Epidemiology teaching during the COVID-19 pandemic

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.6898

Keywords:

Remote Education; Digital Technologies; Higher Education; Active Methodologies; Problematization.

Abstract

The suspension of in classroom teaching activities is one of the many changes in the lives of thousands of faculty and college students due to the COVID-19 pandemic. This study deals with a pedagogical adaptation for remote teaching of topics in epidemiology in a public higher education institution. This is a descriptive study related to three courses offered regularly by Nursing and Pharmacy programs that had didactic planning suitable for remote teaching via the “Special Home Exercise Scheme”. Teaching plans and methodologies were adapted to use digital technologies and a virtual learning environment. The current epidemiological scenario was used as a basis for preparing questions and situation analysis in the adapted remote format. With regards to the general structure of the curses and teaching effectiveness during the pandemic, it was found that the adoption of active teaching methodologies centering on the epidemiology of COVID-19 itself, and the appreciation of the students' prior knowledge on this topic are central to promote active learning and the development of important skills for future health professionals. All relevant topics in epidemiology were suitable for adaptation for remote learning, and the connection maintained between teachers and students proved to be an important ally in facing the pandemic. It is important to take into consideration limitations of remote education, such as lack of broad access to the internet and of digital technologies, and that topic needs to continue to be widely discussed by  institutions of higher education.

Author Biographies

Edi Franciele Ries, Universidade Federal de Santa Maria

Farmacêutica, Professora Associada do Departamento de Saúde Coletiva, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

Verginia Margareth Possatti Rocha, Universidade Federal de Santa Maria

Farmacêutica, Professora Adjunta do Departamento de Saúde Coletiva, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

Carlos Gustavo Lopes da Silva, MUST University

Farmacêutico e Pedagogo, Professor do Mestrado em Gestão de Cuidados com a Saúde, MUST University (Flórida, EUA).

References

Abegg, I., Bastos, F. P., & Muller, F. M. (2010). Ensino-aprendizagem colaborativo mediado pelo Wiki do Moodle. Educar em Revista, 38, 205-218.

Almeida Filho, N., Barreto, M. L., & Rouquayrol, M. Z. (2011). A Epidemiologia como Ciência. In: Almeida Filho, N. Epidemiologia & saúde: fundamentos, métodos e aplicações. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 3-4.

Almeida Filho, N., & Barreto, M. L. (2011). Desenhos de Pesquisa em Epidemiologia. In: Almeida Filho, N. Epidemiologia & saúde: fundamentos, métodos e aplicações. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 165-174.

Andrade, K. R. C., Carvalho, V. K. S., Farinasso, C. M., Lima, A. A., Silva, R. B., Wachira, V. K., & Rêgo, D. F. (2020). Terapia medicamentosa para infecções por coronavírus em humanos: Revisão sistemática rápida. Ciência & Saúde Coletiva. (2020/Mai). Recuperado de: http://www.cienciaesaudecoletiva.com.br/artigos/terapia-medicamentosa-para-infeccoes-por-coronavirus-em-humanos-revisao-sistematica-rapida/17580.

Barata, R. C. B. (1997). O desafio das doenças emergentes e a revalorização da epidemiologia descritiva. Revista de Saúde Pública, 31(5), 531-537.

Bonita, R., Beaglehole, R., & Kjellstrom, T. (2010). Epidemiologia Básica. (2a ed.). São Paulo: Santos.

Brasil. (2020a). Ministério da Educação. Portaria Nº 544, de 16 de junho de 2020. Dispõe sobre a substituição das aulas presenciais por aulas em meios digitais, enquanto durar a situação de pandemia do novo coronavírus - Covid-19, e revoga as Portarias MEC nº 343, de 17 de março de 2020, nº 345, de 19 de março de 2020, e nº 473, de 12 de maio de 2020. Diário Oficial da União, Publicado em: 17/06/2020, (114a ed.), 1,62.

Brasil. (2020b). MS. Ministério da Saúde. Centro de Operações de Emergências em Saúde Pública. Boletim epidemiológico Diário Covid-19: SE 15, de 08/04/20. Brasília, DF: MS, 2020. Recuperado de: https://static.poder360.com.br/2020/04/atualizacao-covid19-brasil-ministerio-saude-8abr2020.pdf.

