Scientific production of Latin American nursing on strategies for early pregnancy prevention

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i1.12046

Keywords:

Pregnancy; Adolescent health; Nursing care; Health services.

Abstract

The objective was to investigate the profile and methodological approach of articles published by the scientific nursing community related to teenage pregnancy in order to identify strategies for the prevention of early pregnancy. To this end, an integrative literature review was carried out through consultation at the Virtual Health Library (VHL), through the descriptors "teenage pregnancy" and "nursing care", selecting papers published in the last five years. It was found that 70% of the studies were descriptive in nature, being 60% of qualitative approach. Regarding the demographic profile, the predominant variables were age in 100% of the articles, schooling and marital status in 70% and family income in 50%. The prevention strategies proposed to reduce cases of early pregnancy highlighted sexual counseling and health education for adolescents and professionals, as well as the strengthening of bonds between young people and the team. It was concluded that there was a wide coverage of aspects addressed about teenage pregnancy and that the researches sought not only to analyze the view of nurses, but also pregnant women, and aimed to elucidate resolutive care actions.

References

Almeida, A. H. do V. de., Gama, S. G. N. da., Costa, M. C. O., Carmo, C. N. do., Pacheco, V. E., Martinelli, K. G., & Leal, M. do C. (2020). Prematuridade e gravidez na adolescência no Brasil, 2011-2012. Cadernos de Saúde Pública, 36(12), e00145919. Epub December 18, 2020.https://doi.org/10.1590/0102-311x00145919

Almeida, C. R., Morais, A. C., Lima, K. D. F., & Silva, A. C. O. C. (2018). Cotidiano de mães acompanhantes na unidade de terapia intensiva neonatal. Revista de enfermagem UFPE online, 12(7), 1949–1956. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i7a22640p1949-1956-2018

Amorim, L. K. A., Souza, N. V. D. O., Pires, A. S., Ferreira, E. S., Souza, M. B., & Vonk, A. C. R. P. (2017). O trabalho do enfermeiro: Reconhecimento e valorização profissional na visão do usuário. Revista de enfermagem UFPE online, 11(5), 1918–1925. https://doi.org/10.5205/reuol.11077-98857-1-SM.1105201722

Araújo, A. K. L., & Nery, I. S. (2018). Conhecimento sobre contracepção e fatores associados ao planejamento de gravidez na adolescência. Cogitare Enfermagem, 23(2). http://dx.doi.org/10.5380/ce.v23i2.55841

Araújo, M. S., Sales, K. O. S., Araújo, M. G., Morais, L. F., Morais, F. R. R., & Valença, C. N. V. (2016). Dificuldades enfrentadas por enfermeiros para desenvolver ações. Revista de enfermagem UFPE online, 10, 4219–4225. 10.5205/reuol.9284-81146-1-SM.1005sup201607

Baldoino, L. S., Silva, S. M. N., Ribeiro, A. M. N., & Ribeiro, E. K. C. (2018). Educação em saúde para adolescentes no contexto escolar: Um relato de experiência. Revista de enfermagem UFPE online, 12(4), 1161–1167. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i4a230656p1161-1167-2018

Borges, A. P., Silva, A. L. R., Correa, Á. C. P., & Nakagawa, J. T. T. (2016). Caracterização da assistência ao parto em adolescentes primigestas no município de Cuiabá-MT. Ciência, Cuidado e Saúde, 15(2), 212. https://doi.org/10.4025/cienccuidsaude.v15i2.29474

Costa, S. M. S., Oliveira, J. W. T., Amaral, M. E. G. B. S., Cerqueira, J. C. O., Oliveira, K. C. P. N., & Silva, E. (2019). Assistência de enfermagem à gestante com traumatismo raquimedular. Revista de enfermagem UFPE online, 13, 231–236. https://doi.org/10.5205/19818963.2019.239360

Danieli, G. L., Budó, M. L. D., Ressel, L. B., & Seiffert, M. A. (2015). Percepções sobre a gestação e experiências de educação em saúde: Perspectiva de adolescentes grávidas. Revista de enfermagem UFPE online, 9(2), 573–581. 10.5205/reuol.7028-60723-1-SM.0902201512

Fertonani, H. P., Pires, D. E. P., Biff, D., & Scherer, M. D. A. (2015). Modelo assistencial em saúde: conceitos e desafios para a atenção básica brasileira. Ciência e Saúde Coletiva, 20(6), 1869–1878. https://doi.org/10.1590/1413-81232015206.13272014

Gil, A. C. (2008). Métodos e técnicas de pesquisa social (6a. ed): Atlas.

