Quality of Life and Waterborne Diseases: the invisibility of Schistosomiasis mansoni in the tourist towns of Chapada Diamantina, Bahia State, Brazil

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.6411

Keywords:

Schistosomiasis mansoni; Waterborne diseases; Public health; Tourism; Chapada Diamantina.

Abstract

Waterborne Diseases (DVH’s) are a constant threat to quality of life. Among them, Schistosomiasis mansoni (MS) is one of the most common to manifest in man. In 2017, 944 cases of the disease were registered in Lençóis, in Chapada Diamantina, but only after the contamination of a group of tourists from Minas Gerais, the public's attention turned to this reality. Thus, this research aimed to investigate what is the prevalence of MS in touristic municipalities in the region and how the disease has been approached as established by the Ministry of Health. This is a qualitative study that used bibliographic and documentary research as methodological procedures, in addition to conducting semi-structured interviews. It was identified that there are no notifications about the cases of the disease and the actions to cope with it are developed in a heterogeneous manner in the municipalities, being influenced by administrative, economic and political issues. The interference of these factors weakens the success of the activities for the management of Schistosomiasis mansoni and, consequently, compromises the quality of life of its inhabitants. In order to improve the scenario, better planning of actions and distribution of resources for strategies to combat the disease in these municipalities is necessary.

References

Almeida, M. A. B., Gutierrez, G. L., & Marques, R. (2012). Qualidade de vida: definição, conceitos e interfaces com outras áreas de pesquisa. São Paulo: EACH/USP.

Barreto, S. D. B. (2019). Busca e salvamento em parques nacionais: um estudo de caso do Parque Nacional da Chapada Diamantina. Dissertação de mestrado, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional e Urbano, Universidade Salvador. Bahia, Brasil.

Biblioteca Virtual em Saúde-BVS. (2020). Waterborne Diseases / Enfermedades Transmitidas por el Agua / Doenças Transmitidas pela Água / Maladies hydriques. Recuperado de https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/051568

Conselho Federal de Enfermagem-COFEN. (2016). Vigilância em Saúde: Dengue, Esquistossomose, Hanseníase, Malária, Tracoma e Tuberculose. Recuperado de http://biblioteca.cofen.gov.br/vigilancia-em-saude-dengue-esquistossomose-hanseniase-malaria-tracoma-e-tuberculose/

Decreto Municipal nº 108, de 10 de abril de 2018. Institui o Comitê Interinstitucional de Mobilização, Prevenção e Controle da Esquistossomose no Município de Lençóis, aprova o regimento interno e dá outras providências. Diário Oficial do Município, Lençóis.

Departamento de Informática do SUS- DATASUS. (2020). PCE- Programa de Controle da Esquistossomose. Ministério da Saúde. Brasília, DF. Recuperado de http://tabnet.datasus.gov.br/cgi/sinan/pce/PCE-nota-tecnica.pdf

Favre, T. C., Pieri, O. S., Barbosa, C. S., & Beck, L. (2001). Avaliação das ações de controle da esquistossomose implementadas entre 1977 e 1996 na área endêmica de Pernambuco, Brasil. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 34(6), 569-576. https://doi.org/10.1590/s0037-86822001000600012.

Gonçalves, A., & Vilarta, R. (2004). Qualidade de Vida: identidades e indicadores. In A. Gonçalves & R. Vilarta (Orgs.), Qualidade de Vida e atividade física: explorando teorias e práticas. 3-25. São Paulo: Manole.

Gutierrez, G. (2004). Aspectos organizacionais e lúdicos da Qualidade de Vida: abordagem multidisciplinar. In A. Gonçalves, & R. Vilarta (Orgs.), Qualidade de Vida e atividade física: explorando teorias e práticas (pp. 79-102). São Paulo: Manole.

