Practical activities in laboratory spaces in the teaching of Science and Biology: reports of an experience with students in the final years of basic education in Ilha de São Luís – MA

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i14.21676

Keywords:

Genetics; Youth; Education; Science and Biology teaching; Scientific literacy.

Abstract

Laboratories are spaces of construction of a good part of biological scientific knowledge. When used in teaching, they offer opportunities to bring basic education students closer to scientific production, awakening interest in science in young people. In this work we aimed to approach the students of the final years of basic education to the Warwick Kerr Genetics and Molecular Biology Laboratory (LABWICK) of the Universidade Estadual do Maranhão and investigate the perceptions of these students about practical laboratory activities in science and biology classes. To this end, the work had three phases: diagnosis of the laboratory experiences of students at their school, visit to the, diagnosis of learning during the visit. The initial diagnosis was carried out in 12 schools located on the island of São Luís -MA, and was carried out through the application of a questionnaire (199 students) and on-site observation. During the visits to LABWICK, 9 schools participated in lectures and practical classes. All students who participated in the visit (226) answered the learning diagnostic questionnaire. It was observed the interest and assimilation of content by students in the laboratory environment, as well as reports on the absence of this type of activity within the school environment. Such observations point to the need to expand the use of laboratory spaces in the search for dynamic and interesting science classes.

Author Biographies

Andressa Isabela Ferreira da Silva, Universidade Estadual do Maranhão

Master's Student in Educational Technologies, MUST University, MUST, United States of America.

Jessica Oliveira de Sousa, Universidade Estadual do Maranhão

Graduated in Biological Sciences, Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, São Luís, MA, Brazil.

Elizama Conceição Rocha, Universidade Estadual do Maranhão

Master's Student in Biodiversity and Conservation, Universidade Federal do Maranhão, UFMA, São Luis, MA, Brazil.

Renata Martins Lima, Universidade Estadual do Maranhão

Graduated in Biological Sciences, Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, São Luís, MA, Brazil.

Lília Carla Almeida Fonsêca, Universidade Estadual do Maranhão

Graduated in Biological Sciences, Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, São Luís, MA, Brazil.

José de Ribamar Silva Barros, Universidade Estadual do Maranhão

Professor at the Universidade Estadual do Maranhão - UEMA, Department of Biology, São Luís, MA, Brazil.

Hanna Gabriely Pinto Gonçalves, Universidade Estadual do Maranhão

Master in Animal Science, Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, São Luís, MA, Brazil.

Ligia Tchaicka, Universidade Estadual do Maranhão

Professor at the Universidade Estadual do Maranhão - UEMA, Department of Biology, São Luís, MA, Brazil.

References

Arraes, B. (2016) Percepção e assimilação dos alunos do primeiro semestre de medicina frente á atividade prática de extração do dna da banana no módulo de biologia celular e molecular. VI Encontro de Projetos de Monitoria da Graduação da UFC. Fortaleza, CE.

Bonzanini, T. K., & Bastos, F. (2011, dezembro). Temas da Genética contemporânea e o Ensino de Ciências: que materiais são produzidos pelas pesquisas e que materiais os professores utilizam. VIII ENPEC- Encontro Nacional do Ensino de Ciências, Campinas, SP, Brasil.

Borges, A. T. (2002). Novos rumos para o laboratório escolar de ciências. Caderno Brasileiro de ensino de Física, 19(3), 291-313.

Cavalcanti, C. C., & Persechini, P. M. (2011). Museus de Ciência e a popularização do conhecimento no Brasil. Field Actions Science Reports. The journal of field actions, (Special Issue 3).

Duré, R. C., de Andrade, M. J. D. & Abílio, F. J. P. (2018). Ensino de biologia e contextualização do conteúdo: quais temas o aluno de ensino médio relaciona com o seu cotidiano? Experiências em ensino de ciências, 13(1), 259-272.

Fala, A. M., Correia, E. M., & Pereira, H. D. M. (2009). Atividades práticas no ensino médio: uma abordagem experimental para aulas de genética. Ciências & Cognição, 15(1), pp. 100-123.

Ferreira, A. V. B. F., Malagoli, B. G., Reis, D. A., Lima, E. G., & Antonio, H. (2005, outubro). O Rádio Como Veículo De Extensão Universitária: Uma Experiência do Instituto de Ciências Biológicas na Popularização do Conhecimento Científico. Anais do 8 Encontro de Extensão da UFMG. Belo Horizonte –MG, Brasil,8.

Freitas Pinheiro, M. T., & Santos, L. M. (2019). Reflexões sobre o ensino de ciências frente os desafios da cibercultura. Boletim GEPEM, (75), 89-103.

Garcia, R. A. G., & Zanon, A. M. (2021). Aulas experimentais de biologia: um diálogo com professores e alunos. Instrumento: Revista de Estudo e Pesquisa em Educação, 23(1), 42-62.

Germano, M. G., & Kulesza, W. A. (2007). Popularização da ciência: uma revisão conceitual. Caderno Brasileiro de ensino de Física, 24(1), 7-25.

Interaminense, B. D. K. S. (2019). A Importância das aulas práticas no ensino da Biologia: Uma Metodologia Interativa/The Importance of practical lessons in the teaching of Biology: An Interactive Methodology. ID on line Revista De Psicologia, 13(45), 342-354.

Justina, L. A. D., & Ferla, M. R. (2006). A utilização de modelos didáticos no ensino de genética-exemplo de representação de compactação do DNA eucarioto. Arquivos do MUDI, 10(2), 35-40.

Koerich, M. S., Backes, D. S., de Sousa, F. G. M., Erdmann, A. L., & Alburquerque, G. L. (2009). Pesquisa-ação: ferramenta metodológica para a pesquisa qualitativa. Revista Eletrônica de Enfermagem, 11(3).

