Effects of a multiprofessional program to treat obesity in the aquatic environment in adults with severe obesity

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i1.11636

Keywords:

Multiprofessional treatment; Severe obesity; Physical fitness.

Abstract

Introduction: The continuous increase in severe obesity and the comorbidities associated with this condition have become epidemic and affect the people of all ages and economic groups. In addition, the predictions are that this problem will become even more serious. Therefore, obesity treatment programs are urgently needed, but are rarely accessible to the low-income population. Objective: To analyze the effects of a multiprofessional obesity treatment program (PMTO) in adults with severe obesity (BMI> 40 kg/m2). Method: 13 people (six women and seven men) participated in the study, with a mean age of 41.2 ± 7 years and an average BMI of 48.3 kg/m2. Anthropometric, clinical, laboratory, and physical fitness assessments were performed, following standardized procedures, pre-intervention and after 24 weeks of a PMTO. Results: BMI, percentage of fat (% Fat), absolute body fat, flexibility, handgrip strength, abdominal strength/resistance showed significant improvements (p <0.05). Conclusion: PMTO in adults with severe obesity proved to be effective in improving several parameters related to health and physical fitness, therefore, promising for further studies to assess its applicability, including interventions in the context of primary health care (SUS).

Author Biographies

Mario Moreira Castilho, Universidade Estadual de Maringá

Possui graduação em Educação Física pela Universidade Estadual de Maringá- PR - (1992), Mestrado em Promoção da Saúde - Envelhecimento Ativo com o tema: Influência do Envelhecimento Sobre o Condicionamento Físico de Bombeiros Militares de Maringá - PR.- (2013). Orientador Professor Dr. Joaquim Martins Júnior. Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Educação Física da UEM com o tema: Efeitos de um Programa Multiprofissional de Tratamento da Obesidade de Longa Duração Sobre Parâmetros Bioquímicos e de Aptidão Física em Adultos com Obesidade Severa. Orientador Professor Dr. Nelson Nardo Júnior. Participante do NEMO (Núcleo de Estudos Multiprofissional da Obesidade). Atualmente é Sargento - Polícia Militar do Estado do Paraná. Tem experiência na área de Educação Física, atuando principalmente nos projetos de: Obesidade, Maratona de Revezamento, Bombeiros por 24 horas, Prova Rústica Tiradentes, Dia Desafio e DUATLHON.

Greice Westphal, Universidade Estadual de Maringá

Aluna regular de Doutorado pelo Programa de Pós-Graduação Associado em Educação Física UEM/UEL. Bolsista ATP-A/CNPQ Projeto: 443353/2016-6 Ensaio de Eficácia de um Programa de Orientação para Mudança de Hábitos alimentares e de Atividade Física em Adultos com Sobrepeso e Obesidade Abdominal de Três Países da América do Sul: Estudo BRAASUL, vinculado a Universidade Estadual de Maringá, pelo Núcleo de Estudos Multiprofissional da Obesidade-NEMO/HUM/UEM. Mestre pelo Curso de Ciências do Movimento Humano da Faculdade de Ciências de Saúde, pela Universidade Metodista de Piracicaba (2017) - Linha de pesquisa Avaliação e Reabilitação Funcional - Foi bolsista da(o): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Especialista em Educação Física Escolar, Recreação, Fisiologia do Exercício e Saúde pela Associação Catarinense de Ensino Faculdade Guilherme Guimbala (2011). Graduada em Educação Física pela Universidade do Vale do Itajaí (2010). Atualmente participa do Núcleo de Estudos Multiprofissional da Obesidade (NEMO) na Universidade Estadual de Maringá (UEM) como membro do grupo de pesquisa. É integrante da Canadian Obesity Network (CON). É Coordenadora de Engajamento no programa ?Otimizando o Tratamento e Gerenciamento da Obesidade (OPTiMO)? em parceria com o MDBriefCase, em Toronto - Canadá. Bolsista técnica do laboratório NEMO pelo projeto: Ensaio de eficácia de um programa de orientação para a mudança de hábitos alimentares e de atividade física em adultos com sobrepeso e obesidade abdominal de três países da América do Sul: Estudo BRAASUL (Colômbia, Brasil e Chile). Atua principalmente nos seguintes temas: Obesidade, Fisiologia do Exercício, Avaliação e Reabilitação Funcional e Atividade Física.