CFF. (2020). Conselho Federal de Farmácia. Coronavírus - Informações seguras, baseadas em evidências. Recuperado de: <http://covid19.cff.org.br/>.

COFEN. (2020). Conselho Federal de Enfermagem. Nota de Esclarecimento sobre o Coronavírus (Covid-19). Recuperado de: <http://www.cofen.gov.br/cofen-publica-nota-de-esclarecimento-sobre-o-coronavirus-covid-19_77835.html>.

Costa, H. G.. & Rangel, M. L. (1997). Desafios do Ensino da Saúde Coletiva na Graduação dos Profissionais de Saúde. Ciência & Saúde Coletiva, 2(1-2), 164-171, DOI: https://doi.org/10.1590/1413-812319972102362014.

Gautret, P., Lagier, J-C., Parola, P., Hoang, V.T., Meddeb, L., Mailhe, M., & Raoult, D. (2020). Hydroxychloroquine and azithromycin as a treatment of COVID-19: results of an open-label non-randomized clinical trial. International Journal of Antimicrobial Agents, Article 105949. DOI: https://doi.org/10.1016/j.ijantimicag.2020.105949.

Google. (2020). Reconhecimento de Ignaz Semmelweis e da higiene das mãos. Recuperado de: https://www.google.com/doodles/recognizing-ignaz-semmelweis-and-handwashing.

Hallal, P. C., Horta, B L, Barros, A. J. D, Dellagostin, O A, Hartwig, F P, Pellanda, L .C, ... Victora, C. G. (2020). Evolução da prevalência de infecção por COVID-19 no Rio Grande do Sul: inquéritos sorológicos seriados. Ciência & Saúde Coletiva, (2020/Abr). Recuperado de: http://www.cienciaesaudecoletiva.com.br/artigos/evolucao-da-prevalencia-de-infeccao-por-covid19-no-rio-grande-do-sul-inqueritos-sorologicos-seriados/17547?id=17547&id=17547 &id=17547.

Jianbo, L., MSc, S. M., MSc, Y. W., MSc, Z. C. M. D., Jianbo, H., MSc, N. W. M. D., & Shaohua, H. M. D. (2020). Factors Associated With Mental Health Outcomes Among Health Care Workers Exposed to Coronavirus Disease 2019. JAMA Netw Open, 3(3), e203976. DOI: 10.1001/jamanetworkopen.2020.3976.

Lima, B. G. T., Schneider, E. M., Tomazini-Neto, B. C. & Castro, L. P. V. (2020). Educação Superior em tempos de Pandemia Versus a (Des) orientação dos Documentos Oficiais. Research, Society and Development, 9(8), e100985193. DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i8.5193.

Lu, H.; Stratton, C. W., & Tang, Y. W. (2020). Outbreak of pneumonia of unknown etiology In Wuhan, China: the mystery and the miracle. Journal of Medical Virology, 92, 401‐ 402. DOI: https://doi.org/10.1002/jmv.25678.

Masetto, M. T., & Gaeta, C. (2019). Trajetória da pedagogia universitária e formação de professores para o ensino superior no Brasil. Em Aberto. 32. DOI: 10.24109/2176-6673.emaberto.32i106.4434.

Mota, E., & Kerr, L. R. F. S. (2011). Medidas de Ocorrência de Doenças, Agravos e Óbitos. In: Almeida Filho, N. Epidemiologia & saúde: fundamentos, métodos e aplicações. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 95-117.

Oliveira, C. K., & Mehlecke, Q. T. C. (2019). Metodologias ativas em sala de aula no Ensino superior: um estudo de caso. Revista GETS, 2(1), 25-41.

OMS. (2020). Organização Mundial da Saúde. Coronavirus disease (COVID-19) pandemic. Genebra. Recuperado de: <https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019>.

OPAS. (2020). Organização Pan-Americana da Saúde. Folha informativa – COVID-19 (doença causada pelo novo coronavírus). Recuperado de: https://www.paho .org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=6101:covid19&Itemid=875.

