Vision of the preceptors on preparedness and hosting of the graduation student in primary health care

Authors

  • Renata Ulrich Finkler Instituto Municipal de Estratégia de Saúde da Família de Porto Alegre
  • Anderson de Santana da Silva Universidade Federal de Ciências da Saúde
  • Andrea Wander Bonamigo Universidade Federal de Ciências da Saúde

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v8i2.557

Keywords:

preceptory; host; Primary Health Care

Abstract

This study aimed to verify the vision of preceptors about the preceptory and the reception of undergraduate students in Primary Health Care (PHC). A descriptive-exploratory qualitative study was carried out with preceptors from the PHC health services of the North District / Baltazar Hub of Porto Alegre / RS. It was approved by the Ethics Committee of the Federal University of Health Sciences of Porto Alegre and the Municipal Health Department of Porto Alegre. The sample consisted of 31 preceptors. The preceptors were from nursing, pharmacy, speech therapy and nutrition courses. The information was collected individually through a semi-structured questionnaire, with closed and open questions. The data of the study were evaluated according to the content analysis of the thematic type. The study showed that 93% of respondents are satisfied to perform the preceptory. They reported difficulties and facilities regarding the reception of students. Difficulties can negatively impact the academic performance of trainees in PHC. It is important that the preceptor has subsidies for a qualified teaching, such as training, permanent meetings with teachers, among others. In this way the student will have a good use of the stage that to realize.

Author Biography

Renata Ulrich Finkler, Instituto Municipal de Estratégia de Saúde da Família de Porto Alegre

MESTRE EM EDUCAÇÃO EM SAÚDE PELA UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE

ENFERMEIRA DE ESF/IMESF

References

ALBUQUERQUE, V S. et al. A integração ensino-serviço no contexto dos processos de mudança na formação superior dos profissionais da saúde. Revista Brasileira de Educação Médica. Rio de Janeiro, v. 32, n. 3, p. 356-362, 2008.

BALDOINO, A S.; VERAS, R M. Análise das atividades de integração ensino-serviço desenvolvidas nos cursos de saúde da Universidade Federal da Bahia. Revista da Escola de Enfermagem da USP. São Paulo, v. 50, p. 17-24, 2016.

BARBOSA, M F. S. O.; REZENDE, Flavia. A prática dos tutores em um programa de formação pedagógica à distância: avanços e desafios. Revista Interface. Rio de Janeiro, v. 10, n. 20, p. 473-486, 2006.

BARRETO, V H. L. et al. Papel do preceptor da Atenção Primária em Saúde na formação da graduação e pós-graduação da Universidade Federal de Pernambuco - um termo de referência. Revista Brasileira de Educação Médica. Rio de Janeiro, v. 35, n. 4, p. 578-583, 2011.

BENTES, Alessandra et al. Preceptor de Residência Médica: Funções, Competências e Desafios. A Contribuição de Quem Valoriza porque Percebe a Importância: Nós Mesmos! In: Cadernos da ABEM: O preceptor por ele mesmo. Editora ABEM. Rio de Janeiro, 2013.

BOTTI, S H. O.; REGO, S T. A. Preceptor, Supervisor, Tutor e Mentor: Quais são seus papéis? Revista Brasileira de Educação Médica. Rio de Janeiro, v. 32, n. 3, p. 363-373, 2008.

BREHMER, L C. F.; RAMOS, F R. S. Integração ensino-serviço: implicações e papéis em vivências de Cursos de Graduação em Enfermagem. Escola de Enfermagem da USP. São Paulo, v. 48, p. 119-126, 2014.

FONSECA, G S. et al. Educação pelo trabalho: reorientação a formação do profissional de saúde. Interface. Botucatu,. v. 18, n. 49, p. 571-583, 2014.

GARCIA, M A. A. Saber, agir e educar: o ensino-aprendizagem em serviços de saúde. Revista Interface - Comunicação, Saúde, Educação. Internet, v. 5, n. 8, p. 89-100, 2001.

GONÇALVES, C N. S. et al. Integração ensino–serviço na voz de profissionais de saúde. Revista de Enfermagem UFPE online. Recife, v. 8, n. 6, p. 1678-1686, 2014.