Regina Alves Thon, Universidade Estadual de Maringá

Graduada em Educação Física (Licenciatura plena) pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Especialista em Ginástica Laboral e Qualidade de vida (2007). Mestra em Educação Física pelo Programa de Pós Graduação em Educação Física Associado UEM/UEL, na área de concentração: Desempenho Humano e Atividade Física (Biomecânica e Cinemetria) pela Universidade Estadual de Maringá (2013). Atuou como docente no Curso de Educação Física de Licenciatura e Bacharelado (2013/2018) nas disciplinas: Natação; Medidas e Avaliação; Treinamento Personalizado e Musculação; Prescrição de Exercícios para populações Especiais; Bases da Biomecânica e coordenação de estágio. Coordenou um Programa de pós Graduação em Atividade Física e saúde (2017/2018). Atualmente Doutoranda em Educação Física pelo Programa de Pós Graduação em Educação Física Associado UEM/UEL, na área de concentração: Atividade Física e saúde (UEM) participa do Núcleo de Estudos Multiprofissional da Obesidade (NEMO). Árbitra de natação pela CBDA, Aquat e AANSC.

Igor Alisson Spagnol Pereira, Universidade Estadual de Maringá

Aluno regular de Mestrado pelo Programa de Pós-Graduação Associado em Educação Física UEM/UEL. Graduado em Educação Física (Licenciatura) pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Bolsista de Iniciação Científica pela Universidade Estadual de Maringá - UEM (2017 - 2018). Bolsista de Iniciação Cientifica pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq (2018 - 2019). Integrante do Núcleo de Estudos Multiprofissional da Obesidade (NEMO-UEM-HUM) vinculado ao Departamento de Educação Física UEM.

Fernando Malentaqui Martins, Universidade Estadual de Maringá

luno regular de Mestrado pelo Programa de Pós-Graduação Associado em Educação Física UEM/UEL Graduado em Educação Física pela Universidade Paranaense (2007). Especialização em Educação Especial. Atualmente participa do Núcleo de Estudos Multiprofissional da Obesidade (NEMO) na Universidade Estadual de Maringá (UEM) como membro do grupo de pesquisa no projeto 443353/2016-6 Ensaio de Eficácia de um Programa de Orientação para Mudança de Hábitos alimentares e de Atividade Física em Adultos com Sobrepeso e Obesidade Abdominal de Três Países da América do Sul: Estudo BRAASUL, vinculado a Universidade Estadual de Maringá, pelo Núcleo de Estudos Multiprofissional da Obesidade-NEMO/HUM/UEM Coordenado pelo Prof° Dr.° Nelson Nardo Júnior.

Michele Fernandes do Amaral, Universidade Estadual de Maringá

Psicóloga Clinica e Organizacional. Especialista Lato sensu em Gestão de Pessoas pelo Instituto Paranaense de Maringá - Paraná e pós-graduanda em Terapia Cognitivo Comportamental pela CAPACITAR - RS. Possui experiência em gestão de empresas em recursos humanos, liderança, treinamento e desenvolvimento de pessoas. Mestranda da disciplina (In) sucesso escolar na atualidade e a educação medicalizada - UEM/PR (Teoria Sócio Cultural).

Rogério Toshiro Passos Okawa, Universidade Estadual de Maringá

Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal do Paraná (1995) e doutorado em Medicina (Ciências Médicas) pela Universidade de São Paulo (2006). Atualmente é professor associado do Departamento de Medicina da Universidade Estadual de Maringá e professor colaborador do Programa de Pós-graduação em Ciências Fisiológicas. Médico cardiologista e ecocardiografista- responsável técnico da clínica - Avancor Cardiologia . Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Medicina, atuando principalmente nos seguintes temas: hipertensão arterial sistêmica, rigidez arterial, envelhecimento vascular, efeitos agudos e crônicos do exercicio físico sobre o sistema cardiovascular

