Child Sexual Violence: the importance of including social themes in initial teacher training

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v12i1.38430

Keywords:

Sexual Violence; Teacher; Formation; Education.

Abstract

The fight against child sexual violence is an interdisciplinary work and teachers are an indispensable bridge for the identification of cases. The present work aimed to analyze the level of knowledge of teachers of the basic school system on the theme. The quali-quantitative research was divided into two moments: application of an initial questionnaire via Google Forms to analyze the teacher’s prior knowledge; and conducting an open short course via Google Meet directed to the teaching role in this fight, with feedback questionnaire at the end. In the first questionnaire, 53 answers were analyzed, in which it was possible to identify that the participants did not have much contact with the theme during life. In the short course, 26 people were attended and, during the feedback, the interest and importance that the participants gave to the theme was noticeable. However, short time prevents the subject from being worked on more deeply and, therefore, it is necessary that themes like this are included in the initial teacher training, in order to teachers to be able to deal with adversity in the classroom.

References

Abu-El-Haj, M. F., & Fialho, L. M. F. (2019). Formação docente e práticas pedagógicas multiculturais críticas. Revista Educação Em Questão, 57, https://doi.org/10.21680/1981-1802.2019v57n53ID17109.

Aires, L. C., Marques, L. L., & Moreira, T. V. E. (2020). Os Prejuízos da Violência Sexual para Crianças em Idade Escolar. [Apresentação de trabalho] Anais do V Seminário de Produção Científica do Curso de Psicologia da Unievangélica. UniEVANGÉLICA Anápolis.

Anuário Brasileiro De Segurança Pública (2022). As violências contra crianças e adolescentes no Brasil. Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Araújo, D. M. T. (2021). Atravessamentos da pandemia - um estudo sobre a violência sexual infantil durante o isolamento social. [Trabalho de Conclusão de Curso]. Universidade Federal de Uberlândia.

Barbosa, L. U., Viçosa, C. S. C. L., & Folmer, V. (2019). A educação sexual nos documentos das políticas de educação e suas ressignificações. Revista Eletrônica Acervo Saúde, 11, 1-10, https://acervomais.com.br/index.php/saude/article/view/772.

Batista, B. F., Rodrigues, D., Moreira, E. V., & Parrança Da Silva, F. (2021). Técnicas de recolha de dados em investigação: inquirir por questionário e/ou inquirir por entrevista? In P. Sá, A. P., Costa, & A. Moreira (Eds.), Reflexões em torno de Metodologias de Investigação: recolha de dados (1st ed., Vol. 2, pp. 13–36). UA Editora.

Beckman, M. M., Toscano, N., & Pereira, B. (2021). Violência sexual infantil no âmbito intrafamiliar: as inovações do ordenamento jurídico a respeito da oitiva com a vítima segundo a nova lei 13.431/17. [Apresentação de trabalho] Debates Jurídicos Interdisciplinares, 1, 63–87.

Bitencourt, C. R. (2021). Tratado de Direito Penal. (15° ed.). Saraiva Educação.

Brasil. (2021). Cartilha: Abuso sexual contra crianças e adolescentes - abordagem de casos concretos em uma perspectiva multidisciplinar e interinstitucional. Governo Federal.

Brasil. (2011). Guia escolar: identificação de sinais de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes (B. R. dos Santos & R. Ippolito, Eds.). Seropédica.

Brasil. Congresso Nacional. (2012). Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990. Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). https://www.gov.br/mdh/pt-br/navegue-por-temas/crianca-e-adolescente/publicacoes/o-estatuto-da-crianca-e-do-adolescente.

Campos, D. C., & Urnau, L. C. (2021). Sexual Exploitation Of Children And Adolescents: A Reflection Of The Role Played By Schools. Psicologia Escolar e Educacional, 25, https://doi.org/10.1590/2175-35392021221612.

