Libras as a subject in the Language Course of the Federal Institute of Education, Science, and Technology from Ceará: a comparative analysis of the course program

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.7851

Keywords:

Brazilian Sign Language; Teachers Training; Letters.

Abstract

This paper aims to analyze the course program from the Libras' subjects and Introduction to Libras study, of the graduation in Language Courses from the Federal Institute of Education, Science, and Technology from Ceará (IFCE), that works at the campus from Baturité, Camocim, Crateús, Tauá, Tianguá, and Umirim. It is an exploratory documental study that uses a qualitative approach. The data collection was made on the institution's official website, where the Courses' Pedagogical Projects (PPC) can be found. It was assumed a comparative analysis in thematic nuclei according to Bonitatibus (1989) and Minayo et.al. (2015).  It was observed the majority of the subjects of Linguistic Foundations and Communication in Libras in the course programs, to the detriment of the Foundations of Deaf Education and Deaf Education in the Inclusive Perspective. New systematics researches that analyze the course programs of these subjects in all graduations from the institution are suggested in this study, to confirm or refute the hypothesis raised here and to understand the IFCE curriculum in its entirety.

Author Biographies

Luís André da Silva Araújo, Universidade Federal do Ceará

Graduando em Licenciatura em Letras Libras pela Universidade Federal do Ceará (UFC).Atuou como bolsista de extensão no projeto Acessibilidade em Ação (PREX/UFC), vinculado à Secretaria de Acessibilidade UFC - Inclui (2019). Atualmente, atua como estagiário de Educação no Sistema Ari de Sá Cavalcante (SAS). Áreas de Interesse: Libras; Linguística; Inclusão; Acessibilidade; Educação de Surdos.

Maria Viviane da Silva Rodrigues, Universidade Federal do Ceará

Graduanda em Licenciatura em Letras Libras pela Universidade Federal do Ceará - UFC.

Diná Santana de Sousa, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará

Docente da Libras, Português/Literatura, membro da Comissão Técnica para Política de Acessibilidade do IFCE, mestra em Gestão de Negócios Turísticos pela UECE com pesquisa na área de acessibilidade, especialista em Educação Especial e Inclusiva pela FALC e em Libras pela UCAM, graduada em Letras/Português e Literaturas pela UFC, graduação em Teologia pelo ICEC, possui certificação PROLIBRAS, emitida pelo MEC, de Tradução e Interpretação da Libras, é certificada como Intérprete da Libras pela APILCE, é integrante do Grupo Converso (grupo de performance poética). Coordena e executa projetos de extensão voltados para a promoção da acessibilidade (cursos de Libras) e da arte e cultura (Grupo Verso Encena), todos realizados no IFCE campus Canindé.

References

Bonitatibus, S. G. (1989). Educação Comparada Conceito, Evolução, Métodos. São Paulo: EPU.

Cândido, F. G., & Jucá, S. C. S. (2019). Memória, História e Educação Profissional: contribuições para o debate. Debates em Educação. 11(23), 217-231. Recuperado de http://dx.doi.org/10.28998/2175-6600.2019v11n23p217-231

Brasil. (2002) Lei Nº 10.436, De 24 de abril de 2002. Dispõe sobre a língua brasileira de sinais – Libras e dá outras providências. Brasília. Recuperado de http://www. planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/l10436.htm.

Brasil. (2005). Decreto nº 5626, de 22 de dezembro de 2005. Regulamenta a lei Nº 10.436, de 24 de abril de 2002, que dispõe sobre a língua brasileira de sinais - Libras, e O Art. 18 da Lei Nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Brasília. Recuperado de http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2004-2006/2005/Decreto/D5626.htm.

Brasil. (2008). Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Diário Oficial, Brasília.

Gesser, A. (2009). Libras: que língua é essa?: crenças e preconceitos em torno da língua de sinais e da realidade surda. São Paulo: Parábola Editorial.

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará campus Camocim. (2015). Projeto Pedagógico do Curso de Letras Português-Inglês e suas respectivas Literaturas. Recuperado de https://ifce.edu.br/camocim/menu/arquivos_cursos/superiores/licenciatura /letras/pdf/ppc-letras-camocim-ok.pdf/@@download/file/PPC%20Letras%20Camoc im%20ok.pdf

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará campus Tauá. (2016). Projeto Pedagógico do Curso Licenciatura em Letras Português/Inglês e respectivas Literaturas. Recuperado de https://ifce.edu.br/taua/campus_taua/cursos/superiores/licenciaturas/letras _portugues_ingles/pdf/ppc-letras/@@download/file/PPC%20de%20Letras.pdf

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará campus Tianguá. (2017a). Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Letras Português-Inglês e suas respectivas Literaturas. Recuperado de https://ifce.edu.br/tiangua/campus_tiangua/cursos/superiores/lic enciatura/Letras/pdf/ppc-letras.pdf/@@download/file/PPC%20Letras.pdf

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará campus Umirim. (2017b). Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Letras Habilitação Português-Inglês e suas respectivas Literaturas. Recuperado de https://ifce.edu.br/umirim/campus_umirim/curso s/superiores/licenciatura/licenciatura-em-letras/ppc-letras.pdf/@@download/fi le/PPC%20LETRAS.pdf

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará campus Crateús. (2018). Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Letras. Recuperado de https://ifce.edu.br/crateus/menu/cursos/superiores/licenciatura/letras/pdf/PPC_Letras_2018.pdf/@@download/file/PPC_Letras_2018.pdf

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará campus Baturité. (2019). Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Letras Habilitação Português-Inglês e suas respectivas Literaturas. Recuperado de https://ifce.edu.br/baturite/menu/cursos/superior es/licenciatura/licenciatura-em-letras/pdf/projeto-pedagogico-do-curso-de-letras.pdf/@@do wnload/file/PPC%20-%20LETRAS%20-%202019.pdf

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará. (2020). IFCE em números. Recuperado de http://ifceemnumeros.ifce.edu.br/

Leitão, V. M. (2003). Narrativas silenciosas de caminhos cruzados: história social de surdos no Ceará. Tese de doutorado, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, CE, Brasil.

Marconi, M. A., & Lakatos, E. M. (2003). Fundamentos de metodologia científica. (5a ed.) São Paulo: Atlas.

Minayo, M. C. S., Deslandes, S. F., & Gomes, R. (2015). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. (34a ed.). Rio de Janeiro: Vozes.

Perlin, G., & Strobel, K. (2008). Disciplina Fundamentos da Educação de Surdos. Licenciatura e Bacharelado em Letras Libras da Universidade Federal de Santa Catarina. Recuperado de http://www.libras.ufsc.br/colecaoLetrasLibras/eixoFormacaoEspecifica/ fundamentosDaEducacaoDeSurdos/assets/279/TEXTO_BASE-Fundamentos_Educ_Surdos.

Quadros, R. M. (2019). Libras. São Paulo: Parábola.

Skliar, C. (Org.). (2012). A surdez: um olhar sobre as diferenças. (6a ed.). Porto Alegre: Mediação.

Skliar, C. (2013). Uma perspectiva sócio-histórica sobre a psicologia e a educação dos surdos. Educação e exclusão: abordagens socioantropológicas em educação especial. (7a ed.). Porto Alegre: Mediação, 105-153.

Published

06/09/2020

How to Cite

Marques, C. J. F., Araújo, L. A. da S., Rodrigues, M. V. da S., & Sousa, D. S. de . (2020). Libras as a subject in the Language Course of the Federal Institute of Education, Science, and Technology from Ceará: a comparative analysis of the course program: . Research, Society and Development, 9(9), e760997851. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.7851

Issue

Section

Education Sciences