Nelson Nardo Junior, Universidade Estadual de Maringá

Possui graduação em Educação Física pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - FCT - Pres. Prudente-SP (1994), mestrado em Ciências da Motricidade pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - IB - Rio Claro-SP (1998) e doutorado em Nutrição Humana Aplicada pela Universidade de São Paulo (2005). Realizou, no período de 2011-2012, estágio de pós-doutorado na University of Ottawa-Canada na Behavioral and Metabolic Research Unit e no ano de 2015 no Research Institute do Children's Hospital of Eastern Ontario. Professor associado da Universidade Estadual de Maringá, Coordenador do Programa Associado de Pós-Graduação em Educação Física UEM/UEL no período 2012-2014, Coordenador do Núcleo de Estudos Multiprofissional da Obesidade (NEMO) e integrante da Canadian Obesity Network (CON). Diretor adjunto do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Estadual de Maringá (2016-2020). Tem experiência na área de Educação Física, com ênfase na área da Atividade Física relacionada à Saúde, atuando principalmente nos seguintes temas: Promoção da Saúde, prevenção e tratamento de doenças cronicas não transmissíveis, tratamento multiprofissional da obesidade e doenças associadas, atividade física, aptidão física, composição corporal e controle metabólico

References

Abeso. (2016). Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica. In Diretrizes brasileiras de obesidade (Número 4 ED.).

ACSM, A. C. of S. M. (2014). Diretrizes do ACSM para os Testes de Esforço e sua Prescrição.

Alberton, C. L., & Kruel, L. F. M. (2009). Influência da imersão nas respostas cardiorrespiratórias em repouso. Revista Brasileira de Medicina do Esporte, 15(3), 228–232. https://doi.org/10.1590/S1517-86922009000300013

Andy Field. (2009). Discovering Statistics using SPSS Statistics. SAGE Publications, 66, 822. http://www.amazon.com/Discovering-Statistics-using-IBM-SPSS/dp/1446249182

Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica, A. (2020). Obesidade e sobrepeso. https://abeso.org.br/conceitos/obesidade-e-sobrepeso/

ATS. (2002). American Thoracic Society ATS Statement : Guidelines for the Six-Minute Walk Test. American journal of respiratory and critical care medicine, 166, 111–117. https://doi.org/10.1164/rccm.166/1/111

Bevilaqua, C. A., Pelloso, S. M., & Marcon, S. S. (2016). Estágio de mudança de comportamento em mulheres de um programa multiprofissional de tratamento da obesidade. Revista Latino-Americana de Enfermagem, 24(0). https://doi.org/10.1590/1518-8345.0549.2809

Bianchini, J. A. A., Silva, D. F. Da, Lopera, C. A., Antonini, V. D. S., & Nardo Junior, N. (2016). Intervenção multiprofissional melhora a aptidão física relacionada à saúde de adolescentes com maior efeito sobre as meninas em comparação aos meninos. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, 30(4), 1051–1059. https://doi.org/10.1590/1807-55092016000401051

Bianchini, J. A. A., Silva, D. F. Da, Lopera, C. A., Antonini, V. D. S., & Nardo Junior, N. (2016). Intervenção multiprofissional melhora a aptidão física relacionada à saúde de adolescentes com maior efeito sobre as meninas em comparação aos meninos. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, 30(4), 1051–1059. https://doi.org/10.1590/1807-55092016000401051

Borg, G. A. V. (1982). Psychophysical bases of perceived exertion”, Medicine and Science in Sports and Exercice, 1982. 377–381.

