Animal health profile of dairy farms in southern Rio Grande do Sul, Brazil

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i12.20063

Keywords:

Cattle; Sanitary Profile; Epidemiology.

Abstract

The State of Rio Grande do Sul has a prominent role in milk production nationwide and the southern region of the state stands out as one of the main dairy basins in the State. The objective of this study was to characterize the zootechnical and sanitary profile in 51 bovine herds in the microregion of Pelotas. From the information obtained through interviews, a database was built and a description of the data was obtained by indicating how the individuals in the group vary. In this study, the properties had a median of four residents (DI=3) and time spent in dairy farming of 20 years (DI=26), the total area was 40 ha (DI=57), and the area was exclusively dedicated to production. dairy (animal facilities and rest and grazing areas) of 23 ha (DI=32). The properties presented a median of 20 lactating cows (DI=26) and five dry cows (DI=7), the number of heifers from one year of age was nine (DI=16) and the number of heifers with less of one year was eight (DI=11), the total herd herd was 44 animals (DI=63). The effective of other species of domestic animals such as dogs, horses, chickens, swine, sheep and goats was evaluated. Medians of three dogs (DI=3), two horses (DI=1.75), 30 chickens (DI=30), three swine (DI=4), four sheep (DI=10) and five goats (DI=DI) were observed. =3). The results of this study indicate that there is great heterogeneity and low agricultural pluriactivity in the milk production process in southern Rio Grande do Sul, supported mainly by small properties, based on family labor and associated with the use of technologies such as artificial insemination and mechanical milking.

References

Angelis, D., Sousa, M. R. P. de, & Oliveira, V. (2016). Qualidade Do Leite, Obtido Por Ordenha Manual E Mecanizada, Recebido Em Um Laticínio Do Município De Argirita–MG. Veterinária Notícias Veterinary News. 22(1), 27-31.

Barbosa, V. M., Gondim, C. C., Nasciutti, N. R., Oliveira, P. M., Alfieri, A. A., Fritzen, J. T. T., Headley, S. A., Saut, A. M., Berssaneti, F. T., & Saut, J. P. J. (2019). Fatores de risco associados à infecção viral (BoHV-1 e BVDV) em rebanhos leiteiros mestiços com problemas reprodutivos, no município de Uberlândia, MG. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia. 71(4), 1243-1250.

Baroni, A. E., Bossanelli, G., Boelcke R. B., & Almeida, L. C. (2019). Prevalência soroepidemiológica de Leptospira spp. em rebanhos bovinos leiteiros da mesorregião do Rio Doce no Estado do Espírito Santo. PUBVET. 14(2), 1-11.

Brasil, Ministério da Agricultura, pecuária e Abastecimento (2011). Instrução Normativa nº. 62, de 29 de dezembro de 2011. Resolve aprovar o Regulamento Técnico de Produção, Identidade e Qualidade do Leite tipo A, o Regulamento Técnico de Identidade e Qualidade de Leite Cru Refrigerado, o Regulamento Técnico de Identidade e Qualidade de Leite Pasteurizado e o Regulamento Técnico da Coleta de Leite Cru Refrigerado e seu Transporte a Granel. Diário Oficial da União.

Brasil, Ministério da Agricultura, pecuária e Abastecimento (2009). Manual de Legislação: programas nacionais de saúde animal do Brasil.

Bruhn, F. R. P., Daher, D. O., Rrocha, C. M. B. M., Barbieri, J. M., Lucci, J. R., & Guimarães, A. M, (2016). Zootechnical profile of the dairy farms in southern Minas Gerais State, Brazil. Archivos Latinoamericanos de Producción Animal. 24(3), 123-129.

Carvalho, R. M. de (2016). Avaliação da silagem de milho em fazendas leiteiras de Patos de Minas, MG. [Dissertação de Mestrado]. Faculdade de Ciências Veterinárias da Universidade Federal de Uberlândia.

Cvetojevic Đ., Milicevic V., Kureljusic B., & Savic B. Đ. (2018). Seroprevalence of Neospora caninum in dairy cows in Belgrade city area, Serbia. Journal of the Hellenic Veterinary Medical Society. 69(2), 979-983.

Almeida, T. J. O., Araújo, V. V., Feitosa, P. J. S., & Da Silva, A. F. A. (2015). Perfil sociocultural de produtores de leite bovino do município de São Bento do Una (PE) e suas implicações sobre o manejo da ordenha. Revista Brasileira de Higiene e Sanidade Animal. 9(1), 122-135.

De Sousa Neres, L., Junior, J. B. L., Santos, M. A. S., Noronha, G. N., Bezerra, A. S., & Silva, A. G. M. (2017). Caracterização da pecuária leiteira no município de Tailândia, Estado do Pará, Brasil. Revista de Ciências Agrárias Amazonian Journal of Agricultural and Environmental Sciences. 60(3), 278-285.

EMATER. Rio Grande do Sul/ASCAR (2017). Relatório socioeconômico da cadeia produtiva do leite no Rio Grande do Sul: 2017.

Fávero, J. F., Da Silva, A. S., Campigotto, G., Machado, G., De Barros, L. D., Garcia, J. L., Vogel, F. F., Mendes, R. E., & Stefani, L. M. (2017). Risk factors for Neospora caninum infection in dairy cattle and their possible cause-effect relation for disease. Microbial pathogenesis. 110, 202-207.

Gindri, P. C., Mion, B., Pradieé, J., Bialves, T. S., De Souza, G. N., Dellagostin, O. A., Scheider, A., & Pegoraro, L. M. C. (2018). Seroprevalence estimate and associated risk factors for neosporosis in dairy cattle in the northwest region of Rio Grande do Sul State, Brazil. Ciência Rural. 48(7).

