Accessibility in times of remote teaching

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i4.14966

Keywords:

Accessibility; Digital Accessibility; Remote Teaching.

Abstract

Digital accessibility is a mechanism for reaching any and all content on the web in which all people must have the help of others, regardless of their need. The virtual resources incorporate aspects that involve understanding, interaction and navigation. Since the turn of the century, in the early 2000s, we have heard that we are living in the digital age. Almost 21 years later, we find ourselves increasingly immersed in technology, now more than ever enhanced by social isolation. In this sense, the teaching-learning process has become increasingly challenging. Based on these issues, we aim to analyze the legal aspects that address accessibility, considering the context of remote education experienced from the Digital Technologies of Information and Communication. Thus, due to the nature of the objectives established in this work, we understand that the research is of a qualitative approach, and of a methodological, exploratory and bibliographic nature. The results show that all this pandemic situation in which we find ourselves is complex and challenging and that several difficulties are also present in the school scenario and that the need for teachers and students to reinvent themselves is undeniable. Furthermore, it challenges management teams, teachers, students and families. With regard to remote education, one aspect to be considered is a digital exclusion especially of the portion of the population that has some disability, as digital technology can also reach people with disabilities, while there are applications, software and equipment that enable accessibility to information, entertainment, sociability and other benefits. Anyway, schools must problematize and rethink a way of using and learning technology can and must be an ally of teaching-learning and be able to provide several benefits. Thus, the expectation is that its use will become common.

Author Biographies

Izabel Rodrigues da Silva, Atendimento terapêutico - Síndrome de Down, Piauí

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal do Piauí (2014), especialização em Metodologia da Educação Infantil (2019) e formação em nível Técnico em Biblioteca . Atualmente é professora (acompanhante terapêutica) de uma aluna com Síndrome de Down no Instituto Dom Barreto (Teresina-PI).

Thayane Nascimento Freitas, Secretaria Municipal de Educação- SEMEC/PI

Mestranda em Educação Especial- PROFEI/UEMA

Especialista em Libras com docência Superior- FAEME

Especialista em Educação Especial- IESM

Especialista em Gestão e Supervisão Escolar- FACEI

Graduanda em Letras-Libras- UNIASSELVI

Licenciada em Pedagogia – UFPI

Professora da Secretaria Municipal de Educação- SEMEC/PI

Nádia Fernanda Martins de Araújo, Universidade Federal do Piauí

Mestranda em Formação de Professores - UEPB

Especialista em Língua Brasileira de Sinais- UESPI

Graduada em licenciatura em Pedagogia UFPI

Docente da área de Libras CSHNB/UFPI

Deborah Lauriane da Silva Sousa, Secretaria Municipal de Educação - Rio das Ostras

Doutorado em Educação - UERJ (Em andamento)

Licenciada em Pedagogia - UFPI

Mestre em Educação - UFPI

Especialista em Educação Especial e Inclusiva.

Professora de AEE na Rede Municipal de Rio das Ostras - RJ

Maurício Amorim de Araújo Júnior, Psicólogo Clínico, Piauí

Psicólogo Clínico

Pós-graduando Neuropsicologia: Avaliação e Reabilitação Neuropsicológica

Pós-graduando: Terapia Cognitivo Comportamental- Puc Minas

Aline Mendes Medeiros, Universidade Federal do Piauí

 Mestranda em Educação- UFMA

 Especialista em Língua Brasileira de Sinais-UESPI

 Graduada em Licenciatura Plena em Pedagogia-UESPI

 Docente de Libras- UFPI/CPCE

Rafael Soares Silva, Universidade de São Paulo

Doutorando do Programa de Pós-graduação em Ensino de Ciências e Matemática - Universidade Cruzeiro do Sul – UNICSUL.

References

Araújo, N. F. M. de; Rego, K. K. A. & Nascimento, J. F. (2021). O ensino remoto para alunos surdos: estratégias e possibilidades em tempos de pandemia. In: Melo, J. A. B. de; Aragão, P. C. (Orgs). Práticas Pedagógicas em Tempos de Pandemia - contribuições das diversas disciplinas do currículo para a formação de professores. São Paulo: Mentes Abertas, pp. 71-90.

