Nurses' competencies in adolescent nursing consultation

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v11i10.32959

Keywords:

Role of nursing professional; Adolescent health; Nursing process; Nurses; Teaching; Primary Health Care.

Abstract

Objective: to analyze the necessary competencies of nurses in the context of the Adolescent Nursing Consultation in articles published in scientific journals. Methodology: integrative review, carried out in medline, LILACS, BDENF, COLLECT SUS and PAHO IRIS databases.  Two searches were performed, using the descriptors: Nurses, Nursing Consultation; Adolescent Health; Adolescent; Primary Care and Nurses. The criteria were, inclusion: complete scientific articles, language Portuguese, published in the last five years (2016 to 2021). And exclusion articles: review articles that did not address the theme. Results: The data of the 9 selected articles are found in two tables, where the level of evidence of them is highlighted. Among the findings is the importance of the teacher's performance in the development of professional training, because it is in practice that competencies related to the demands of adolescents are obtained. It was possible to identify some competencies of nurses during the adolescent's consultation: to perform active listening; promote and encourage breastfeeding; bond ing during the consultation; develop care plans and prevention actions. Conclusion: It was evident that for a quality adolescent nursing consultation, it should be invested in the development of competencies throughout the teaching-learning process, starting with graduation and going through the professional life of nurses. Thus, it is essential to implement training actions and guidance to nurses, enabling the development of competencies and the integrality of care in the adolescent's nursing consultation.

Author Biographies

Simone Fátima de Azevedo, Universidade Federal Fluminense; Centro Universitário Arthur Sá Earp Neto

Enfermeira docente no Colégio Santa Catarina - Petrópolis. Preceptora do Módulo de Enfermagem do Adolescente no Ambulatório escola, Centro Universitário Arthur Sá Earp Neto (UNIFASE), Bacharel e licenciada em Enfermagem pela Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FASE). Pós-graduada em Enfermagem em Pediatria e Neonatologia pela Faculdade Unyleya. Mestranda do MPES/UFF.

Gisella de Carvalho Queluci, Universidade Federal Fluminense

Doutora em Enfermagem pela EEAN/UFRJ. Pós- Doutorado em Enfermagem pela EEAN/UFRJ. Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Saúde e Tecnologia no Espaço Hospitalar – PPGSTEH/UNIRIO. Professora Associada do Departamento de Enfermagem Fundamental – EEAP/UNIRIO, Docente Colaborador do MPES/UFF

Lívia da Silva Firmino dos Santos, Centro Universitário Arthur Sá Earp Neto

Coordenadora do Estágio Supervisionado em Rede Ambulatorial do Curso de Enfermagem do Centro Universitário Arthur Sá Earp Neto (UNIFASE), Mestre em Ciências do Cuidado em Saúde pelo Programa de Mestrado Acadêmico da Universidade Federal Fluminense - UFF. Especialista em Preceptoria no SUS, pelo Instituto Sírio-Libanês de Ensino e Pesquisa, Pós-graduada em Enfermagem do Trabalho pela UNIFASE, Bacharel e Licenciada em Enfermagem pela Faculdade Arthur Sá Earp Neto.

References

Alberti G. F., Schimitt, M. D., Budo, M. L. D., Neves, G. L., & Laís, F. R. (2016). Atributo do primeiro contato na atenção básica e práticas de cuidado: contribuições para a formação acadêmica do enfermeiro. Texto Contexto Enferm, 25(3). https://www.scielo.br/j/tce/a/6dvKmPMTJYNmwXY7SWNRFtd/?format=pdf&lang=pt

Andrade, F., Vaz, M. J., Caldeira, S., & Deodato, S. (2018). Implementação de consulta de enfermagem ao adolescente/jovem: diagnósticos e intervenções. Cadernos de Saúde, 10(1), 48-53. https://revistas.ucp.pt/index.php/cadernosdesaude/article/view/5287/9369

Araújo, M. S., Sales, L. K. O., Araújo, M. G., Morais, I. F., Morais, F. R. R., & Valença, C. N. (2016). Dificuldades enfrentadas por enfermeiros para desenvolver ações direcionadas ao adolescente na Atenção Primária. Rev. enferm UFPE online., 10(5):4219-25. https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/download/11166/12695

Aviz, A. L. M.; Rodrigues, A. A.; Garcês, T. C. C. S. & Alves, Minuchy M. C. (2022). Supervisão em Ensino Clínico de Enfermagem: Vivências Significativas dos Enfermeiros Supervisores. Research, Society and Development, 11(10), e21111032295. doi: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v11i10.32295

Brasil. Ministério da Saúde. (2018). Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 573. Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Enfermagem (DCN/ENF). https://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?data=06/11/2018&jornal=515&pagina=38

Coimbra, W. S., Ferreira, H. C., Feijó, E. J., Souza, R. D., & Coimbra, L. L. M. (2018). Preparo de acadêmicos de enfermagem para o cuidado a adolescentes grávidas. REME – Rev Min Enferm, 22, e-1102. https://cdn.publisher.gn1.link/reme.org.br/pdf/e1102.pdf

