Experience of a practical approach to PIBID in the classroom in teaching Botany

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i6.15825

Keywords:

Student; School context; Teaching; Formative educational experiences; Groups of plants.

Abstract

Practical classes are essential for understanding the contents of the Biology area, especially Botany. This article aimed to present a teaching methodology in the field of botany, based on a practice carried out by PIBID students at the Federal University of Piauí - CSHNB, as well as to bring reflections on the knowledge related to methodologies in this area. To carry out this work, a field research methodology was adopted and then a qualitative and quantitative analysis, using a form of perceptions from the students' verbal and non-verbal communication and their involvement in the class, such as behaviors , questions, body expressions and comments. The results obtained were the participation of all students in the class, who were able to visualize and distinguish the various groups of plants studied within the teaching of Botany through live specimens and some plant structures collected in the region close to the school, which brought the content closer to the students' reality. In addition, several scientific works address the need to work the practical part of the contents within the social context of the students, which corroborates the realization of this study aiming to demonstrate the importance of the practice for the significant teaching and learning.

References

Andrade, M. L. F. & Massabni, V. G. (2011). O desenvolvimento de atividades práticas na escola: um desafio para os professores de ciências. Ciência & Educação (Bauru), 17(4), 835-854. https://doi.org/10.1590/S1516-73132011000400005.

Borges, B. T., Vargas, J. D., Oliveira, P. J. B., Vestena, S. (2019). Aulas práticas como estratégia para o ensino de botânica no ensino fundamental. ForScience, v. 7, n. 2, 2019.

Bortoluzzi, L. Z. & Coutinho, R. X. (2018). Atividades práticas no ensino de biologia para o PROEJA. EJA em Debate, v. 7, n. 11.

Burggrever, T., Mormul, N. M. (2017). A importância do PIBID na formação inicial de professores: um olhar a partir do subprojeto de Geografia da Unioeste-Francisco Beltrão. Revista de Ensino de Geografia, Uberlândia-MG, v. 8, n. 15, p. 98-122.

Drumond, V. (2020). Aprendizagem da docência: contribuições do PIBID na formação de professores (as). Diversitas Journal, v. 5, n. 4, p. 3272-3292.

Dutra, A. P. & Costa Güllich, R. I. (2016). Ensino de botânica: metodologias, concepções de ensino e currículo. Revista ENCITEC, v. 6, n. 2, p. 39-53.

Fischer, C. H., Stumpf, E. R. T., Mariot, M. P. (2019). A construção de uma prática pedagógica a partir do conhecimento familiar sobre plantas medicinais. Revista Educar Mais, v. 3, n. 1, p. 56-68.

Interaminense, B. K. S. (2019). A Importância das aulas práticas no ensino da Biologia: Uma Metodologia Interativa/The Importance of practical lessons in the teaching of Biology: An Interactive Methodology. ID on line Revista De Psicologia, v. 13, n. 45, p. 342-354.

Lima, J. H. G., Siqueira, A. P. P. & Costa, S. (2013). A utilização de aulas práticas no ensino de ciências: um desafio para os professores. Revista Técnico Científica do IFSC, v. 1, n. 5, p. 486.

Ludke, M. & Andre, M. E. D. A. (2013). Pesquisas em educação: uma abordagem qualitativa. São Paulo: E.P.U.

Noronha, G. N., Noronha, A. A. & Abreu, M. C. A. (2020) Relato de vivências no Pibid: aproximações com a construção docente. Práticas Educativas, Memórias e Oralidades-Rev. Pemo, v. 2, n. 3, p. e233748-e233748.

Obara, C. E., Broietti, F. C. D. & Passos, M. M. (2017). Contribuições do PIBID para a construção da identidade docente do professor de Química. Ciência & Educação (Bauru), v. 23, n. 4, p. 979-994.

Paniago, R. N. & Sarmento, T. (2017). A Formação na e para a Pesquisa no PIBID: possibilidades e fragilidades. Educação & Realidade, v. 42, n. 2, p. 771-792.

Paula, V. M., Monteiro, M. L. & Rodrigues, T. R. (2020) Experiência de uma abordagem prática no ensino de Botânica. Revista Sítio Novo, v. 4, n. 3, p. 204-213.

Rebouças, N. C., Ribeiro, R. T. M. & Loiola, M. I. B. (2020). Avaliação da aprendizagem sobre conceitos de morfologia vegetal em uma escola de ensino médio. Revista Cocar, v. 14, n. 30.

Santana, S. L. C. (2011). Utilização e Gestão de Laboratórios Escolares. 194 p. Dissertação de Mestrado, 196 p. UFSM. Rio Grande do Sul. PPG QVS. Santa Maria.

Silva, F. H. M. & Nascimento Souza, D. N. (2019). Aulas práticas de biologia no ensino médio: importância e desafios.

Iv Encontro Internacional De Jovens Investigadores.

Silva, J. J. L., Cavalcante, F. L. P., Xavier, V. F., & Gouveia, L. D. F. P. (2019). Produção de exsicatas como auxílio para o ensino de botânica na escola. Conexões-Ciência e Tecnologia, 13(1), 30-37.

Sobral, M. D. S. C., de Moura, K. M., Rocha, H. G. & Freitas, L. R. (2018). Aulas Práticas no Ensino de Ciências: Análise da Participação do Estagiário. ID on line Revista De Psicologia, 12(39), 757-771.

Ursi, S., Barbosa, P. P., Sano, P. T. & Berchez, F. A. D. S. (2018). Ensino de Botânica: conhecimento e encantamento na educação científica. Estudos Avançados, v. 32, n. 94, p. 7-24.

Published

30/05/2021

How to Cite

SOUSA, A. R. de; SÁ, A. A. de; SILVA, A. M. da; NASCIMENTO, F. B. do; SANTOS, J. R. dos; VIEIRA, R. de B.; VELOSO, M. L. de L.; AQUINO, L. de K. M. de; LIMA, L. H. G. de M. Experience of a practical approach to PIBID in the classroom in teaching Botany. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 6, p. e30010615825, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i6.15825. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/15825. Acesso em: 19 jun. 2021.

Issue

Section

Education Sciences