Parkinson's disease: the main damages caused in the individual

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i11.10023

Keywords:

Parkinson's Disease; Parkinsonism.

Abstract

Objective: To identify, within the literature, the impacts of Parkinson's Disease (PD) on individuals. Method: The methodology used for the elaboration and development of this work was the Integrative Literature Review of works with an approach about PD. Results: PD causes motor and non-motor changes that can result in the progression of disabilities and a decrease in the individual's autonomy. The instability of the disease and the fact that it is incurable constitute a difficult reality to be faced for the rest of life, as well as a limiting factor of daily actions, which imposes on the individual with the disease becoming dependent on others for carrying out their routine activities, causing a decrease in the quality of life of these people. Conclusion: Therefore, PD is among the degenerative diseases of the nervous system that express the failure of neurological, irreversible devices, and, for this reason, they are peculiarly sensitive to aging, requiring assessment tools to diagnose the degree of the disease. The patient finds himself, especially with regard to motor impairments, which prevent patients from enjoying their independence.

Author Biographies

Noelma Gustava da Silva Marques, Centro Universitário Fametro

Acadêmica do curso de graduação em enfermagem do Centro Universitário Fametro, cursando especialização em urgência e emergênciaformação Integral e Continuada (FIC) em higienista de serviço de saúde pelo programa novos caminhos,  técnica em nutrição e dietética (CETAM), capacitação profissional enfermagem obstétrica e monitoria de semiologia e semiotécnica 2019/2.

Maria Iane da Silva Oliveira, Centro Universitário Fametro

Acadêmica do curso de graduação em enfermagem do Centro universitario Fametro e Cuidadora de idosos.

Miquéias do Nascimento Alves, Centro Universitário Fametro

Acadêmico do curso de graduação em enfermagem do Centro Universitário Fametro, capacitação profissional Enfermagem Obstétrica, cursando a especialização em de urgência e emergência.

Sandrelly Simas Leão, Centro Universitário Fametro

Acadêmica do curso de graduação em enfermagem do Centro Universitário Fametro, Técnica em enfermagem (Senac), Especialização em nível técnico em obstetrícia neonatologia (CETAM).

Sara Daiana Bentes de Souza, Centro Universitário Fametro

Acadêmica do curso de graduação em enfermagem do Centro Universitário Fametro e técnica de enfermagem.

Graciana de Sousa Lopes, Centro Universitário Fametro

Enfermeira graduada pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM), Mestra em Enfermagem (UFAM/UEPA), membro do Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa em Enfermagem e Saúde - NIPES, Conselheira da Liga Amazonense de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (LAPICS-UFAM). Especialista em Enfermagem em Urgência e Emergência (UNI-CEL), Saúde do Trabalhador e Meio Ambiente (UEA) e Enfermagem em Infectologia (UEA). Docente no Instituto Metropolitano de Ensino - IME, cursando especialização em Acupuntura. Atuando como presidente da Comissão de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do curso de Enfermagem.

References

Andrade, A. O., de Pádua Machado, A. R., de Morais, C. R., Campos, M., Naves, K. F. P., & Pessôa, B. L. (2017). Sinais e sintomas motores da doença de Parkinson: caracterização, tratamento e quantificação. Novas tecnologias aplicadas à saúde: integração de áreas transformando a sociedade. Research Gate, IV, 08, 195– 228 282. DOI: 10.13140 / RG.2.2.21085.51680

Bento, F. A. M., Diaféria, G. L. A., Fonoff, E. T., Padovani, M. M. P., & Behlau, M. (2019). Efeito da técnica de sobrearticulação na voz e na fala em indivíduos com doença de Parkinson após cirurgia de estimulação cerebral profunda. Audiology-Communication Research, 24. DOI: https://doi.org/10.1590/2317-6431-2018-2008

Brandão, R. S., Araújo, G., & Coimbra, J. (2015). Doença de Parkinson–suas características fisiopatológicas sob as perspectivas dos profissionais da área da saúde. Anais Simpósio NIPPROMOVE. Recuperado de http://nippromove.hospedagemdesites.ws/anais_simposi o/arquivos_up/documentos/artigos/6d4e8edcce78666091ae0a216d6acbc6.pdf

Cabreira, V., & Massano, J. (2019). Doença de Parkinson: Revisão Clínica e Atualização. Acta Medica Portuguesa, 32(10). Recuperado de https://pesquisa.bvsalud.org/ portal/resource/pt/mdl-31625879.

Cruz, A. N. D., Beber, B. C., Olchik, M. R., Chaves, M. L. F., Rieder, C. R. D. M., & Dornelles, S. (2016). Aspectos de comunicação oral em pacientes com doença de Parkinson submetidos à Estimulação Cerebral Profunda. In CoDAS. 28(4), 480-485. Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia. DOI: https://doi.org/10.1590/2317-1782/20162015169.

Freire, L. N., de Mello Rieder, C. R., Schuh, A. F. S., Dornelles, S., & Olchik, M. R. (2015). Impacto na qualidade de vida de portadores de Doença de Parkinson com risco para disfagia. Revista Neurociências, 23(4), 516-521. DOI: 10.4181/RNC.2015.23.04.1065.06p

Gonçalves, L. H. T., Alvarez, A. M., & Arruda, M. C. (2007). Pacientes portadores da doença de Parkinson: significado de suas vivências. Acta Paulista de Enfermagem, 20(1), 62-68. DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-21002007000100011.

