Reasons for non-attendance for cervical cancer prevention examination

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v11i14.35424

Keywords:

Women's health; Papanicolaou Test; Primary Health Care.

Abstract

Objective: to know the reasons for non-attendance to prevent cervical cancer by women. Methods: descriptive study in the action research modality conducted in a municipality located in the North of the state of Minas Gerais, women registered in a Basic Health Unit who missed more than twice in the gynecological consultation were approached. Home visits were made in the area covered by the Basic Health Unit, an interview was used with a semi-structured script, and the collection of patients recorded in a specific device, the data were analyzed through content analysis. Results: seven women aged between 24 and 52 years participated in the study, the reasons for non-attendance related to structural, personal and cultural barriers. Conclusion: feelings of fear and shame, lack of information about the examination, availability of hours and lack of interest, aversion to the examination and laziness were presented as barriers by women to carry out the prevention of cervical cancer.

Author Biographies

Fabricia Emanuelle Marques Rodrigues, Faculdades Unidas do Norte de Minas Gerais

Graduando em medicina. 

Ladyany Soares Silva, Universidade Federal de Minas Gerais

Graduação em Enfermagem pela Faculdade Pitágoras BH.

Adriana Ramos da Rocha , Faculdade de Saúde Ibituruna

Graduação em enfermagem. 

Nathália de Moura Figueiredo , Universidade Federal de Minas Gerais

Graduando em enfermagem. 

Rhamara Seibert Barreto, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina

Graduanda em enfermagem. 

Victor Guilherme Pereira , Faculdade de Saúde e Humanidades Ibituruna

Graduação em enfermagem.

Bianca Oliveira Leite, Faculdade de Saúde Ibituruna

Graduação em enfermagem. Residente em Enfermagem Obstétrica pela Universidade Estadual de Montes Claros- UNIMONTES. 

Davila Dayane Martins Souza , Faculdade de Saúde Ibituruna

Graduação em Enfermagem pela Faculdade de Saúde Ibituruna.

Anderson Dias Fernandes , Faculdade de Saúde Ibituruna

Graduando em enfermagem. 

Suede de Oliveira Neto Silva, Faculdade de Saúde e Humanidades Ibituruna

Graduação em enfermagem. 

Dyego Palmeron Lima Tenório, Faculdades de Saúde e Desenvolvimento Santo Agostinho

Graduação em enfermagem.

Lucinei Santos Alves, Faculdades Unidas do Norte de Minas Gerais

Graduação em enfermagem. 

References

Brasil. (2013). Controle dos cânceres do colo do útero e da mama. Ministério da Saúde.

Brasil. (2016). Diretrizes Brasileiras para o Rastreamento do Câncer de Colo de útero. Ministério da Saúde.

Bardin L. (2016). Análise de conteúdo. Edições 70.

Barros, S. S., Resende, A. K. F., Silva, D. de O., Silva, M. da, Sousa, M. R. N., Oliveira, A. P. M., Araújo, S. S. F. de., Freitas, A. P., Souza, A. S., Fontoura, G. M. G., Andrade, E. S., Souza, D. S., Melo, F. M. M., Rocha, G. M. M. & Leal, E. S. (2021). Fatores de risco que levam o câncer do colo do útero: Uma revisão integrativa. Research, Society and Development, 10(4): e9610413873.

Gomes, L.C.; Pinto, M.C.; Reis, B.J.; Silva, D.S. Epidemiologia do câncer cervical no Brasil: uma revisão integrativa. J. Nurs. health. 2022;12(2):e2212221749.

Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes Da Silva. Estimativa 2020: incidência do Câncer no Brasil. Rio de Janeiro: INCA, 2019a. Disponível em: https://www.inca.gov.br/estimativa/taxas-ajustadas/neoplasia-maligna-da-mama-feminina-e-colo-do-utero

Lopes, V.A.S.; Ribeiro, J.M. (2019). Fatores limitadores e facilitadores para o controle do câncer de colo de útero: uma revisão de literatura. Ciênc. saúde coletiva, 24 (9): 3431-3442.