Brasil, M. S. (2019). Vigitel Brasil 2018: Vigilância de fatores de risco e proteção para doenças crônicas por inquerito telefônico. In G. Estatística e Informação em Saúde. http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/vigitel_brasil_2011_fatores_risco_doencas_cronicas.pdf

Brasil, V. (2016). Vigilância De Fatores De Risco E Proteção Para Dcnt. https://www.ans.gov.br/images/Vigitel_Saude_Suplementar.pdf

Caputo, E. L., Da Silva, M. C., & Rombaldi, A. J. (2014). ComparaÇÃO entre diferentes protocolos de medida de forÇa de preensÃo manual. Revista da Educacao Fisica, 25(3), 481–487. https://doi.org/10.4025/reveducfis.v25i3.23709

Cardoso, J., Azevedo, N., Cassano, C., Kawano, M., & Âmbar, G. (2007). Confiabilidade intra e interobservador da análise cinemática angular do quadril durante o teste sentar e alcançar para mensurar o comprimento dos isquiotibiais em estudantes universitários. Revista Brasileira de Fisioterapia, 11(2), 133–138. https://doi.org/10.1590/s1413-35552007000200008

Chase, K. ., C.E., B., FACSM, J. P., & Coste, S. (2014). Fitness Norms for the Plank Exercise. International Journal of Exercise Science: Conference Proceedings, 8(2). https://digitalcommons.wku.edu/ijesab/vol8/iss2/14

Di Cesare, M., Bentham, J., Stevens, G. A., Zhou, B., Danaei, G., Lu, Y., Bixby, H., Cowan, M. J., Riley, L. M., Hajifathalian, K., Fortunato, L., Taddei, C., Bennett, J. E., Ikeda, N., Khang, Y. H., Kyobutungi, C., Laxmaiah, A., Li, Y., Lin, H. H., … Cisneros, J. Z. (2016a). Trends in adult body-mass index in 200 countries from 1975 to 2014: A pooled analysis of 1698 population-based measurement studies with 19.2 million participants. The Lancet, 387(10026), 1377–1396. https://doi.org/10.1016/S0140-6736(16)30054-X

Di Cesare, M., Bentham, J., Stevens, G. A., Zhou, B., Danaei, G., Lu, Y., Bixby, H., Cowan, M. J., Riley, L. M., Hajifathalian, K., Fortunato, L., Taddei, C., Bennett, J. E., Ikeda, N., Khang, Y. H., Kyobutungi, C., Laxmaiah, A., Li, Y., Lin, H. H., … Cisneros, J. Z. (2016b). Trends in adult body-mass index in 200 countries from 1975 to 2014: A pooled analysis of 1698 population-based measurement studies with 19.2 million participants. The Lancet, 387(10026), 1377–1396. https://doi.org/10.1016/S0140-6736(16)30054-X

Dobbs, R., C, S., F, T., J, M., JR, W., P, C., S, M., & A., S. (2014). Overcoming obesity: an initial economic analysis. McKinsey Global Institute.

Egídio, J. P. de O., Foss-Freitas, M. C., Junior, R. M. M., & Vencio, S. (2017). Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes 2017-2018. In Clannad. https://doi.org/10.5935/abc.20170188

Faludi, Izar, Saraiva, APM, C., Bianco HT, & A, A. N. (2017). Atualização da Diretriz Brasileira de Dislipidemias e Prevenção da Aterosclerose – 2017. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, 109(2Supl.1), 76. https://doi.org/10.5935/abc.2013S010

Goodpaster, B., DeLany, J. P., Otto, A. D., Kuller, L., Vockley, J., Jeannette E. South-Paul, S. B. T., Brown, J., McTigu, K., Hames, K. C., Lang, W., & Jakicic, J. M. (2010). Effects of Diet and PA intervention on WT loss and Cardiometabolic risk factor in very obese adults. Jama, 304(16), 1795–1802. https://doi.org/10.1001/jama.2010.1505.Effects

Jensen, M. D., Ryan, D. H., Apovian, C. M., Ard, J. D., Comuzzie, A. G., Donato, K. A., Hu, F. B., Hubbard, V. S., Jakicic, J. M., Kushner, R. F., Loria, C. M., Millen, B. E., Nonas, C. A., Pi-Sunyer, F. X., Stevens, J., Stevens, V. J., Wadden, T. A., Wolfe, B. M., & Yanovski, S. Z. (2014). 2013 AHA/ACC/TOS guideline for the management of overweight and obesity in adults: A report of the American college of cardiology/American heart association task force on practice guidelines and the obesity society. Journal of the American College of Cardiology, 63(25 PART B), 2985–3023. https://doi.org/10.1016/j.jacc.2013.11.004

Jones, C. J., & Rikli, R. (2012). Development and Validation of Criterion-Referenced, Clinically Relevant Fitness Standards for Maintaining Physical Independence in Later Years. Gerontologist, 52, 343–344.

