Association between perceived social support and sociodemographic characteristics in diabetic and/or hypertensive elderly

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v11i7.30120

Keywords:

Social support; Hypertension; Diabetes; Aging.

Abstract

Objective: to characterize the sociodemographic profile of elderly people with diabetes and/or hypertension and to verify the association between sociodemographic characteristics and perceived social support. Methodology: Cross-sectional study, involving 371 elderly people, aged 60 years and over, diagnosed with Diabetes Mellitus and/or Arterial Hypertension and monitored in basic health units in Campina Grande-PB. The analyzed variables were selected from the sociodemographic questionnaire and Social Support Inventory. Multiple linear regression analysis was performed to verify how sociodemographic variables impacted levels of perceived social support. Results: There are significant associations between perceived social support and marital status (c2(3) = 10.954, p <0.012, V = 0.173); religion (c2(3) = 10.764, p < 0.013, V = 0.172) and income (c2(3) = 9.216, p < 0.027, V = 0.159). Evidencing that married elderly were 0.19 times more likely to perceive high social support compared to single elderly. Conclusion: Social support is essential to deal with personal and interpersonal issues during aging, which points to the need to offer actions, in the context of primary health care, focused on health promotion, in order to provide a perspective on social support networks for the elderly, particularly in the context studied, which contribute to the realization of health care based on the notion of expanded health.

References

Brito, T. R. P., Penido, G. S. G., Silva, J. G., Fava, S. M. C., & Nascimento, M. C. (2021). Fatores associados ao apoio social percebido pelo idoso com câncer. Geriatrics, Gerontology and Aging, 15, e0210004.

Camarano, A. A. (2020). Os dependentes da renda dos idosos e o coronavírus: órfãos ou novos pobres? Ciência & Saúde Coletiva, 25, 4169-4176.

Cardoso, E., Dietrich, T. P., & Souza, A. P. (2021). Envelhecimento da população e desigualdade. Brazilian Journal of Political Economy, 41, 23-43.

Costa, G. D., Deus, R. M. L., & Alves, W. S. (2020). Estudo epidemiológico da prevalência simultânea de hipertensão e diabetes de pacientes cadastrados no Hiperdia em uma cidade do estado do Piauí. Research, Society and Development, 9, e192922163.

Elias, H. C., Marzola, T. S., Molina, N. P. F. M., Assunção, L. M. D., Rodrigues, L. R., & Tavares, D. M. D. S. (2018). Relação entre funcionalidade familiar e arranjo domiciliar de idosos. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, 21, 562-569.

Esperandio, M. R. G., Escudero, F. T., Fanini, L., & Macedo, E. P. N. (2019). Envelhecimento e espiritualidade: o papel do coping espiritual/religioso em pessoas idosas hospitalizadas. Interação em Psicologia, 23(2), 268-280.

Flaherth, J. A., Gaviria, F. M., & Pathak, D. S. (1983). The measurement of social support: the social Support Network Inventory. Comprehensive Psychiatry, 24(6), 12-519.

Francisco, P. M. S. B., Segri, N. J., Borim, F. S. A., & Malta, D. C. (2018). Prevalência simultânea de hipertensão e diabetes em idosos brasileiros: desigualdades individuais e contextuais. Ciência & Saúde Coletiva, 23(11), 3829-3840.

Freire, R. D. M. H., & Carneiro, N. (2017). Produção científica sobre habitação para idosos autônomos: revisão integrativa da literatura. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, 20, 713-721.

Glidden, R. F., Borges, C. D., Pianezer, A. A., & Martins, J. (2019). A participação de idosos em grupos de terceira idade e sua relação com satisfação com suporte social e otimismo. Boletim Academia Paulista de Psicologia, 39(97), 261-275.

Guedea, M. T. D., Damacena, F. A., Carbajal, M. M. M., Marcobich, P. O., Hernández, G. A., & Flores, E. I. (2009). Necessidade de apoio social em cuidadores de familiares de idosos mexicanos. Psicologia & Sociedade, 21(2), 242-249.

Guedes, M. B. O. G., Lima, K. C., Caldas, C. P., & Veras, R. P. (2017). Apoio social e o cuidado integral à saúde do idoso. Revista de Saúde Coletiva, 27(4), 1185-1204.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística [IBGE]. (2019). Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNADC). Microdados da amostra. Rio de Janeiro: IBGE.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística [IBGE]. (2021). Campina Grande. https://ibge.gov.br/cidades-e-estados/pb/campina-grande.html

Konzen, A. L. (2020). Perfil epidemiológico de idosos hipertensos e diabéticos assistidos em uma Estratégia de Saúde da Família de Santa Cruz do Sul. (Trabalho de conclusão de curso). Universidade de Santa Cruz do Sul, Santa Cruz do Sul.