Mancopes, R., Busanello-Stella, A. R., Finger, L. S., Neu, A. P., Pacheco, A. D. B., & Torriani, M. S. (2013). Influência da levodopa sobre a fase oral da deglutição em pacientes com doença de Parkinson. Revista CEFAC, 15(3), 707-712. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1516-18462013005000023

Martins, N. I. M., Asano, N. M. J., Lins, C. C. D. S. A., & Coriolano, M. D. G. W. D. S. (2019). Variáveis demográficas e clínicas como preditoras diferenciais de alteração cognitiva na doença de Parkinson. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, 22(1). DOI: https://doi.org/10.1590/1981-22562019022.180141

Monteiro, D., da Silva, L. P., de Sá, P. O., de Oliveira, A. L. R., de Sales, M. D. G. W., & Lins, O. G. (2018). Prática mental após fisioterapia mantém mobilidade funcional de pessoas com doença de Parkinson. Fisioterapia e Pesquisa, 25(1), 65-73. DOI: https://doi.org/10.1590/1809-2950/17192425012018

Monteiro, E. P., Wild, L. B., Martinez, F. G., de Souza Pagnussat, A., & Peyré‐Tartaruga, L. A. (2017). Aspectos biomecânicos da locomoção de pessoas com doença de Parkinson: revisão narrativa. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, 39(4), 450-457. DOI: https://doi.org/10.1016/j.rbce.2016.07.003

Moreira, R. C. P.S. (2014). Impacto da doença de parkinson na qualidade de vida de indivíduos nas fases leve e moderada. UFP. Recuperado de https://acerv odigital.ufpr.br/bitstream/handle/1884/41357/R%20-%20D%20-%20RAISSA%20 CARLA%20PAULINO%20SILVA%20E%20MOREIRA.pdf?sequence=2&isAllowed=y

Nunes, S. F. L., Alvarez, A. M., Costa, M. F. B. N. A. D., & Valcarenghi, R. V. (2019). Fatores determinantes na transição situacional de familiares cuidadores de idosos com doença de Parkinson. Texto & Contexto-Enfermagem, 28. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1980-265x-tce-2017-0438

Nunes, S. F. L., Alvarez, A. M., Valcarenghi, R. V., Hammerschmidt, K. S. D. A., & Baptista, R. (2019). Adaptação dos Familiares Cuidadores de Idosos com Doença de Parkinson: Processo de Transição. Psicologia: Teoria e Pesquisa, 35(SPE). DOI: http://dx.doi.org/10.1590/0102.3772e35nspe4

Oliveira, K. S. M., da Silva, N. B. Q., de Carvalho, F. P. B., Barreto, F. A., & de Azevedo Fernandes, S. C. (2018). Doença de parkinson e o cuidado familiar: história oral de vida. Revista Uningá, 55(4), 88-100. Recuperado de http://revista.uninga.br/inde x.php/uninga/article/view/2248

Pérez, E. S., Pacheco, O. R. A., Lahera, I. N., Avila, E. C.; (2017). Síntomas no motores en pacientes con enfermedad de Parkinson. Medisan, 21(6), 681-687. Recuperado de https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-894613

Peternella, F. M. N., & Marcon, S. S. (2009). Descobrindo a Doença de Parkinson: impacto para o parkinsoniano e seu familiar. Revista Brasileira de Enfermagem, 62(1), 25-31. Recuperado de https://teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17138/tde-10042018-150836/publico /FELIPEARRIVAPITELLA.pdf

Santos, I. S. C., Menezes, M. D. R. D., & Souza, A. D. S. (2009). Concepções de idosos sobre a vivência com a doença de Parkinson. Rev. enferm. UERJ. Recuperado de http://files.bvs.br/upload/S/0104-3552/2009/v17n1/a012.pdf

Silva, T. P. D., & Carvalho, C. R. A. D. (2019). Doença de Parkinson: o tratamento terapêutico ocupacional na perspectiva dos profissionais e dos idosos. Cadernos Brasileiros de Terapia Ocupacional, 27(2), 331-344. Recuperado de http://revista.uni nga.br/index.php/uninga/article/view/2248/1794

Valcarenghi, R. V., Alvarez, A. M., Santos, S. S. C., Siewert, J. S., Nunes, S. F. L., & Tomasi, A. V. R. (2018). O cotidiano das pessoas com a doença de Parkinson. Revista Brasileira de Enfermagem, 71(2), 272-279. DOI: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2016-0577

Zafar, S.; Yaddanapudi, S. S.(2019) Parkinson Disease. Statpealrs. Recuperado de https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK470193/

Published

18/11/2020

How to Cite

Marques, N. G. da S. ., Oliveira, M. I. da S. ., Alves, M. do N. ., Leão, S. S. ., Souza, S. D. B. de ., & Lopes, G. de S. . (2020). Parkinson’s disease: the main damages caused in the individual. Research, Society and Development, 9(11), e37491110023. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i11.10023

Issue

Section

Health Sciences