Homeopathic treatment offered by the Single Health System

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i14.21963

Keywords:

Homeopathy; Complementary Therapy; Unique Health System.

Abstract

The homeopathic treatment granted by the unique health system arrived in Brazil in 1840 and in 1980 it began to be offered in the public system, in the unique health system complementary and traditional medicine is used, where such practices involve homeopathy, acupuncture. The main objective is to present an analysis of homeopathic treatment in SUS, which today is recognized as a medical and pharmaceutical specialty that is a science based on the principles of similitude, pathogenic experimentation, dilution, and the single drug principle. It was conducted by means of a literature search, in an electronic search in the Lilacs, Scielo, and Pubmed databases. Among the inclusion criteria were included full texts, articles published in the last 7 years (2014 to 2021), in Portuguese language, in the electronic databases already informed. As a main result observed through the research conducted, there is still a scarcity of publications of articles and studies that address the homeopathic treatment offered by SUS. Still, the practice of care is of fundamental importance for the qualification of such actions, as well as in integral and significant health care to develop knowledge about the analysis and the possibility of seeking to understand more about the still little explored subject.

References

Aguiar, J., Kanan, L. A., & Masiero, A. V. (2019). Práticas Integrativas e Complementares na atenção básica em saúde: um estudo bibliométrico da produção brasileira. Saúde debate.43(123).

Amorim, A. M. R., et al. (2019). O uso da homeopatia por gestantes, lactantes e lactentes.27(1), (154-158).

Brasil (2006). Portaria 971/2006. Ministério da Saúde. Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares. (2006). http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2006/prt0971_03_05_2006.ht ml.

Cabo, D. J. V. (2014). Homeopatia na Estratégia Saúde da Família: apoio matricial e visão sistêmica cartografando a integralidade do cuidado. Rio de Janeiro.77 f. Dissertação [Mestrado Profissional em Atenção Primária à Saúde com Ênfase na Estratégia Saúde da Família] – Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca.

Chaves, V. L. de V. et al. (2019) Resposta clínica e imunológica ao tratamento homeopático em portador de HIV: relato de caso. Rev. homeopatia (São Paulo), 82(1/2): 21-32.

Dias, J. de S., Melo, A. C. & Silva, E. (2014). Homeopatia: percepção da população sobre significado, acesso, utilização e implantação no SUS. Espaç. saúde (Online), 15(2): 58-67.

Fontes, O. L. (2018). Farmácia Homeopática: Teoria e Prática. (3a ed.), Pubmedfon.

Herrera, M. M. C., & Rodriguez, R. D. L. (2015). Panorámica Mundial del Mercado de los Medicamentos Homeopáticos a partir de las Plantas Medicinales. Revista Cubana Farm.39, n. 1

Júnior. E, T. (2016). Práticas integrativas e complementares em saúde, uma nova eficácia para o SUS. Metrópole E Saúde • Estud. av. 30 (86).

Lima, F., et al (2015). Uso de terapias integrativas e complementares por pacientes em quimioterapia. Av. enferm, 33(3):372-380.

Lima, S., et al (2019). Homeopatia no serviço público de saúde: pré-avaliação das ações no município do Recife (PE). Hist. ciênc. saúde-Manguinhos, 26(4): 1373-1391.

Loch-neckel, G., Carmignan, F., & Crepaldi, M. A. (2016). A homeopatia no SUS na perspectiva de estudantes da área da saúde. Lilacs,

Melo, P. S. de & Ito, R. (2018) Homeopatia: dificuldades e benefícios da implantação no sistema único de saúde e a importância da política nacional das práticas integrativas e complementares (PNPIC). Revista saúde. 11(2).

Menezes, M. J. R. (2018). A Homeopatia na promoção da Saúde. 64 f. Monografia (Especialização) – Pós-graduação em Homeopatia na área de Medicina Veterinária, Instituto Hahnemanniano do Brasil, Rio de Janeiro, Pubmed.

Mendes, D. S., et al (2019). Benefícios das práticas integrativas e complementares no cuidado de enfermagem. Journal Health NPEPS.

Nunes, Laila A. de Souza. & Abrahão, F. A homeopatia como a arte de cuidar em saúde: análise da percepção dos usuários do SUS sobre o trabalho de homeopatia na cidade de Macaé/RJ. (2016). Rev. homeopatia (São Paulo), 79(1/2): 17-35.

Pereira, A. L. S. da, et al. Percepções sobre homeopatia na perspectiva de discentes dos cursos de saúde de um centro universitário de Recife-PE. (2021). Revista Sustinere, 9(1): 323-337.

Ruela, L. de O., et al (2019). Implementação, acesso e uso das práticas integrativas e complementares no Sistema Único de Saúde: revisão da literatura. Ciênc. saúde coletiva 24 (11) 28.

Silva, A. de O. G., et al (2021). Tratamento homeopático e sua implantação no SUS. Revista Ibero- Americana de Humanidades, Ciências e Educação- REASE. 2021.

Silva, J. B.T. et al (2019). Atendimento homeopático no Centro de Saúde da Barra Funda, SP: uma contribuição à atenção primária à saúde. Rev. homeopatia (Säo Paulo), 82(3/4): 26-33.

Souza, G. H. C. et al (2019). Uso da homeopatia no sistema único de saúde. Revista Saúde em Foco - Edição nº 11.

Schwarz, A., Pacheco, F. K., & Ramos, R. F. (2014). Homeopatia no Sistema Único de Saúde. T. 40 p.

Teixeira, M. Z. (2019). Homeopatia: o que os médicos precisam saber sobre esta especialidade médica. Diagn. tratamento, 24(4): 143-152.

Tesser, C. D., Sousa, I. M. C. & Nascimento, M. C. (2018). Práticas Integrativas e Complementares na Atenção Primária à Saúde brasileira. Saúde debate, 42(spe1): 174-188.

Toniol, R. F. (2015). Do espírito na saúde: oferta e uso de terapias alternativas/complementares nos serviços de saúde pública no Brasil. UFRGS - Repositório Digital.

Published

02/11/2021

How to Cite

PAZ, F. A. do N. .; CUNHA, L. K. S. . Homeopathic treatment offered by the Single Health System. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 14, p. e317101421963, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i14.21963. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/21963. Acesso em: 13 jun. 2024.

Issue

Section

Review Article