Common National Curriculum Base: Perspectives of Environmental Education in Child Education

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v11i10.32785

Keywords:

Bond; Elements of nature; Investigations; Pedagogical practices; Teaching.

Abstract

Common Nacional Curricular Base presents six fundamental axes within the scope of early childhood education: Living together, Participating, Playing, Exploring, Expressing, and Knowing yourself. In this sense, the present study analyzes the elements of the processes explicit in the document that are carried out in educational actions from the perspective of Environmental Education. Thus, this research aims to analyze the elements of the explicit processes in Common Nacional Curricular Base and their effectiveness in the educational actions of Environmental Education through innovative pedagogical practices that can encourage awareness and possibilities of interventions to meet the proposed axes and competencies by the document. The methodology is qualitative, documentary, and bibliographical. The analysis document was the Common Nacional Curricular Base. The discussions were based on Maria Carmen Barbosa (2020), Paulo Fochi (2016), Sauvé (2016) and Loureiro (2015). Its organization followed the assumptions of the Discursive Textual Analysis of Moraes and Galiazzi (2016). The results showed that in the analyzed document, the concept of Environmental Education is rarely mentioned in relation to the socio-environmental theme. To contemplate the propositions, present in the base, the teacher needs to involve the real problems and the performance of protection and improvement activities in a continuous and permanent way. It is allowing Education to be contemplated in ways that sensitize children to live and to themselves, as well as making evident the magnitude of approaches to Environmental Education in Early Childhood Education.

Author Biographies

Diovana Machado da Silva, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul

Mestra em Sistemas Ambientais e Sustentabilidade, Profª., Estado do Rio Grande do Sul, Ijuí, RS.

Roberto Carbonera, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul

Doutor, Professor Permanente Mestrado em Sistemas Ambientais e Sustentabilidade, UNIJUÍ, Ijuí, RS.

Vidica Bianchi, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul

Doutora, Professora Permanente Mestrados em Educação nas Ciências e Sistemas Ambientais e Sustentabilidade, UNIJUÍ, Ijuí, RS.

References

Amorim, C. D., & Cestari, L. A. D. S. (2013). Discursos ambientalistas no campo educacional. REMEA- Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental, [S. l.], 30(1), 4–22.

Arelaro, L. R. G. (2017). Avaliação das políticas de educação infantil no Brasil: avanços e retrocessos. Zero-a-Seis, 19(36), 206-222.

Barbosa, M. C. S., Cruz, S. H. V., Fochi, P. S., & de Oliveira, Z. D. M. R. (2016). O que é básico na Base Nacional Comum Curricular para a Educação Infantil? Debates em educação, 8(16), 11-11.

Barbosa, M. C., & Fernandes, S. B. (2020). A educação infantil na Base Nacional Comum Curricular: tensões de uma política inacabada. Em Aberto, 33(107).

Brasil. (2017). Lei de diretrizes e bases da Educação Nacional. Coordenação de Edições Técnicas.

Brasil. (2017). Base nacional comum curricular. http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf

Bueno. M. C. (2018). No chão da escola: por uma infância que voa. Editora Passarinho.

Campos, M. A. T., & Carvalho, A. M. (2015). Desafios emergentes na ação educativo-ambiental: uma experiência em centros de educação infantil de Curitiba. Holos. vol.5.

Capra, F. (2007). Sustainable living, ecological literacy, and the breath of life. Canadian Journal of Environmental Education (CJEE), 12(1), 9-18.

Crepaldi, G. D. M. (2018). Educação ambiental e valores na educação infantil: sentidos construídos a partir do trabalho pedagógico. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Rio Claro.

Do Nascimento Silva, S., & Loureiro, C. F. B. (2019) O sequestro da Educação Ambiental na BNCC (Educação Infantil-Ensino Fundamental): os temas Sustentabilidade/Sustentável a partir da Agenda 2030. XII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências – XII ENPEC, [s. l.]

Edwards, C. (2006). As cem linguagens da criança: a abordagem de Reggio Emilia na educação da primeira infância; Tradução Dayse Batista. Artmed.

Ferreira, L. S. (2018). Trabalho Pedagógico na Escola: do que se fala?. Educação & Realidade, 43, 591-608.

Fochi, P. (2018). O brincar heurístico na creche: percursos pedagógicos no Observatório da Cultura Infantil–OBECI. Porto Alegre: Paulo Fochi Estudos Pedagógicos.

Jackson, S., & Goldschmied, E. (2006). Educacão de 0 a 3 anos o atendimento em creche. Artmed.

Loureiro, C. F. B. (2015). Educação ambiental e epistemologia crítica. REMEA-Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental, 32(2), 159-176.

Moraes, R., & Galiazzi, M. do C. (2011). Análise Textual Discursiva. (2ª. ed.) Editora Unijuí.

Peixoto, S. C., Nora, L. D. D., Ortiz, A. C. M., Topolski, D. K., Orselli, M. I. V., & Nunes, J. F. (2021). A dimensão interdisciplinar na construção da Educação Ambiental: Uma proposta de sequência didática. Research, Society and Development, 10(5).

Pereira, M. H. B. (2011). Educação ambiental: as elaborações das crianças de seis anos. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação, Campinas, SP.

Ribeiro, C. S., Boer, N., & Coutinho, Cadidja. (2020). Marcos regulatórios e pressupostos teóricos da educação ambiental: um estudo de revisão bibliográfica. Research, Society and Development, 9(3).

Sauvé, L. (2016). Viver juntos em nossa Terra: Desafios contemporâneos da educação ambiental. Revista Contrapontos, 16(2), 288-299.

Tiriba, L., & Barros, M. I. A. D. (2018). Desemparedamento da infância: A escola como lugar de encontro com a natureza. Programa Criança e Natureza-ALANA. Rio de Janeiro.

Published

04/08/2022

How to Cite

SILVA, D. M. da .; CARBONERA, R. .; BIANCHI, V. . Common National Curriculum Base: Perspectives of Environmental Education in Child Education. Research, Society and Development, [S. l.], v. 11, n. 10, p. e378111032785, 2022. DOI: 10.33448/rsd-v11i10.32785. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/32785. Acesso em: 4 oct. 2022.

Issue

Section

Teaching and Education Sciences