Leite, S. Q. M. (2012). Práticas experimentais investigativas em ensino de ciências: caderno de experimentos de física, química e biologia-espaços de educação não formal–reflexões sobre o ensino de ciências. Editora do Instituto Federal de Educação. Ciência e Tecnologia do Espírito Santo.

Lima, D. B., & Garcia, R. N. (2011). Uma investigação sobre a importância das aulas práticas de Biologia no Ensino Médio. Cadernos do Aplicação, 24(1),203-223.

Luz, P. S., de Lima, J. F., & Amorim, T. V. (2018). Aulas práticas para o ensino de Biologia: contribuições e limitações no Ensino Médio. Revista de Ensino de Biologia da SBEnBio, 36-54.

Malafaia, G., Bárbara, V. F., & de Lima Rodrigues, A. S. (2010). Análise das concepções e opiniões de discentes sobre o ensino da biologia. Revista Eletrônica de Educação, 4(2), 165-182.

Marandino, M., Selles, S. E., & Ferreira, M. S. (2009). Ensino de Biologia: histórias e práticas em diferentes espaços educativos. Editora Cortez.

Martinez, E. R. M., Fujihara, R. T., & Martins, C. (2008). Show da Genética: um jogo interativo para o ensino de genética. Genética na escola, 3(2), 24-27.

Massarani, L., & Rocha, M. (2018). Ciência e mídia como campo de estudo: uma análise da produção científica brasileira. Intercom: Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, 41, 33-49.

Melville, W., Fazio, X., Bartley, A., & Jones, D. (2008). Experience and reflection: Preservice science teachers’ capacity for teaching inquiry. Journal of Science Teacher Education, 19(5), 477-494.

Minayo, M. C. D. S., & Sanches, O. (1993). Quantitativo-qualitativo: oposição ou complementaridade? Cadernos de saúde pública, 9, 237-248.

Mota, M. D. A. (2019). Laboratórios de ciências/biologia nas escolas públicas do estado do Ceará (1997-2017): realizações e desafios. (Dissertação de mestrado). Universidade Federal do Ceará –UFC, Fortaleza, CE, Brasil.

Nascimento, R. G. et al. (2020). Prática lúdica ‘DNA recombinante’ e sua influência na percepção e no conhecimento de estudantes sobre biotecnologia e enzimas de restrição. Experiências em Ensino de Ciências, 15(20), 262-282

Paula, L. M. D., Pereira, G. R., & Coutinho-Silva, R. (2019). A Função social dos museus e centros de ciências: integração com escolas e secretarias de educação. Ciência e Cultura, 71(2), 04-05.

Persechini, P. M., & Cavalcanti, C. (2004). Popularização da ciência no Brasil. Jornal da Ciência, (535).

Porto, C., Oliveira, K. E., & Rosa, F. (2018). Produção e difusão de ciência na cibercultura: narrativas em múltiplos olhares. Editora Editus.

Reginaldo, C. C., Sheid, N. J., & Güllich, R. I. D. C. (2012, julho). O ensino de ciências e a experimentação. Anaped Sul: Seminário de Pesquisa em Educação da Região Sul, Giruá, Caxias do Sul, RS, Brasil, 9.

Santana, S. D. L. C., Pessano, E. F. C., Escoto, D. F., da Cruz Pereira, G., Gularte, C. A. O., & Folmer, V. (2019). O ensino de ciências e os laboratórios escolares no Ensino Fundamental. VITTALLE-Revista de Ciências da Saúde, 31(1), 15-26.

Sasseron, L. H., & de Carvalho, A. M. P. (2016). Alfabetização científica: uma revisão bibliográfica. Investigações em ensino de ciências, 16(1), 59-77.

Scarpa, D. L., & Campos, N. F. (2018). Potencialidades do ensino de Biologia por Investigação. Estudos avançados, 32, 25-41.

Schneider, E. M., Justina, L. A. D., & Meglhioratti, F. A. (2011). A percepção de alunos do ensino médio em relação a interação gene-organismo-ambiente. In: VIII ENPEC - Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências e I CIEC - Congreso Iberoamericano de Investigacion en Ensenanza de las Ciencias.

Silva, A. I. F., Rocha, E. C., & Tchaicka, L. (2020). O animal preferido nos desenhos infantis e sua relação com a conservação da fauna. Brazilian Journal of Development, 6(7), 47590-47603.

Silva et al. (2021). Modelos didáticos de DNA no ensino de genética: experiência com estudantes do ensino médio em uma escola pública do Piauí. Research, Society and Development, 10(2).

Souza, R. A., Oliveira, F. Q., & Oliveira, E. M. (2018). A importância da gestão de risco em laboratórios de aula prática de instituições de ensino superior. Revista Brasileira de Ciências da Vida, 6.

Tchaicka, L., & Reis, R. (2017). Das moléculas aos ecossistemas: Experimentando a pesquisa em genética e conservação no ensino médio. Editora: UEMAnet.

Zômpero, A. F., & Laburú, C. E. (2011). Atividades investigativas no ensino de ciências: aspectos históricos e diferentes abordagens. Ensaio Pesquisa em Educação em Ciências, 13(3), 67-80.

Published

26/10/2021

How to Cite

SILVA, A. I. F. da; SOUSA, J. O. de; ROCHA, E. C.; LIMA, R. M.; FONSÊCA, L. C. A.; BARROS, J. de R. S.; GONÇALVES, H. G. P.; TCHAICKA, L. Practical activities in laboratory spaces in the teaching of Science and Biology: reports of an experience with students in the final years of basic education in Ilha de São Luís – MA. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 14, p. e86101421676, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i14.21676. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/21676. Acesso em: 15 jun. 2024.

Issue

Section

Educational Objects