Cargnin, J. S. S., Luna, J. S., Aguiar, D. M., Rodrigues, B. T. C., Azevedo Filho, A. A., & Silveira, R. P. (2021). Violência sexual em mulheres na Amazônia Ocidental. Revista de Saúde Pública. https://doi.org/10.11606/s1518-8787.2021055003069.

Castro, A. O. (2017). Crias de abusos na Amazônia: análise dos discursos da imprensa paraense de casos de violência sexual contra crianças e adolescentes. [Apresentação de trabalho] 40o Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom), Curitiba.

Cavalheiro, E. M. (2020). Práticas Educativas Parentais: Limites entre Educação e Violência. 156p. [Dissertação de Mestrado em Educação e Desenvolvimento Humano]. Universidade de Taubaté.

Chaves, L. N., Neves, M. N. S. S., Araújo, M. H. M., Calandrini, T. S. S., Cardoso, R. F., & Menezes, R. A. O. (2020). Epidemiologia do abuso sexual contra crianças e adolescentes admitidas em um hospital de referência da amazônia brasileira: um estudo exploratório-descritivo. Revista Diagnóstico & Tratamento, 25, 138–146.

Coelho, F. M. P. D., & Sousa, C. V. E. (2017). Arquétipos de uma infância interrompida: análise das ações de marketing social em prol do combate a violência sexual contra crianças e adolescentes na região do Médio Vale do Jequitinhonha. EnANPAD.

Couto, L. D., & Casarini, K. A. (2021). Reflexões sobre a relação mãe-filho em um contexto de violência sexual infantil intrafamiliar: um estudo de caso. Revista Família, Ciclos de Vida e Saúde No Contexto Social, v9. https://doi.org/10.18554/refacs.v9i1.5116.

Costa, L. da S. (2018). Abuso Sexual Infantil: o valor probatório atribuído à palavra da vítima no processo penal e os riscos da condenação. [Monografia de Bacharelado em Direito]. Faculdade Evangélica de Rubiataba.

Dantas, J. S. O. M., Fonte, V. A. P., Conceição, J. A., Santos, Y. P., & Silva, F. G. (2021). Técnicas da Perícia Psicológica em casos suspeitos de violência sexual infanto-juvenil. Brazilian Journal of Development, v7. https://doi.org/10.34117/bjdv7n8-084.

Diocesano, T. F. A., & Berkenbrock, C. D. M. (2020). Infância Segura: um Jogo colaborativo para a prevenção da violência sexual infantil. Revista Brasileira de Computação Aplicada, v12, 32–43. https://doi.org/10.5335/rbca.v12i1.9195.

Felipe, J. (2019). Scripts de gênero, sexualidade e infâncias: temas para a formação docente. Albuquerque, S. S., Felipe, J. & Corso, L. V. (Org.), Para Pensar a Docência na Educação Infantil (1st ed., pp. 238–250). Editora Evangraf.

Ferreira, M. F. (2019). Formação de professores como agentes na prevenção do abuso sexual infantil. [Trabalho de Conclusão de Curso]. Universidade Federal de São Carlos.

Freire, P. (1967). Educação Como Prática da Liberdade. Editora Paz e Terra.

Fundação Childhood Brasil. 2020. Childhood: pela proteção da infância. Childhood Brasil. https://www.childhood.org.br/nossa-causa#numeros-da-causa.

Fundação Parápaz. (2020). Cartilha: Brincando - Viver sem violência, brincar sem violência e aprender sem violência. Governo do Estado do Pará.

Fundo Das Nações Unidas. (2020). COVID-19 causa interrupção nos serviços de proteção a criança em mais de 100 países. Fundo das Nações Unidas para a Infância. https://www.unicef.org/brazil/comunicados-de-imprensa/covid-19-causa-interrupcoes-nos-servicos-de-protecao-da-crianca-em-mais-de-100-paises.

Garcia, P. A., Macieira, A. P., & Oliveira, D. E. S. D. (2017). O trabalho da equipe multiprofissional com crianças e adolescentes vítimas de violência sexual atendidas na unidade hospitalar. Revista LEVS, 20. https://doi.org/10.36311/1983-2192.2018.v20n20.03.p29.