Lau, D. C. W., Douketis, J. D., Morrison, K. M., Hramiak, I. M., Sharma, A. M., & Ur, E. (2007). 2006 Canadian clinical practice guidelines on the management and prevention of obesity in adults and children [summary]. CMAJ : Canadian Medical Association journal = journal de l’Association medicale canadienne, 176(8). https://doi.org/10.1503/cmaj.061409

Lopera, C. A., da Silva, D. F., Bianchini, J. A. A., Locateli, J. C., Moreira, A. C. T., Dada, R. P., Thivel, D., & Nardo, N. (2016). Effect of water- versus land-based exercise training as a component of a multidisciplinary intervention program for overweight and obese adolescents. Physiology and Behavior, 165, 365–373. https://doi.org/10.1016/j.physbeh.2016.08.019

Nardo Junior, N., Bianchini, J. A. A., da Silva, D. F., Ferraro, Z. M., Lopera, C. A., & Antonini, V. D. S. (2018). Building a response criterion for pediatric multidisciplinary obesity intervention success based on combined benefits. European Journal of Pediatrics, 177(6). https://doi.org/10.1007/s00431-018-3115-0

Pataky, Z., Armand, S., Müller-Pinget, S., Golay, A., & Allet, L. (2014). Effects of obesity on functional capacity. Obesity, 22(1), 56–62. https://doi.org/10.1002/oby.20514

Patsopoulos, N. A. (2011). A pragmatic view on pragmatic trials. Dialogues in Clinical Neuroscience, 13(2), 217–224.

Stegenga, H., Haines, A., Jones, K., & Professor, J. W. (2014). Identification, assessment, and management of overweight and obesity: Summary of updated nice guidance. The BMJ, 349. https://doi.org/10.1136/bmj.g6608

Swift, D. L., Johannsen, N. M., Lavie, C. J., Earnest, C. P., & Church, T. S. (2014). The role of exercise and physical activity in weight loss and maintenance. Progress in Cardiovascular Diseases, 56(4), 441–447. https://doi.org/10.1016/j.pcad.2013.09.012

Westphal, G., Baruki, S. B. S., Mori, T. A. de, Montebello, M. I. de L., & Pazzianotto-Forti, E. M. (2020). Effects of Individualized Functional Training on the Physical Fitness of Women with Obesity. Lecturas: Educación Física y Deportes, 25(268), 61–75. https://doi.org/10.46642/efd.v25i268.2084

Withrow, D., & Alter, D. A. (2011). The economic burden of obesity worldwide: A systematic review of the direct costs of obesity. Obesity Reviews, 12(2), 131–141. https://doi.org/10.1111/j.1467-789X.2009.00712.x

World Health Organization, W. (2011). WHO | Waist Circumference and Waist–Hip Ratio. Report of a WHO Expert Consultation. Geneva, 8-11 December 2008. December, 8–11. http://www.who.int

Zaniboni, G. R., Baruki, S. B. S., Cesar, M. de C., Rasera Júnior, I., & Pazzianotto‐Forti, E. M. (2019). Treinamento físico aquático melhora capacidade funcional e aptidão física em mulheres com obesidade graus II e III. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, 41(3), 314–321. https://doi.org/10.1016/j.rbce.2018.06.007

Published

03/01/2021

How to Cite

CASTILHO, M. M. .; WESTPHAL, G.; THON, R. A. .; PEREIRA, I. A. S. .; MARTINS, F. M. .; AMARAL, M. F. do .; OKAWA, R. T. P. .; NARDO JUNIOR, N. . Effects of a multiprofessional program to treat obesity in the aquatic environment in adults with severe obesity. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 1, p. e12910111636, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i1.11636. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/11636. Acesso em: 27 jan. 2021.

Issue

Section

Health Sciences