The application of the Environmental Management System in the Business Wing of Civil Construction and the benefits of applying a Sustainable Development model

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v11i10.32529

Keywords:

Civil construction; Environmental Management System (EMS); Environmental Certification; ISO 14000.

Abstract

The objective of the present work is to analyze, in the light of a systematic review, the benefits of the operation of the Environmental Management System (EMS) in the field of civil construction in studies published in SPELL between 2014 and 2022. The results obtained indicate the benefits of adhering to a SGA, since there is a reduction in production costs, these resulting from the reuse of material in addition to saving time, without affecting the profits of the construction companies as well as the maintenance of the quality of the service. That said, it is demonstrated that this management method must be increasingly implemented and encouraged within the field of civil construction, aiming at improvements in performance, both operational and environmental.

Author Biographies

Pedro Henrique de Sousa Alcântara, Faculdade Luciano Feijão

Graduado em Engenharia Civil pela Faculdade Luciano Feijão

Jefferson Sousa Rocha, Faculdade Luciano Feijão

Doutorando em Recursos Hídricos (UFC)

Rogeane Morais Ribeiro, Faculdade Luciano Feijão

Doutora em Administração pela Universidade do Vale do Itajaí - UNIVALI

Ortência Gabriela Gomes Carvalho, Faculdade Luciano Feijão

Graduada em Engenharia Civil pela Faculdade Luciano Feijão

Francisco Robério Ponte Ribeiro, Faculdade Luciano Feijão

Graduado em Engenharia Civil pela Faculdade Luciano Feijão

Rosane Costa Lima, Faculdade Luciano Feijão

Graduada em Engenharia Civil pela Faculdade Luciano Feijão

Iana Nellisa Monteiro de Vasconcelos, Faculdade Luciano Feijão

Graduada em Engenharia Civil pela Faculdade Luciano Feijão

Wellington Damasceno Aragão, Faculdade Luciano Feijão

Graduado em Engenharia Civil pela Faculdade Luciano Feijão

Gustavo Araújo Vasconcelos, Faculdade Luciano Feijão

Graduado em engenharia civil pela faculdade Luciano Feijão

Yagor Félix Domingos de Oliveira, Faculdade Luciano Feijão

Graduado em Engenharia Civil pela Faculdade Luciano Feijão

References

Aguiar, A. O., & Cortes, P. L. (2014). Conflitos de transparência e confidencialidade na certificação de Sistemas de Gestão Ambiental. REAd. Revista Eletrônica de Administração, 20(1), 31-63.

Aguiar, H. S., Mello, A. M., & Nascimento, P. T. S. (2015). Certificação de Sistema de Gestão Ambiental: Alternativas Possíveis. Revista Gestão Organizacional, 8(1), 51-68.

Ângulo, S. C., Zordan, S. E., & John, V. M. (2001). Desenvolvimento sustentável e a reciclagem de resíduos na construção civil. Anais: materiais reciclados e suas aplicações: comitê técnico 206 meio ambiente. São Paulo: IBRACON.

Associação Brasileira de Normas Técnicas (2015). NBR ISO 14001: Sistemas da gestão ambiental: requisitos com orientações para uso. ABNT: Rio de Janeiro.

Ataíde, F. O., Silva, L. F. R., & Rosa, B. B. B. (2020). A importância da Gestão Ambiental para a engenharia civil. Educação Ambiental (Brasil), 1 (3), 65 -076.

Bernardelli Junior, J. M. et al. (2014). Sistemas de Gestão Ambiental na Operação dos Empreendimentos Hoteleiros. Rosa dos Ventos - Turismo e Hospitalidade, 6(4), 564-582.

Campana, A. C. M. B. et al. (2022). A importância do sistema de gestão ambiental para obtenção de selos sustentáveis na construção civil: uma revisão narrativa. Revista Gestão & Sustentabilidade Ambiental, 11 (1), 3-17.

Conselho Nacional do Meio Ambiente. (1997). Resolução CONAMA nº 237, 19 de novembro de 1997. Conselho Nacional do Meio Ambiente – CONAMA, Brasil. Recuperado de: https://www.icmbio.gov.br/cecav/images/download/CONAMA%20237_191297.pdf.

Conselho Nacional do Meio Ambiente. (2002). Resolução CONAMA nº 307, 5 de julho de 2002 - Estabelece diretrizes, critérios e procedimentos para a gestão dos resíduos da construção civil. Conselho Nacional do Meio Ambiente – CONAMA, Brasil. Recuperado de: https://cetesb.sp.gov.br/licenciamento/documentos/2002_Res_CONAMA_307.pdf.

Günther, W. R., & Giulio, G. M. (2018). Ambiente urbano e sustentabilidade: desafios e oportunidades. Recuperado de: http://colecoes.sibi.usp.br/fsp/files/original/35de9b723bd4a3d4a28d0872990fbba3.pdf.