Heller, L. (1998). Relação entre saúde e saneamento na perspectiva do desenvolvimento/ Relationship between health and environmental sanitation in view of the development. Ciência & Saúde Coletiva, 3(2), 72-74. http://www.scielo.br/pdf/csc/v3n2/7152.pdf

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística-IBGE. (2010). Cidades e Estados. Recuperado de https://www.ibge.gov.br/cidades-e-estados/ba.html

Instituto Trata Brasil. (2018). Nordeste. Recuperado de https://www.painelsaneamento. org.br/localidade/index?id=2

Instituto Trata Brasil. (2019). Internações de doenças por veiculação hídrica no Brasil. Recuperado de http://www.tratabrasil.org.br/blog/2019/05/21/internacoes-de-doencas-por-veiculacao-hidrica-no-brasil/

Katz, N., & Almeida, K. (2003). Esquistossomose, xistosa, barriga d’água. Ciência e Cultura. (São Paulo), 55(1), 38-41.

Katz, N., & Peixoto, S. V. (2000). Análise crítica da estimativa do número de portadores de esquistossomose mansoni no Brasil. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 33(3), 303-308. https://doi.org/10.1590/s0037-86822000000300009.

Lei nº 11.445, de 5 de Janeiro (2007, 8 janeiro). Estabelece as diretrizes nacionais para o saneamento básico; altera as Leis nº 6.766, de 19 de dezembro de 1979, 8.036, de 11 de maio de 1990, 8.866, de 21 de junho de 1993, 8. 987, de 13 de fevereiro de 1995; revoga a Lei nº 6.528, de 11 de maio de 1978; e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília.

Lençóis. (2017): Mais de 30 ciclistas são diagnosticados com esquistossomose após banho em ponto turístico. (2017, 05 maio). Jornal da Chapada. Recuperado de https://jornaldachapada.com.br/2017/05/05/lencois-mais-de-30-ciclistas-apresentam-sintomas-de-esquistossomose-apos-banho-em-ponto-turistico/

Luz, D. F. C. (2020, 27 fevereiro). Entrevista: Denise Freitas Cruz Luz. Entrevista concedida a Brenda Laudano Lima. Mucugê, Bahia.

Mendonça, G. M. (2015). Manual de normalização para apresentação de trabalhos acadêmicos. (4a ed.), Salvador: Unifacs.

Ministério da Saúde-MS. (2008). Vigilância em Saúde: Dengue, Esquistossomose, Hanseníase, Malária, Tracoma e Tuberculose (Série A. Normas e Manuais Técnicos/Cadernos de Atenção Básica-n.21). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Brasília, DF: Ministério da Saúde.

Ministério da Saúde-MS. (2014). Vigilância da Esquistossomose Mansoni (Diretrizes Técnicas). Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis. Brasília, DF: Ministério da Saúde.

Ministério da Saúde-MS. (2019). Guia de Vigilância em Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Coordenação-Geral de Desenvolvimento da Epidemiologia em Serviços. Brasília, DF: Ministério da Saúde.

Ministério do Meio Ambiente-MMA. (2020). Unidades de Conservação. Recuperado em 21 de abril, a partir de https://www.mma.gov.br/areas-protegidas/unidades-de-conservacao/

Moura, E. O. (2020, 27 fevereiro). Entrevista: Edna Oliveira Moura. Entrevista concedida a Brenda Laudano Lima. Mucugê, Bahia.

Nahas, M. V. (2006). Atividade física, saúde e qualidade de vida: conceitos e sugestões para um estilo de vida ativo (4a ed.). Londrina: Midiograf.

Oliveira, J. A. (2020, 27 fevereiro). Entrevista: José Augusto Oliveira. Entrevista concedida a Brenda Laudano Lima. Mucugê, Bahia.

Pacheco, E. B. (2019, 08 fevereiro). Entrevista: Elisângela Balbina Pacheco. Entrevista concedida a Brenda Laudano Lima. Andaraí, Bahia.

Pereira, A. S., Shitsuka, D. M., Parreira, F. J., & Shitsuka, R. (2018). Metodologia da pesquisa científica. [e-book]. Santa Maria. Ed. UAB/NTE/UFSM. Recuperado de https://repositorio.ufsm.br/bitstream/handle/1/15824/Lic_Computacao_Metodologia-Pesquisa-Cientifica.pdf?sequence=1.