Grunau, A. (2021). Estudo detalha drama do abuso infantil dentro da família. Jornal Folha de São Paulo. https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2021/09/estudo-detalha-drama-do-abuso-infantil-dentro-da-familia.shtml.

Gonçalves, L. G., & Teixeira, F. (2018). Abordagem da educação em sexualidade no Jardim de Infância: a opinião das famílias. Exedra: Revista Científica, n° extra 1, p69–77.

Haje, L. (2020, Aug. 17). Projeto determina que professor seja treinado para identiicar sinais de abuso sexual contra criança. Câmara Dos Deputados. https://www.camara.leg.br/noticias/684897-projeto-determina-que-professor-seja-treinado-para-identificar-sinais-de-abuso-sexual-contra-crianca/.

Jornal Folha De São Paulo. (2021, Sep. 10). Um em cada sete alunos de 13 a 17 anos diz já ter sofrido violência sexual. https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2021/09/um-em-cada-sete-alunos-de-13-a-17-anos-dizem-ja-ter-sofrido-violencia-sexual.shtml.

Jornal Folha De São Paulo. (2022, Jul. 2). Brasileiros têm opiniões liberais sobre educação, diz pesquisa Datafolha. https://www1.folha.uol.com.br/educacao/2022/07/brasileiros-tem-opinioes-liberais-sobre-educacao-diz-pesquisa-datafolha.shtml.

Lessa, C. B., & Mayor, A. S. (2019). A dificuldade na promoção de medidas preventivas contra o abuso sexual infantil nas escolas. Perspectivas Online: Humanas & Sociais Aplicadas, v9. https://doi.org/10.25242/887692520191745.

Lopes, I. M. B. U. A. (2017). A Pedofilia no Ordenamento Jurídico-Penal: Reflexão crítica sobre o crime de Abuso Sexual de Crianças e Consequência(s) Jurídica(s). [Dissertação de Mestrado Forense]. Universidade Católica Portuguesa.

Lopes, J. T. (2018). Violência sexual infantil: uma proposta metodológica de prevenção e intervenção na escola. [Monografia de Especialização em Educação]. Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Magalhães, J. R. F., Gomes, N. P., Campos, L. M., Camargo, C. L. De, Estrela, F. M., & Couto, T. M. (2017). Expressão da violência intrafamiliar: história oral de adolescentes. Texto Contexto Enferm, 26. http://dx.doi.org/10.1590/0104-07072017001730016.

Marra, M. M., & Costa, L. F. (2018). Entre a revelação e o atendimento: família e abuso sexual. Avances En Psicología Latinoamericana, 36. https://doi.org/10.12804/revistas.urosario.edu.co/apl/a.3564.

Melo, L. M. F. (2021). Rede Intersetorial de Enfrentamento ao Abuso Sexual Infantojuvenil: uma revisão de literatura. [Trabalho de Conclusão de Curso]. Universidade Federal da Paraíba.

Monti, L. L. (2020). Estudo sobre violência intrafamiliar contra a criança: conhecimentos e atitudes de professores da Educação Infantil. [Dissertação de Mestrado em Educação Escolar]. Universidade Estadual Paulista (Unesp).

Oliveira, M., Silva, F. G. O., & Maio, E. R. (2020). Violência sexual contra crianças e adolescentes: a escola como canal de proteção e denúncia. Perspectiva, v38. https://doi.org/10.5007/2175-795X.2020.E65526.

Oliveira, R. B. (2020). Violência sexual intrafamiliar e a alienação parental. [Monografia Jurídica de Bacharelado em Direito]. Universidade Católica de Goiás.

Oliveira, Y. C., & Nascimento, C. P. (2019). O papel do professor no processo ensino aprendizagem diante dos alunos vítimas de abuso sexual. Revista Projeção e Docência, 10, p196–206.

Pereira A. S., et al. (2018). Metodologia da pesquisa científica. UFSM.