Leal, C. C. G., Fonseca-Machado, M. O., Oliveira, L. C. Q., Monteiro, J. C. S., Leite, A. M., & Gomes-Sponholz, F. A. (2016). Prática de enfermeiras na promoção do aleitamento materno de adolescentes Brasileiras. Ciencia y Enfermeria, 22(3), 97–106. https://doi.org/10.4067/s0717-95532016000300097

Leal, M. C., Esteves-Pereira, A. P., Viellas, E. F., Domingues, R. M. S. M., & Gama, S. G. N. da. (2020). Assistência pré-natal na rede pública do Brasil. Revista de Saúde Pública, 54(08). https://doi.org/10.11606/s1518-8787.2020054001458

Lei n.º 7.498, de 25 de junho de 1986. Dispõe sobre a regulamentação do exercício da enfermagem, e dá outras providências. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l7498.htm

Lei n.º 8.069, de 13 de julho de 1990. Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8069.htm

Lei n.º 8.080, de 19 de setembro de 1990. Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/L8080.htm

Lei n.º 9.263, de 12 de janeiro de 1996. Regula o § 7º do art. 226 da Constituição Federal, que trata do planejamento familiar, estabelece penalidades e dá outras providências.

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9263.htm#:~:text=LEI%20N%C2%BA%209.263%2C%20DE%2012%20DE%20JANEIRO%20DE%201996.&text=Regula%20o%20%C2%A7%207%C2%BA%20do,penalidades%20e%20d%C3%A1%20outras%20provid%C3%AAncias

Lopes, M. C. de L., Oliveira, R. R. de., Silva, M. de A. P. da., Padovani, C., Oliveira, N. L. B. de., & Higarashi, I. H. (2020). Tendência temporal e fatores associados à gravidez na adolescência. Revista da Escola de Enfermagem da USP, 54, e03639. Epub November 27, 2020. https://doi.org/10.1590/s1980-220x2019020403639

Mendes, K. D. S., Silveira, R. C. C. P., & Galvão, C. M. (2008). Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na enfermagem. Texto & Contexto - Enfermagem, 17(4), 758–764. https://doi.org/10.1590/s0104-07072008000400018

Ministério da Saúde. DATASUS. (2014-2018). Informações de Saúde (TABNET): Estatísticas Vitais. http://www2.datasus.gov.br/DATASUS/index.php?area=0205&id=6936&VObj=http://tabnet.datasus.gov.br/cgi/deftohtm.exe?sinasc/cnv/nv

Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas e Estratégicas. (2018). Proteger e cuidar da saúde de adolescentes na atenção básica (2a ed.) Brasília-DF: Ministério da Saúde. http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/proteger_cuidar_adolescentes_atencao_basica_2ed.pdf

Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção em Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. (2010). Diretrizes nacionais para a atenção integral à saúde de adolescentes e jovens na promoção, proteção e recuperação da saúde. Brasília-DF: Ministério da Saúde. http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/diretrizesnacionais_atencao_saude_adolescentes_jovens_promocao_saude.pdf

Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção Primaria à Saúde. Departamento de Promoção da Saúde. (2019). Guia alimentar para crianças brasileiras menores de 2 anos Brasília-DF: Ministério da Saúde. http://189.28.128.100/dab/docs/portaldab/publicacoes/guia_da_crianca_2019.pdf

Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Gestão e Incorporação de Tecnologias em Saúde. (2017). Diretrizes nacionais de assistência ao parto normal. Brasília-DF: Ministério da Saúde. https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/diretrizes_nacionais_assistencia_parto_normal.pdf

Moll, M. F., Matos, A., Rodrigues, T. A., Martins, T. S., Pires, F. C., & Pires, N. A. S. (2019). Rastreando a depressão pós-parto em mulheres jovens. Revista de enfermagem UFPE on-line, 13(5), 1338–1344. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v13i05a239289p1338-1344-2019

