Experiences and difficulties of primiparous women in breastfeeding

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v11i7.29028

Keywords:

Breast feeding; Pregnancy; Child nutrition.

Abstract

Introduction: breastfeeding is one of the best modality of infant nutrition exclusively up to the sixth month of life of the baby and complemented from this age, however, breastfeeding is a complex process that requires specific care. Objective: to understand the difficulties and experiences of primiparous mothers in relation to the breastfeeding process. Methodology: this is a descriptive study with a qualitative approach conducted with seven women who were breastfeeding for the first time and were accompanied by family health teams from a municipality located in the north of Minas Gerais. Results: the results related to the breastfeeding phenomenon were presented: "Experiences and difficulties to breastfeed" and their categories: "He had a lot of difficulty getting the breast", "For him to grow healthy" and "The doctor guided me on the importance of milk". Throughout the experience, women face periods of uncertainty and doubts, demanding new attitudes and confrontation with the unknown. Conclusion: health professionals, specifically nursing professionals, have sometimes remained the margin of work with these women. It is necessary to guide and support them, particularly in facing periods of difficulties and doubts, with the aim of attenuating and even resonating them.

References

Ancona, F. L. (2004). Nutrição e dietética em clínica pediátrica. Editora Atheneu.

Brasil. Ministério da Saúde. (2009). Saúde da criança: nutrição infantil: aleitamento materno e alimentação complementar. Editora do Ministério da Saúde.

Brasil. Ministério da Saúde. Conselho Nacional de Saúde. Diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisa em seres humanos: resolução n. 466 de 12 de dezembro de 2012.

Carvalho, M. R. (2010). Amamentação: bases científicas. Guanabara Koogan.

Cruz, M. C. C. A et al. (2010). Práticas alimentares no primeiro ano de vida de filhos de adolescentes. Rev. Nutr, 23(2), 201-210.

Duarte, A. M. L. et al. (2008). Aleitamento materno: uma abordagem sobre o papel do enfermeiro no preparo de mães adolescentes: Rev.Inst. Ciênc. Saúde, 26(2), 177-182.

Filamingo, B. O. et al. (2012). A prática do aleitamento materno entre mães adolescentes na cidade de Dois Córregos, estado de São Paulo. Rev. Scientia Medica, 22(2), 81-85.

Fontanella, B. J. B. et al. (2008). Amostragem por saturação em pesquisas qualitativas em saúde: contribuições teóricas. Caderno Saúde Pública, 24(1), 17-27.

Giugliani, E. R. J. (2004). Problemas comuns na lactação e seu manejo. Jornal de Pediatria, 80(5), 147-154.

King, F. S. et al. (2007). Importância da orientação à gestante sobre amamentação. Jornal de Pediatria, 4(8), 120-127. .

Machado, M. O. F. et al. (2012). Aleitamento materno: conhecimento e prática. Rev. esc. enferm, 46(4), 809-815.

Marcondes, E. (2003). Pediatria básica. SARVIER.

Marques, E. S. et al. (2010). A influência da rede social da nutriz no aleitamento materno: o papel estratégico dos familiares e dos profissionais de saúde. Rev. Ciência & Saúde Coletiva, 15(1), 1391-1400.

Minas Gerais. Canal Minas Saúde. (2012). Curso de Extensão Aleitamento Materno em Rede. Unidade 2: Contextualização do Aleitamento Materno no Brasil. Belo Horizonte, Minas Gerais.

Pereira, R. S. V. et al. (2010). Fatores associados ao aleitamento materno exclusivo: o papel do cuidado na atenção básica. Cad. Saúde Pública, 26(12), 2343-2354.

Piccinini, C. A. et al. (2008). Gestação e a constituição da maternidade. Psicologia em estudo, 13(1), 63-72.

Silva, S. M. C. S. (2009). Tratado de alimentação, nutrição e dietoterapia. Roca.

Souza, M. J. N. et al. (2009). A importância da orientação à gestante sobre amamentação: fator para diminuição dos processos dolorosos mamários. ConScientiae Saúde, 8(2), 2452-49.

Takemoto, A. Y. et al. (2011). Preparo e apoio à mãe adolescente para a prática de amamentação. Rev. Cienc Cuid Saúde, 10(3), 444-451.

Takushiet, A. S. M. et al. (2008). Motivação de gestantes para o aleitamento materno. Rev Nutr, 21(5), 491-502.

Terra, D. L. H. & Okasaki, E. L. F. J. (2006). Compreensão de puérperas primíparas sobre os cuidados domiciliares com o recém-nascido. Rev Enferm UNISA, 5(6), 201-214.

Published

15/05/2022

How to Cite

MACIEL , A. P. F. .; EMILIANO, L. N. O. C. .; SILVA, L. P. da .; LOPES, G. K. D. de O. .; MAGALHÃES, P. G. de A. .; SILVA, D. I. de S. .; MEIRA, J. P. .; LOPES, L. V. S. .; AMARAL, L. L.; FERREIRA, A. G. .; MARIA, E. L. A. .; OLIVEIRA, Émile L. P. de .; SILVA, L. S. da .; ALVES, L. L. .; TEIXEIRA, Álvaro A. L. .; ARAÚJO, A. J. de . Experiences and difficulties of primiparous women in breastfeeding. Research, Society and Development, [S. l.], v. 11, n. 7, p. e6911729028, 2022. DOI: 10.33448/rsd-v11i7.29028. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/29028. Acesso em: 7 jul. 2022.

Issue

Section

Health Sciences