Arruda, G. Q. de; Silva, J. S. R. da & Bezerra, M. A. D. (2020, dezembro). O uso da tecnologia e as dificuldades enfrentadas por educadores e educandos em meio a pandemia. Anais VII CONEDU - Edição Online. Campina Grande, PB, Brasil: Realize Editora, https://editorarealize.com.br/artigo/visualizar/69162

Bersch, R. (2006). Tecnologia assistiva e educação inclusiva. In: Ensaios Pedagógicos, Brasília: SEESP/MEC, p. 89-94.

Bersch, R. (2008). Introdução à Tecnologia Assistiva. CEDI, Centro Especializado em Desenvolvimento Infantil. Porto Alegre.

Brasil (2000). Lei nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, Seção 1 - Eletrônico - 20/12/2000, Página 2.

Brasil. (2008). Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília.

Brasil. (2009). Decreto n. 6.949, de 25 de agosto de 2009. Promulga a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu Protocolo Facultativo, assinados em Nova York, em 30 de março de 2007. Diário Oficial da União, Brasília, DF, ano 146, n. 163, 26 ago. 2009. Seção 1, p. 3-9.

Brasil. (2011) Decreto nº 7.611, de 17 de novembro de 2011. Dispõe sobre a educação especial, o atendimento educacional especializado e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 18 de novembro de 2011, Seção 1, p.12.

Brasil. (2012). Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Cartilha do censo 2010: pessoas com deficiência. Brasília,

Brasil. (2015). Lei nº 13.146 de 6 julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Diário Oficial da União, Brasília, 07 de julho de 2015. Seção 1, p.2-11. Brasília.

Cat. (2007) Comitê de Ajudas Técnicas Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República (CORDE/SEDH/PR. Ata da Reunião VII.

Colemarx. (2020) Em defesa da educação pública comprometida com a igualdade social: porque os trabalhadores não devem aceitar aulas remotas. Programa de Pós-Graduação em Educação – PPGE. Universidade Federal do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro.

Freire, P. (1996). Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática pedagógica. São Paulo: Paz e Terra.

Gil, A. C. (2002). Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas.

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. (2020). Sinopse Estatística da Educação Básica 2019. Brasília: Inep http://portal.inep.gov.br/web/guest/sinopses-estatisticas-da-educacao-basica.

Kenski, V. M. (2012) Educação e tecnologia: O novo ritmo da informação. 8 ed. Campinas: Papirus.

Mattar, F. N. (1994). Pesquisa de marketing: metodologia, planejamento, execução e análise. 2a. ed. São Paulo: Atlas, 2v., v.2. 1994.

Mallagi, V.; Teixeira, A. C. (2019) Comunicação, tecnologias interativas e educação: (re)pensar o ensinar-aprender na cultura digital. Curitiba: Appris.

Mendes, A., Vinagre, A. B., Amorim, A., Chaveiro, E., Machado, K., Vasconcellos, L. C. F. D., & Gertner, S. (2020). Diálogos sobre acessibilidade, inclusão e distanciamento social: territórios existenciais na pandemia.

Meyer, A.; Rose, D. H. & Gordon, D. (2014) Universal design for learning: Theory and Practice. Wakefield, MA: CAST Professional Publishing.

Mingus, Mia. (2011) Changing the Framework: Disability Justice. Documento eletrônico. https://leavingevidence.wordpress.com/2011/02/12/c hanging-the-framework-disability-justice/

Mingus, Mia. (2018) Disability Justice is Simply Another Term for Love. Documento eletrônico.: https://leavingevidence.wordpress.com/2018/11/03/di sability-justice-is-simply-another-term-for-love/

Nic.br (2020). Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR - NIC.br. FALTA acesso à internet para faixa de 9 a 17 anos. https://www.nic.br/noticia/na-midia/falta-acesso-a-internet-para-faixa-de-9- a-17-anos.

Nunes, C; Madureira, I. (2015) Desenho Universal para a Aprendizagem: Construindo práticas pedagógicas inclusivas. Invest. Práticas, Lisboa, v. 5, n. 2, pp. 126-143, set.

Pill, Débora. (2020). ECOA, UOL. Educação na pandemia de priorizar reflexão e cidadania, dizem experts. https://www.uol.com.br/ecoa/ultimas-noticias/2020/06/13/educacao-na-pandemia-deve-priorizar-reflexao-e-cidadania-dizem-experts.htm

Pletsch, M. D.; Leite, L. P. (2017) Análise da produção científica sobre a inclusão no ensino superior brasileiro. Educar em Revista, n. SPE. 3, pp. 87-106.

