documento orientador de APCN área 46: ensino. Brasília: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, 2019. Recuperado de https://capes.gov.br/images/Criterios_apcn_2019/ensino.pdf.

Brasil. (1978). Ministério do Trabalho e Emprego. Portaria nº 3.214, de 08 de junho de 1978. Norma Regulamentadora 05 – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho. Recuperado de https://enit.trabalho.gov.br/portal/images/Arquivos_SST/SST_NR/NR-05.pdf.

Brasil. (1978). Ministério do Trabalho e Emprego. Portaria nº 3.214, de 08 de junho de 1978. Norma Regulamentadora 04 – Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho. Recuperado de https://enit.trabalho.gov.br/portal/images/Arquivos_SST/SST_NR/NR-04.pdf.

Brasil. (1989). Ministério do Trabalho e Emprego. Portaria nº 3.275, de 21 de setembro de 1989. Dispõe sobre as atividades do Técnico em Segurança do Trabalho. Recuperado de https://www2.camara.leg.br/legin/marg/portar/1989/portaria-3275-21-setembro-1989-491787-publicacaooriginal-1-mtb.html.

Cavalcanti, R. J. de S. (2010). O ensino da argumentação: uma experiência didática com o artigo de opinião no curso de Letras. 2010. Maceió,

Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Educação) - Centro de Educação, Universidade Federal de Alagoas, Maceió. Recuperado de http://www.repositorio.ufal.br/bitstream/riufal/1321/1/O%20ensino%20da%20argumenta%C3%A7%C3%A3o%20uma%20experi%C3%AAncia%20did%C3%A1tica%20com%20o%20artigo%20de%20opini%C3%A3o%20no%20curso%20de%20letras.pdf.

Freitas, J. G. de et al (2012). Enfrentamentos experienciados por homens que vivem com HIV/Aids no ambiente de trabalho. Rev. esc. enferm. USP, São Paulo, 46(3), 720-726. Recuperado de http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0080-62342012000300026&lng=en&nrm=iso.

Ibiapina, I. M. L. de M. (2016). Reflexões sobre a produção do campo teórico-metodológico das pesquisas colaborativas: gênese e expansão. In: Ibiapina, I. M. L. de M., Bandeira, H. M. M. & Araujo, F. A. M. (org.). Pesquisa colaborativa: multirreferenciais e práticas convergentes. Teresina: Edufpi. 1 CD – ROM. 33-61.

Leite, P. de S. C. (2018) Produtos Educacionais em Mestrados Profissionais na Área de Ensino: uma proposta de avaliação coletiva de materiais educativos. VII Congresso IberoAmericano em Investigação Qualitativa (CIAIQ). Atas CIAIQ, 330-339. Recuperado de https://proceedings.ciaiq.org/index.php/ciaiq2018/article/view/1656.

Moura, D. H. (2008). A formação de docentes para a educação profissional e tecnológica. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, 1 ()1, 23-38. Recuperado de http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/2863.

Pena, G. A. de C. (2016). Prática docente na educação profissional e tecnológica: os conhecimentos que subsidiam os professores decursos técnicos. Formação Docente – Revista Brasileira de Pesquisa sobre Formação de Professores, 8 (15), 79-94. Recuperado de https://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache:haUcxqg4cSEJ:https://revformacaodocente.com.br/index.php/rbpfp/article/view/142+&cd=1&hl=pt-BR&ct=clnk&gl=br.

Silva, K. C. B. & Souza, A. C. R. de (2018). MEPE: metodologia para elaboração de produto educacional. Manaus: IFAM, Campus Manaus Centro. Recuperado de http://repositorio.ifam.edu.br/jspui/handle/4321/355.

Silva, R. O. da. et al (2019). Aspectos relevantes na construção de produtos educacionais no contexto da educação profissional e tecnológica. REPPE: Revista do Programa de Pós-Graduação em Ensino - Universidade Estadual do Norte do Paraná, Cornélio Procópio, 3(2), 105-119, 2019. Recuperado de https://www.unifesp.br/reitoria/dci/images/DCI/revistas/Entreteses/guia_referencias_ABNT_2014.pdf.

Zabala, A. (1998). A prática educativa: como ensinar. Porto Alegre: Artmed.

Published

02/09/2020

How to Cite

Santos, D. C. dos ., & Cavalcanti, R. J. de S. . (2020). Educational product: HIV and AIDS themes in learning modules in a didactic sequence. Research, Society and Development, 9(9), e672997802. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.7802

Issue

Section

Education Sciences