Lima, E. D. R. P., Norman, E. M., & Lima, A. P. (2005). Translation and adaptation of the Social Support Network Inventory in Brazil. Journal of Nursing Scholarsh, 37(3), 258-260.

Lima-Costa, M. F. (2018). Envelhecimento e saúde coletiva: estudo longitudinal da saúde dos idosos brasileiros (ELSI-Brasil). Revista de Saúde Pública, 52, 2s.

Malta, D. C., Duncan, B. B., Schmidt, M. I., Machado, Í. E., Silva, A. G. D., Bernal, R. T. I., & Szwarcwald, C. L. (2019). Prevalência de diabetes mellitus determinada pela hemoglobina glicada na população adulta brasileira, Pesquisa Nacional de Saúde. Revista Brasileira de Epidemiologia, 22, E190006-SUPL.

Matos, F. S., Jesus, C. S. D., Carneiro, J. A. O., Coqueiro, R. D. S., Fernandes, M. H., & Brito, T. A. (2018). Redução da capacidade funcional de idosos residentes em comunidade: estudo longitudinal. Ciência & Saúde Coletiva, 23, 3393-3401.

Moretto, M. C., Fontaine, A. M., Garcia, C. D. A. M. S., Neri, A. L., & Guariento, M. E. (2016). Associação entre cor/raça, obesidade e diabetes em idosos da comunidade: dados do Estudo FIBRA. Cadernos de Saúde Pública, 32, e00081315.

Neri, A. L. (2001). Palavras-chave em gerontologia: Alínea.

Neri, A. L., & Vieira, L. A. M. (2013). Envolvimento social e suporte social percebido na velhice. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, 16(3), 419-432.

Nolen-Hoeksema, S., Fredrickson, B. L., Loftus, G. R., & Lutz, C. A. (2015). Hilgard’s introduction to psychology. New Delhi: Cengage Learning.

Nunes, B. P., Batista, S. R. R., Andrade, F. B. D., Souza Junior, P. R. B. D., Lima-Costa, M. F., & Facchini, L. A. (2018). Multimorbidade em indivíduos com 50 anos ou mais de idade: ELSI-Brasil. Revista de Saúde Pública, 52, 10s.

Paiva, A. F. (2019). Suporte social percebido e funcionamento cognitivo em idosos portugueses. (Dissertação de Mestrado). Universidade de Lisboa. Lisboa.

Rabelo, D. F., & Neri, A. L. (2013). Intervenções psicossociais com grupo de idosos. Revista Kairós-Gerontologia, 16(6): 43-63.

Rodríguez M, & Mandivelso, F. (2018). Diseño de investigación de corte transversal. Revista Médica Sanitas, 21(3), 141-146. 2018.

Sant’Ana, L. A. J., & Elboux, M. J. (2019). Suporte social e expectativa de cuidado de idosos: associação com variáveis socioeconômicas, saúde e funcionalidade. Saúde em Debate, 43(121), 503-519.

Santos, K. L. (2018). Qualidade de vida de idosos hipertensos e/ou diabéticos acompanhados na atenção primária em saúde. (Dissertação de Mestrado). Universidade Estadual da Paraíba, Campina Grande. Recuperado de http://tede.bc.uepb.edu.br/jspui/handle/tede/3179

Santos, N. M. (2016). Permanência de idosos no trabalho: fatores estruturais e psicossociais (Dissertação de Mestrado). Universidade de Brasília, Brasília.

Silva Júnior, E. G. D., Eulálio, M. D. C., Souto, R. Q., Santos, K. D. L., Melo, R. L. P. D., & Lacerda, A. R. (2019). A capacidade de resiliência e suporte social em idosos urbanos. Ciência & Saúde Coletiva, 24, 7-16.

Souza, A., Pelegrini, T. S., Ribeiro, J. H. M., Pereira, D. S., & Mendes, M. A. (2015). Conceito de insuficiência familiar na pessoa idosa: análise crítica da literatura. Revista Brasileira de Enfermagem, 68(6), 1176-1185.

Strain, W. D., & Paldánius, P. M. (2018). Diabetes,cardiovascular disease and the microcirculation. Cardiovascular Diabetology, 17(1), 57.

Published

30/05/2022

How to Cite

FELIPE, I. A. S. .; EULÁLIO, M. do C. .; MEDEIROS, A. C. T. de .; COÊLHO, A. A. . Association between perceived social support and sociodemographic characteristics in diabetic and/or hypertensive elderly. Research, Society and Development, [S. l.], v. 11, n. 7, p. e44011730120, 2022. DOI: 10.33448/rsd-v11i7.30120. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/30120. Acesso em: 7 jul. 2022.

Issue

Section

Health Sciences