Leite, A. F. R., Lamas, S. A., & Nóbrega, W. R. M. (2019). Sistemas de Gestão Ambiental e Competitividade: Uma Análise de Múltiplos Casos em Meios de Hospedagem de Natal – RN. Turismo: Visão e Ação, 21(1), 65-80.

Lôbo, J. M. C. et al. (2020). Estudo sobre Avaliação e proposta de mitigação de Impactos Ambientais em um empreendimento no Município de Jardim, Ceará. Research, Society and Development, 9 (8), 1 - 32.

Longato, D. F. F. et al. (2019). Sistema de Gestão Ambiental em Hotéis: Estudo de Caso. Rosa dos Ventos - Turismo e Hospitalidade, 11(3), 544-561.

Moraes, C. S. B., Pugliesi, E., & Queiroz, O. T. M. M. (2014). Gestão e certificação ambiental nas organizações e as normas da série 14000. In: Moraes, C. S. B., & Pugliesi, E. Auditoria e Certificação Ambiental. Editora IBPEX. Curitiba.

Naime, R. H., Andara, S., & Santos, K. L. (2010). Benefícios da Implantação do Sistema de Gestão Ambiental na Indústria. Revista Cesumar–Ciências Humanas e Sociais Aplicadas, 7 (2), 113 - 122.

Passos, F. V. A., & Costa, R. B. (2018). Percepção dos Gestores de Meios de Hospedagem sobre Sistema de Gestão Ambiental e sua Aplicabilidade. Marketing & Tourism Review, 3(2), 1-23.

Peixe, B. C. S. et al. (2019). Fatores Relacionados com a Maturidade do Sistema de Gestão Ambiental de Empresas Industriais Brasileiras. Revista de Administração de Empresas, 59(1), 29-42.

Salgado, C. C. R., & Colombo, C. R. (2015). Sistema de gestão ambiental no Verdegreen Hotel– João Pessoa/PB: um estudo de caso sob a perspectiva da resource-based view. Revista de Administração Mackenzie, 16(5), 195-225.

Salgado, C. C. R., Colombo, C. R., & Aires, R. F. F. (2018). Sistema de Gestão Ambiental (SGA) no Setor Hoteleiro: Um Estudo de Caso. Desenvolvimento em Questão, 16(44), 598-629.

Santos, G. S. D., Sehnem, S., & Freitas, M. S. (2015). Avaliação do nível de sustentabilidade de um curtume gaúcho à luz do sistema de gestão ambiental (SGA). Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, 4(2), 102-117.

Schonwald, G., Dal Magro, M., & de Tolêdo, J. H. D. (2021). Logística Reversa Aplicada na Construção Civil. Revista Brasileira de Meio Ambiente & Sustentabilidade, 1(5), 297-353.

Silva, P. P., & Araújo, P. S. R. de. (2020). Ações urbanas sustentáveis no Município de Salvador, Bahia, Brasil (2013-2016). Research, Society and Development, 9(8), 1 - 17.

Silva, J. C. B., & Quelhas, O. L. G., Amorim, M. F. (2017). Análise comparativa de modelos e práticas de gestão ambiental em pequenas e médias empresas do setor da construção civil a partir de estudos teóricos. Interações, Campo Grande, 18 (1), 151-164.

Silva, V. F., & Vendruscolo, M. A. (2016). Utilizando o SGA como instrumento para planejamento ambiental em obras da construção civil. Jornada de iniciação científica e tecnológica, 1 (6), 1-4.

Silva, E., & Mello, L. (2021). Proposta de um sistema de gestão integrando os princípios da construção enxuta (Lean Construction) aos aspectos da gestão da qualidade, segurança, meio ambiente e saúde ocupacional, com o foco nas empresas de pequeno porte da construção civil. Brazilian Journal of Development, 7(8), 79384-79414.

Souza, M. T., Silva, M. D., & Carvalho, R. (2010). Revisão integrativa: o que é e como fazer. Einstein, São Paulo, 8, 102-106.

Vechi, N. R. G., Gallardo, A. L. C. F., & Teixeira, C. E. (2016). Aspectos ambientais do setor da construção civil: uma contribuição para a adoção de sistema de gestão ambiental pelas pequenas e médias empresas de prestação de serviços. Sistemas & Gestão, 11 (1), 17-30.

Published

26/07/2022

How to Cite

ALCÂNTARA, P. H. de S.; ROCHA, J. S.; RIBEIRO, R. M.; CARVALHO, O. G. G.; RIBEIRO, F. R. P.; LIMA, R. C.; VASCONCELOS, I. N. M. de; ARAGÃO, W. D.; VASCONCELOS, G. A.; OLIVEIRA, Y. F. D. de. The application of the Environmental Management System in the Business Wing of Civil Construction and the benefits of applying a Sustainable Development model . Research, Society and Development, [S. l.], v. 11, n. 10, p. e153111032529, 2022. DOI: 10.33448/rsd-v11i10.32529. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/32529. Acesso em: 30 nov. 2022.

Issue

Section

Engineerings