Pletsch, M. D., de Souza, I. M. D. S., Moreira, S. C. P., & de Assis, A. R. (2020). APRESENTAÇÃO PRIMEIRA EDIÇÃO ESPECIAL: EDUCAÇÃO E DEMOCRACIA EM TEMPOS DE PANDEMIA. Revista Interinstitucional Artes de Educar, 6, 4-11.

Radabaugh, M. P. Nidrr's Long Range Plan - Technology for Access and Function Research Section Two: NIDDR Research Agenda Chapter 5: Technology For Access And Function - http://www.ncddr.org/rpp/techaf/lrp_ov.html. 1993

Sassaki, R. K. (2004). Pessoas com deficiência e os desafios da inclusão. Revista Nacional de Reabilitação, 30(09).

Sassaki, R. K. (2007). Nada sobre nós sem nós: da integração à inclusão. Rev. Nac. Reabil, 10(57), pp. 8-16.

Silva, J. S. S. (2014) Acessibilidade, barreiras e superação: estudo de caso de experiências de estudantes com deficiência na educação superior. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa.

Silva, K. W. da, Bins, K. L. G., & Rozek, M. (2020). A educação especial e a covid-19: aprendizagens em tempos de isolamento social. Educação, 10(1), 124–136

Silva, R. S., & Amaral, C. L. C. (2020). A educação inclusiva no ensino de ciências e matemática. Communitas,4(7), pp. 281-294.

Silva, R. S., & Amaral, C. L. C. (2020). Percepção de professores de química face à educação de alunos com deficiência visual: dificuldades e desafios. South American Journal of Basic Education, Technical and Technological,7(1), pp.108-129.

Silva, R. S., de Sousa, M. V., & da Silva, I. R. (2020). Inclusão escolar de crianças com Síndrome de Down na educação infantil. Revista Amor Mundi, 1(3), 35-46.

Simões, G. S., Silva, R. S., & Amaral, C. L. C. (2021). Transposition of scientific knowledge in teaching Mathematics to the blind. Research, Society and Development, 10(3), e59810310395. https://doi.org/10.33448/rsd-v10i3.10395

Straub, Sandra Luzia Wrobel. Laboratórios de Informática das Escolas Públicas Estaduais Mato-Grossenses: uma análise discursiva da realidade educacional. Cáceres: UNEMAT Editora, 2020. pp. 35-47.

Torres, E. F., & Mazzoni, A. A. (2004). Conteúdos digitais multimídia: o foco na usabilidade e acessibilidade. Ciência da informação, 33(2).

Triviños, A. N. S. (2008) Introdução a pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa em educação.1. ed.-17. reimpr. São Paulo: Atlas.

Victória Oliveira, M. P. (2020). Pesquisa monstra sentimento de professores em meio à pandemia do coronavírus. https://porvir.org/pesquisa-mostra-o-sentimento-de-professores-em-meio-a-pandemia-do-coronavirus.

Vieira, L. A., Cirino, R. M. B., & de Farias, E. R. S. (2021). As tecnologias educacionais na promoção de práticas pedagógicas inclusivas. Brazilian Journal of Development, 7(2), 20551-20561.

Zaidan, J. de M.; Galvão, A. C. (2020). Covid-19 e Os Abutres Do Setor Educacional: A Superexploração Da Força De Trabalho Escancarada. In Augusto, Cristiane Brandão; Santos, Rogerio Dultra dos. Pandemias e pandemônio no Brasil. São Paulo: Tirantlo Blanch.

Zerbato, A. P.; Mendes, E. G. (2018) Desenho universal para a aprendizagem como estratégia de inclusão escolar. Educação Unisinos, v.22, n. 2, pp. 147-155, abr./ jun. Doi: 10.4013/edu.2018.222.04.

Published

21/04/2021

How to Cite

SILVA, I. R. da .; FREITAS, T. N. .; ARAÚJO, N. F. M. de .; SOUSA, D. L. da S. .; ARAÚJO JÚNIOR, M. A. de .; MEDEIROS, A. M.; SILVA, R. S. Accessibility in times of remote teaching. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 4, p. e60010414966, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i4.14966. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/14966. Acesso em: 15 may. 2021.

Issue

Section

Education Sciences