Paiva, M. R. F., Parente, J. R. F, Brandão, I. R., & Queiroz, A. H. B. (2016). Metodologias ativas de ensino-aprendizagem: revisão integrativa. SANARE, 15(2), 145-153, 2016. Recuperado de: <https://sanare.emnuvens.com.br/sanare/article/view/1049/595>.

Pinto, M., & Leite, C. (2020). As tecnologias digitais nos percursos de sucesso acadêmico de estudantes não tradicionais do Ensino Superior. Educação e Pesquisa, 46, e216818. DOI: https://doi.org/10.1590/s1678-4634202046216818.

Prais, J. L. S., & Rosa, V. F. (2017). Nuvem de palavras e mapa conceitual: estratégias e recursos tecnológicos na prática pedagógica. Nuances: estudos sobre Educação, 28(1), 201-219. DOI: 10.14572/nuances.v28i1.4833.

Ramos, F. L. P., Hora, A. L., Souza, C. T. V., Pereira, L. O., & Hora, D. L. (2016). As contribuições da epidemiologia social para a pesquisa clínica em doenças infecciosas. Revista Pan-Amazônica de Saúde, 7, 221-229. DOI: http://dx.doi.org/10.5123/s2176-62232016000500025.

Rio Grande do Sul. (2020). Resultado da 2ª etapa da Pesquisa sobre Covid-19. Recuperado de: https://www.facebook.com/GovernodoRS/videos/1526127627565397/UzpfST QzOTc0NTk2OTQ0MDkzMzoyODY5NzQ1OTE5Nzc0MjQ3/.

Scliar, M., Almeida Filho, N., & Medronho, R. (2011). Raízes históricas da Epidemiologia. In: Almeida Filho, N. Epidemiologia & saúde: fundamentos, métodos e aplicações. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 5-23.

Teixeira, M. G., Costa, M. C. N., Pereira, S. M., Barreto, F. R. & Barreto, M. L. (2011). Epidemiologia das Doenças Infecciosas. In: Almeida Filho, N. Epidemiologia & saúde: fundamentos, métodos e aplicações. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 458-474.

UFSM. (2020a). Instrução normativa n. 02/2020/PROGRAD de 17 de março de 2020. Regula o Regime de Exercícios Domiciliares Especiais (REDE) e o funcionamento da Pró-Reitoria de Graduação (PROGRAD) e Departamento de Registro e Controle Acadêmico (DERCA) durante a Suspensão das Atividades Acadêmicas e Administrativas em face da Pandemia COVID-19. Recuperado de: https://www.ufsm.br/pro-reitorias/prograd/wp-content/uploads/sites/342/2020/03/IN-002-2020-PROGRAD-UFSM.pdf.

UFSM. (2020b). Portaria n. 97.935, de 16 de março de 2020. Suspensão das atividades acadêmicas e administrativas presenciais pelo prazo de 30 (trinta) dias, a partir de 17 de março de 2020 (prorrogáveis). Recuperado de: https://www.ufsm.br/wp-content/uploads/2020/03/PORTARIA-97.935-1.pdf.

UFSM. (2020c). Instrução Normativa n. 03/2020/PROGRAD de 20 de março de 2020. Regula situações de estágios, atividades práticas, estágios e internatos na área de saúde, bem como situações de dificuldade de acesso a internet durante o Regime de Exercícios Domiciliares Especiais (REDE) previsto na Instrução Normativa 02/2020/PROGRAD. Recuperado de: https://www.ufsm.br/pro-reitorias/prograd/wp-content/uploads/sites/342/2020/03/IN-003-2020-PROGRAD.pdf.

Zhang, L., Zhu, F., Xie, L., Wang, C., Wang, J., Chen, R. & Zhou, M. (2020). Clinical characteristics of COVID-19-infected cancer patients: a retrospective case study in three hospitals within Wuhan, China. Annals of Oncology S0923-7534(20)36383-3. DOI:10.1016/j.annonc.2020.03.296.

Published

22/08/2020

How to Cite

Ries, E. F., Rocha, V. M. P., & Silva, C. G. L. da . (2020). Epidemiology teaching during the COVID-19 pandemic. Research, Society and Development, 9(9), e382996898. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.6898

Issue

Section

Education Sciences