Reinach, S., & Burgos, F. (2021). Violência contra Crianças e Adolescentes no Brasil: a urgência da parceria entre educação e segurança pública. Bueno, S. & Lima, R. S. (Org.), Anuário Brasileiro de Segurança Públi) 219–227. Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Ribeiro, J. H. S., Coimbra, S. M. G., & Leme, V. B. R. (2019). Violência sexual contra crianças e adolescentes: resiliência e protagonismo na Amazônia. Revista INFAD de Psicología, (2), 215–226. https://doi.org/10.17060/IJODAEP.2019.N2.V1.1690.

Sanches, L. D. C., Gabriela, G., Ramos, M., Rozin, L., & Rauli, P. M. F. (2019). Violência sexual infantil no Brasil: uma questão de saúde pública. Revista Iberoamericana de Bioética, 9, 1–13. https://doi.org/10.14422/rib.i09.y2019.003.

Santos, M. J., Mascarenhas, M. D. M., Rodrigues, M. T. P., & Monteiro, R. A. (2018). Caracterização da violência sexual contra crianças e adolescentes na escola - Brasil, 2010-2014. Epidemiologia e Servicos de Saude: Revista Do Sistema Unico de Saude Do Brasil, v27. https://doi.org/10.5123/S1679-49742018000200010.

Santos, N. P. (2021). Infância e abuso sexual: rompendo com o silêncio. [Trabalho de Conclusão de Curso]. Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP).

Silva, E. O. (2021). O processo de produção das infâncias na era das mídias digitais: desafio à formação de professores. [Dissertação de Mestrado em Mídia e Tecnologia]. Universidade Estadual Paulista Júlio Mesquita Filho.

Silva, I. M. (2019). Direito Penal: “Síndrome da Alienação Parental” e as falsas acusações de estupro. [Monografia de Bacharelado em Direito. Universidade Católica do Salvador (UCSal).

Soares, J. O., & Alencar Filho, F. M. (2021). Cartilha: Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes - O Silêncio que Destrói Infâncias. Ministério Público do Estado do Ceará.

Soares, P. D. C. D., Alexandre, K. T., Fermoseli, & A. F. De O. (2020). Violência sexual infantil: uma reflexão sobre os impactos neuropsicofisiológicos do trauma. [Trabalho de Conclusão de Curso]. Centro Universitário Tiradentes - UNIT/AL.

Souza, I. F., & Serafim, R. N. V. (2019). Os direitos humanos da criança: análise das recomendações do Comitê dos Direitos da Criança das Nações Unidas. R. Dir. Gar. Fund., 20, 191-218. https://doi.org/10.18759/rdgf.v20i1.1134.

Thiengo, R. E., & Silva, R. (2019). Abuso Sexual Infantil: Guia de Orientação ao Professor. Editora Ifes.

Trajano, R. K. N., Lyra, C. V. V., Sá, T. Y. G. E., & Gomes, A. C. A. (2021). Comparativo de casos de violência sexual contra criança e adolescente no período 2018-2020. Research, Society and Development, v10. https://doi.org/10.33448/rsd-v10i1.11384.

Von Hohendorff, J., & Patias, N. D. (2017). Violência sexual contra crianças e adolescentes: identificação, consequências e indicações de manejo. Barbarói. https://doi.org/10.17058/barbaroi.v0i49.9474.

Published

01/01/2023

How to Cite

CUNHA, G. C. F.; LIMA, A. C. S. de; MIRANDA, A. C. da C. .; CARNEIRO , C. R. de O.; SANTOS, F. M. dos .; LEAL, I. T. de L. .; SOUZA, L. W. P. A. de .; PEREIRA, T. E. B.; FARIAS, L. de N. Child Sexual Violence: the importance of including social themes in initial teacher training. Research, Society and Development, [S. l.], v. 12, n. 1, p. e3312138430, 2023. DOI: 10.33448/rsd-v12i1.38430. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/38430. Acesso em: 27 jan. 2023.

Issue

Section

Teaching and Education Sciences