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística [IBGE] (2017). Censo agro 2017. Brasil. https://censoagro2017.ibge.gov.br/templates/censo_agro/res ultadosagro/pecuaria.html?localidade=43&tema=75653

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística [IBGE] (2019). Produção da Pecuária Municipal 2018. Rio de Janeiro, Brasil. https://cidades.ibge.gov.br/br asil/rs/pes quisa/18/16459?indicador=16559&localidade1=0&ano=2018

Jobim, C. C., Branco, A. B., & Santos, G. T. (2003). Silagem de grãos úmidos na Alimentação de bovinos leiteiros. V Simpósio Goiano sobre Manejo e Nutrição de Bovinos de Corte e Leite. Goiânia, Goiás, 357-376.

Galvão Júnior, J. G. B., Rangel, A. H. N., Guilhermino, M. M., Novaes, L. P., & Medeiros, H. R. (2015). Perfil dos sistemas de produção de leite bovino no seridó potiguar. HOLOS. 2, 130-141.

Ledic, I. L., Tonhati, H., Verneque, R. S., Faro, L. E., Martinez, M. L., Costa, C. N., Pereira, J. C. C., Fernandes, L. O., & Albuquerque, L. G. (2002). Estimativa de parâmetros genéticos, fenotípicos e ambientes para as produções de leite no dia do controle e em 305 dias de lactação de vacas da raça Gir. Revista Brasileira de Zootecnia. 31(5), 1953-1963.

Lopes, M. A., Demeu, F. A., Santos, G., & Cardoso, M. G (2009). Impacto econômico do intervalo de partos em rebanhos bovinos leiteiros. Ciencia e Agrotecnologia. 33(1), 1908-1914.

Monteiro, A. A., Tamanini, R., Silva, L. C. C., Mattos, M. R., Magnani, D. F., D’Ovidio, L., Nero, L. A., Barros, M. A. F., Pires, E. M. F., Paquereau, B. P. D., & Beloti, V (2007). Características da produção leiteira da região do agreste do estado de Pernambuco, Brasil. Semina: Ciências Agrárias. 28(4), 665-674.

Nogueira, D., & Aragão, M. C. O. (2016). A pecuária leiteira bovina no município de Olivença-AL: o contexto socioeconômico dos produtores. Diversitas Journal. 1(1), 94-99.

Neves, A. L. A., Pereira, L. G. R., Santos, R. D. dos, Araujo, G. G. L. de, Carneiro, A. V., Moraes, S. A. de, Spaniol, C. M. O., & Aragão, A. S. K. de (2011). Caracterização dos produtores e dos sistemas de produção de leite no perímetro irrigado de Petrolina/PE. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal. 12(1), 209-223.

Paixão, A. P., Santos, H. P., Alves, L. M. C., Pereira, H. M., Carvalho, R. F. B., Filho, V. M. C., Oliveira, E. A. A., Soares, D. M., & Beserra, P. A. (2016). Leptospira spp. em bovinos leiteiros do estado do Maranhão, Brasil: frequência, fatores de risco e mapeamento de rebanhos reagentes. Arquivos do Instituto Biológico. 83.

Patês, N. M. S., Figueiredo, M. P., Pires, A. J. V., De Carvalho, G. G. P., Da Silva, F. F., Fries, D. D., Bonomo, P., & Rosa, R. C. C. (2012). Aspectos produtivos e sanitários do rebanho leiteiro nas propriedades do sudoeste da Bahia. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal. 13(3), 825-837.

Piva Filho, G. L., & Queiroz, L. H (2013). Prevalência da brucelose e tuberculose bovina e percepção de riscos de pequenos produtores de leite do município de paranaiba-mato grosso do sul. Ars Veterinaria. 29(4), 78-78.

Pestana, M. H., & Gageiro, J. N. (2008). Análise de dados para ciências sociais – A complementariedade do SPSS. Ed. Silabo, (5a ed.), 692-692.

Ribeiro, A. B., Tinoco, A. F. F., Lima, G. F. C., Guilhermino, M. M., & Rangel, A. H. N. (2009). Produção e composição do leite de vacas Gir e Guzerá nas diferentes ordens de parto. Revista Caatinga. 22(3), 46-51.

Rocha, C. M. B. M., Leite, R. C., Bruhn, F. R. P., Guimaraes, A. M., & Furlong, J. (2011). Perceptions about the biology of Rhipicephalus (Boophilus) microplus among milk producers in Divinópolis, Minas Gerais. Rev Bras Parasitol Vet. 20(4), 289-294.

Santos, B. L., Estima-Silva, P., Coelho, A. C. B., Oliveira, P. A., Soares, M. P., Sallis, E. S. V., Bruhn, F. R. P., & Schild, A. L. (2018). Doenças do sistema nervoso central de bezerros no sul do Rio Grande do Sul: uma contribuição ao diagnóstico diferencial. Pesquisa Veterinária Brasileira. 38(4), 685-691.

Winck, C. A., & Neto, A. T. (2012). Perfil de propriedades leiteiras de Santa Catarina em relação à Instrução Normativa 51. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal. 13(2), 296-305.

Published

17/09/2021

How to Cite

IRALA, M. J. C. .; AMARANTE, V. C. A. de .; BOHM, B. C. .; MORAES, L. A. M. de .; PINTO, F. de R. .; BANDEIRA, F. da S. .; BRUHN, F. R. P. . Animal health profile of dairy farms in southern Rio Grande do Sul, Brazil. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 12, p. e188101220063, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i12.20063. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/20063. Acesso em: 24 feb. 2024.

Issue

Section

Agrarian and Biological Sciences