Portaria n.º 1.130, de 5 de agosto de 2015. Institui a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Criança (PNAISC) no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). Ministério da Saúde, 2015. http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2015/prt1130_05_08_2015.html

Queiroz, M. V. O., Menezes, G. M. D., Silva, T. J. P., Brasil, E. G. M., & Silva, R. M. (2017). Grupo de gestantes adolescentes: Contribuições para o cuidado no pré-natal. Revista Gaucha de Enfermagem, 37. http://dx.doi.org/10.1590/1983- 1447.2016.esp.2016-0029

Resolução COFEN-358/2009. Dispõe sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem e a implementação do Processo de Enfermagem em ambientes, públicos ou privados, em que ocorre o cuidado profissional de Enfermagem, e dá outras providências. http://www.cofen.gov.br/resoluo-cofen-3582009_4384.html

Saldanha, B. L. (2020). Dificuldades enfrentadas por gestantes adolescentes em aderir ao pré-natal. Revista Eletrônica Acervo Saúde, 12(9), 4160. https://doi.org/10.25248/reas.e4160.2020

Santos, B. R., Magalhães, D. R., Mora, G. G., & Cunha A. (2017). Gravidez na Adolescência no Brasil: Vozes de Meninas e de Especialistas: INDICA. ISBN: 978-85-62539-48-0

Santos, C. C., Cremonese, L., Wilhelm, L. A., & Castiglioni, C. M. (2014). Perfil social de adolescentes gestantes e abandono escolar. Adolescência e Saúde, 11(3), 71–76.

Santos, J. S., Andrade, R. D., Mello, D. F., Ambrosina, M., & Maia, C. (2014). Educação em saúde na adolescência: contribuições da Estratégia Saúde da Família. Revista Sociedade Brasileira em Enfermagem Pediátrica. 14, 20–26. 10.31508/1676-3793201400004

Souza, L. M. M., Marques-Vieira, C. M. A., Severino, S. S. P., Antunes, A. V. (2017). A metodologia de revisão integrativa da literatura em enfermagem. Revista Investigação em Enfermagem, 21(2),17–26.

Spindola, T., Santana, R. S. C., Costa, C. M. A., Martins, E. R. C., Moerbeck, N. T., & Abreu, T. D. O. (2020). Não vai acontecer: percepção de universitários sobre práticas sexuais e vulnerabilidade às infecções sexualmente transmissíveis. Revista Enfermagem UERJ, 28, 49912. http://dx.doi.org/10.12957/reuerj.2020.49912

Tamara, L. B., Sehnem, G. D., Lipinski, J. M., Tier, C. G., & Vasquez, M. E. D. (2017). Apoio recebido por mães adolescentes no processo de aleitamento materno. Revista de enfermagem UFPE online, 11(4), 1667–1675. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v11i4a15237p1667-1675-2017

Taquette, S. R., & Minayo, M. C. (2016). Análise de estudos qualitativos conduzidos por médicos publicados em periódicos científicos Brasileiros entre 2004 e 2013. Revista Saúde Coletiva, 26(2), 417–434. https://doi.org/10.1590/S0103-73312016000200005.

Torres, J., Torres, S., Vieira, G., Barbosa, G., Souza, M., & Teles, M. (2018). The motherhood meanings for adolescents assisted by the family health strategy/ O significado da maternidade para adolescentes atendidas na Estratégia de Saúde da Família. Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental On-line, 10(4), 1008-1013. http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2018.v10i4.1008-1013

Vieira, B. D.G., Queiroz, A. B. A., Alves, V. H., Rodrigues, D. P., Guerra, J. V. V., Pinto, C. B. (2017). A prevenção da gravidez na adolescência: uma revisão integrativa. Revista de enfermagem UFPE on-line, Recife 1(3), 1504-1512. 10.5205/reuol.10263-91568-1-RV.1103sup201724

Published

31/01/2021

How to Cite

SILVA, T. S. .; SILVA, T. C. da C. .; ARAÚJO, R. C. C. .; NODARI, P. R. G. .; SANTOS, T. M. dos .; PERTILE , A. C. . Scientific production of Latin American nursing on strategies for early pregnancy prevention. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 1, p. e55710112046, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i1.12046. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/12046. Acesso em: 7 mar. 2021.

Issue

Section

Health Sciences