MACIEL, N.S et al (2021). Busca ativa para aumento da adesão ao exame papanicolaou. Rev enferm UFPE on line, 15(1): p.e245678.

Maciel, L.M.A.; Aoyama, E.A.; Souza, R.A.G. (2020). A importância do exame papanicolau realizado pelo enfermeiro para o diagnóstico do câncer no colo utererino. Revista Brasileira Interdisciplinar de Saúde. ReBIS, 2(2): 88-92.

Nascimento, T. M. da S.; Santos, N. S. B. dos; Britto, M. H. R. M. (2020). Avaliação dos exames de Papanicolau realizados em uma unidade básica de saúde no interior do Piauí. Research, Society and Development, 9(2): e186922105.

Peixoto, H.A et al. (2020). Adesão de mulheres ao exame papanicolau: uma revisão integrativa. Braz. J. Hea. Rev, 3(6): 19314-19326.

Oliveira M.M, et al (2018). Cobertura de exame papanicolau em mulheres de 25 a 64 anos, segundo a Pesquisa Nacional de Saúde e o Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico, 2013. Rev Bras Epidemiol; 21(1): e180014.

Oliveira, E. H.; Barros, E. dos S.; Pinheiro, E. R.; Verde, R. M. C. L.; Soares, L. F.; Paz, F. A. do N.; Cabral, L. de O (2020). Papiloma vírus humano: conhecimento dos acadêmicos de farmácia de uma faculdade em Teresina. Research, Society and Development, 9(2): e25921995.

Ribeiro-Filho M.A. et al. (2021). Estratégias utilizadas para a prevenção do câncer de colo uterino na atenção primária em saúde: revisão da literatura. Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, 5(1): e1643.

Rocha, W. D. R.; Nogueira, A. M. da S.; Araújo , A. L. A. de .; Silva, K. G. da .; Sousa, K. S. da. (2021). Assistência de enfermagem na saúde da mulher frente ao câncer do colo do útero: revisão integrativa. Research, Society and Development, 10(15): e72101522606.

Silva, M.D.T.; Marques, R.B.; Costa, L.O. (2021). Câncer de colo de útero: barreiras preventivas no século 21. Brazilian Journal of Health Review, 4(2): 7610-7626.

Silva, G.F. et al. (2022). Fatores impeditivos da realização do exame Papanicolau em idosas: uma revisão integrativa. REAS, 15(2): 1-9.

Silva, R. M. G. da; Knupp, V. M. de A. O.; Dantas, C. de C.; Regazzi, I. C. R.; Goulart, M. de C. e L.; Garcia, L. R.; Lopes, E. B.; Silveira, S. S. D. da .; Silva, M. T. da. (2022). Detecção precoce do câncer do colo do útero no Brasil: um estudo dos indicadores de cobertura e adesão às diretrizes técnicas nacionais. Research, Society and Development, v. 11, n. 3, p. e48511326714.

Santos, J.N.; Gomes, R.S. (2022). Sentidos e Percepções das Mulheres acerca das Práticas Preventivas do Câncer do Colo do Útero: Revisão Integrativa da Literatura. Rev. Bras. Cancerol, 68(2): e031632.

Toledo, R.F.; Giatti, L.L.; Jacobi, P.R. (2014). A pesquisa-ação em estudos interdisciplinares: análise de critérios que só a prática pode revelar. Interface, 18(51): 633-646.

Published

24/10/2022

How to Cite

RODRIGUES, F. E. M. .; SILVA, L. S. .; ROCHA , A. R. da; FIGUEIREDO , N. de M.; BARRETO, R. S. .; PEREIRA , V. G.; LEITE, B. O. .; SOUZA , D. D. M. .; FERNANDES , A. D. .; NETO SILVA, S. de O.; TENÓRIO, D. P. L. .; ALVES, L. S. . Reasons for non-attendance for cervical cancer prevention examination. Research, Society and Development, [S. l.], v. 11, n. 14, p. e192111435424, 2022. DOI: 10.33448/rsd-v11i14.35424. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/35424. Acesso em: 8 dec. 2022.

Issue

Section

Health Sciences