LOPES, A M.; CASTRO, A E. D.; SILVA, R M. C. Vivências de Acadêmicos de Enfermagem durante Estágio Supervisionado na Atenção Básica. Revista Gestão Universitária. 2013. Disponível em: http://www.gestaouniversitaria.com.br/artigos/vivencias-de-academicos-de-enfermagem-durante-estagio-supervisionado-na-atencao-basica. Acesso em: 30 jul. 2017.

MINAYO, M C. S.; GOMES, S F. D. R. Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 32ª ed. Petrópolis: Editora Vozes, 2012.

PIZZINATO, Adolfo et al. A integração ensino-serviço como estratégia na formação profissional para o SUS. Revista Brasileira de Educação Médica. Porto Alegre, v. 36, n. 1, p. 170-177, 2012.

RIBEIRO, K R. B.; PRADO, M L. A prática educativa dos preceptores nas residências em saúde: um estudo de reflexão. Revista Gaúcha de Enfermagem. Porto Alegre, v. 34, n. 4, p. 161-165, 2013.

ROCHA, H C.; RIBEIRO, V B. Curso de Formação Pedagógica para Preceptores do Internato Médico. Revista Brasileira de Educação Médica. Rio de Janeiro, v. 36, n. 3, p. 343-350, 2012.

RODRIGUES, A M. M. A preceptoria em campos de prática na formação do enfermeiro em universidades de fortaleza-ceará. Dissertação (Mestrado em Cuidados Clínicos em Enfermagem e Saúde) - Fortaleza, Universidade Estadual do Ceará, 2012.

RODRIGUES, A M. M. et al. Preceptoria na perspectiva da integralidade: conversando com enfermeiros. Revista Gaúcha de Enfermagem. Fortaleza, v. 35, n.2, p. 106-112, 2014.

RUDNICKI, Tânia; CARLOTTO, M S. Formação de estudante da área da saúde: reflexões sobre a prática de estágio. Revista da SBPH. Rio de Janeiro, v. 10, n.1, 2007.

SILVA, A L. F. et al. Saúde e educação pelo trabalho: reflexões acerca do PET-Saúde como proposta de formação para o Sistema Único de Saúde. Revista Interface. Sobral, v. 19, p. 1975-84, 2015.

SILVA, V C.; VIANA, L O.; SANTOS, C R. G. C. A preceptoria na graduação em enfermagem: uma revisão integrativa da literatura. Revista de pesquisa cuidado é fundamental Online. Rio de Janeiro, v. 5, n. 5, p. 20-28, 2013.

TRAJMAN, Anete et al. A preceptoria na rede básica da Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro: opinião dos profissionais de saúde. Revista Brasileira de Educação Médica, Rio de Janeiro, v. 33, p. 24-32, 2009.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE. Distrito Docente Assistencial. Porto Alegre, 2016. Disponível em: http://www.ufcspa.edu.br/index.php/locais-de-pratica/distrito-docente-assistencial-dda. Acesso em: 2 mar. 2016.

VASCONCELOS, A C. F.; STEDEFELDT, Elke; FRUTUOSO, M F. P. Uma experiência de integração ensino-serviço e a mudança de práticas profissionais:com a palavra, os profissionais de saúde. Revista Interface, São Paulo, v. 20, n. 56, p. 147-158, 2016.

VIANA, A M. et al. Como Promover o Reconhecimento da Função de Preceptor da Residência Médica? Como Promover uma Boa Formação para os Nossos Residentes? Estratégias de Enfrentamento – Sínteses dos Grupos Aprendendo a Ensinar e Mosaico. In: Cadernos da ABEM: O preceptor por ele mesmo. Rio de Janeiro: Editora ABEM, 2013.

Published

01/01/2019

How to Cite

FINKLER, R. U.; SILVA, A. de S. da; BONAMIGO, A. W. Vision of the preceptors on preparedness and hosting of the graduation student in primary health care. Research, Society and Development, [S. l.], v. 8, n. 2, p. e1182557, 2019. DOI: 10.33448/rsd-v8i2.557. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/557. Acesso em: 20 may. 2022.

Issue

Section

Education Sciences