Ponto turístico da Chapada Diamantina é interditado após casos de esquistossomose. (2017, 05 maio). Correio. Recuperado de https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/ponto-turistico-da-chapada-diamantina-e-interditado-apos-casos-de-esquistossomose

Portaria nº 1.399, de 15 de dezembro de 1999. Regulamenta a NOB SUS 01/96 no que se refere às competências da União, estados, município e Distrito Federal, na área de epidemiologia e controle de doenças, define a sistemática de financiamento e dá outras providências. Ministério da Saúde, Brasil.

Ribeiro, H. P. S. (2020, 28 fevereiro). Entrevista: Hugo Pascoal Santos Ribeiro. Entrevista concedida a Brenda Laudano Lima. Ibicoara, Bahia.

Secretaria da Saúde do Estado da Bahia-Sesab. (2015). Criação dos Núcleos Regionais de Saúde – NRS. Recuperado de http://www.saude.ba.gov.br/2015/01/29/reestruturacao-das-diretorias-regionais-de-saude-dires-nucleos-regionais-de-saude-nrs/

Secretaria da Saúde do Estado da Bahia-Sesab. (2020). Esquistossomose. Recuperado de http://www.saude.ba.gov.br/suvisa/vigilancia-epidemiologica/doencas-de-transmissao-vetorial/esquistossomose/

Secretaria do Planejamento do Estado da Bahia. (2020). Política Territorial. Recuperado de http://www.seplan.ba.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=55.

Secretaria do Planejamento do Estado da Bahia-Seplan. (2016). Plano Territorial de Desenvolvimento rural sustentável e solidário do Território Chapada Diamantina. Recuperado de http://www.seplan.ba.gov.br/arquivos/File/politica-territorial/PUBLICACOES_TERRI TORIAIS /Planos-Territoriais-de-Desenvolvimento-Sustentavel-PTDS/2018/PTDRSS_2016 _Chapada_Diamantina_Final.pdf

Silva, A. A. (2020, 28 fevereiro). Entrevista: Aline Aguiar Silva. Entrevista concedida a Brenda Laudano Lima. Ibicoara, Bahia.

Silva, A. S., Lima, B. L. & Spinola, C. de A. (no prelo). Saneamento Básico e Doenças de Veiculação Hídrica: Um estudo da Comunidade Quilombola de Remanso, Lençóis-Ba. Revista Brasileira de Assuntos Regionais e Urbanos.

Souza, A. C. (2019, 04 dezembro). Entrevista: Ana Cláudia de Souza. Entrevista concedida a Brenda Laudano Lima. Lençóis, Bahia.

Spinola, C. A. (2005). Ecoturismo em espaços de proteção integral no Brasil: o caso do Parque Nacional da Chapada Diamantina-Bahia. Tese de doutorado, Faculdade de Geografia e História, Universidade de Barcelona. Barcelona, Espanha.

Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia-SEI. (2019). Indicadores Territoriais. Recuperado de https://www.sei.ba.gov.br/images/ informacoes_por/territorio /indicadores/pdf/chapadadiamantina.pdf

Teles, T. C. (2019, 09 dezembro). Entrevista: Taiane Conceição Teles. Entrevista concedida a Brenda Laudano Lima. Lençóis, Bahia.

Vila Nova, F. V. P., & Tenório, N. B. (2019). Doenças de Veiculação Hídrica associadas à degradação dos recursos hídricos, município de Caruaru-PE. Caminhos de Geografia, 20(71), 250-264.

Published

09/08/2020

How to Cite

Lima, B. L., & Spinola, C. de A. (2020). Quality of Life and Waterborne Diseases: the invisibility of Schistosomiasis mansoni in the tourist towns of Chapada Diamantina, Bahia State, Brazil. Research, Society and Development, 9(9), e16996411. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i9.6411

Issue

Section

Health Sciences