Conselho Federal de Enfermagem (COFEN). (2009). Resolução nº. 358, de 15 de outubro de 2009: dispõe sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem e a implementação do Processo de Enfermagem em ambientes, públicos ou privados, em que ocorre o cuidado profissional de enfermagem. Brasília. http://www.cofen.gov.br/resoluo-cofen-3582009_4384.html/print/

Conselho Federal de Enfermagem (COFEN). (1993). Resolução nº. 159, de 19 de abril de 1993: dispõe sobre a Consulta de Enfermagem. Brasília. http://www.cofen.gov.br/resoluo-cofen-1591993_4241.html/print/

Crivelaro P. M., Posso, M. B. S., Gomes, P. C., & Papini, S. J. (2021). Dez competências para ensino-aprendizagem da consulta de enfermagem e integralidade do cuidado. Enferm Foco 12(1), 139-46. http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/download/3850/1110

Ferreira, R. C., Fiorini, V. M. L., & Crivelaro, E. (2010). Formação profissional no SUS: o papel da atenção básica em saúde na perspectiva docente. Revista Brasileira de Educação Médica, 34(2), 207-215. https://www.scielo.br/j/rbem/a/zXMqFTpHvKhbzwS8TM9BMPm/?lang=pt&format=pdf

Leal, C. C. G., Machado, M. O. F., Oliveira, L. C. Q., Monteiro, J. C. S., Leite, A. M., & Sponholz, F. A. (2016). Prática de enfermeiras na promoção do aleitamento materno de adolescentes brasileiras. Ciencia y enfermería, 22(3), 97-106. https://www.scielo.cl/pdf/cienf/v22n3/0717-9553-cienf-22-03-00097.pdf

Leite, J. T., Beserra, M. A., Scatena, L., Silva, L. M. P., & Ferriani, M. G. C. (2016). Enfrentamento da violência doméstica contra crianças e adolescentes na perspectiva de enfermeiros da atenção básica. Revista Gaúcha de Enfermagem, 37(2), e55796. https://www.scielo.br/j/rgenf/a/8N8zMXdndv6GyctNT4rVN5K/?format=pdf&lang=pt

Lima, K. L. N., Moreira, P. N. O., Tourinho, F. S. V., & Santos, V. E. P., et al. (2014). Assistência de enfermagem ao adolescente no âmbito escolar: uma pesquisa documental. Revista Enfermagem UERJ, 22(2), 226-232. https://www.epublicacoes.uerj.br/index.php/enfermagemuerj/article/download/3768/10415

Magnago, C., & Pierantoni, C. R. (2015). Dificuldades e estratégias de enfrentamento referentes à gestão do trabalho na Estratégia Saúde da Família, na perspectiva dos gestores locais: a experiência dos municípios do Rio de Janeiro (RJ) e Duque de Caxias (RJ). Saúde em Debate [online], 39(104), 9-17. https://www.scielo.br/j/sdeb/a/TWX6Kmgys8H3vmm3QktG7Kv/?format=pdf

Matos, S. R., & Mazzafera, B. L. (2022). Reflexões sobre as metodologias ativas e tecnologias digitais como recursos pedagógicos no processo de ensino e aprendizagem de competências. Research, Society and Development, 11(9), e57311932259. doi: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v11i9.32259

Pereira, A. F., Escola, J. J. J., & Almeida, C. M. T. (2020). Educação em saúde para a criança/jovem/família: necessidades formativas dos enfermeiros. Revista Baiana de Enfermagem, 34, e35273. https://periodicos.ufba.br/index.php/enfermagem/article/view/35273/21585

Perrenoud, P. (2000). Dez novas competências para ensinar. Artmed.

Pessoa, D. M. S., Freitas, R. J. M., Melo, J. A. L., Barreto, F. A., Melo, K. C. O., & Erika, C. S. D. (2020). Assistência de Enfermagem na Atenção Primária à Saúde de adolescentes com ideações suicidas. REME – Rev Min Enferm 24, e-1290. https://cdn.publisher.gn1.link/reme.org.br/pdf/e1290.pdf

Santos, S. C., Almeida, D. B., Oliveira, W. A. S., Alexandre, A. C. S., Lyra, F. M. P. & Barbosa, V. F. B. (2017). A prevenção do vírus da imunodeficiência humana pela equipe de atenção primária voltada aos adolescentes. Rev enferm UFPE on line, 11(8), 3050-6. https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/110208/22110

Sehnem, D. G., Crespo, T. T. B., Lipinski, M. J., Ribeiro, C. A., Wilhelm, A. L., & Arboit, J. (2019). Saúde sexual e reprodutiva dos adolescentes: percepções dos profissionais em enfermagem. Avances en Enfermería, 37(3), 343–352. https://revistas.unal.edu.co/index.php/avenferm/article/view/78933/72289

Silva, E. G. C., Oliveira, V. C., Neves, G. B. C., & Guimarães, T. M. R. G. (2011). O conhecimento do enfermeiro sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem: da teoria à prática. Revista da Escola de Enfermagem da USP online, 45(6), 1380-1386. https://www.scielo.br/j/reeusp/a/ddQxzyWyJjkNGZzSfrn7Dfz/?format=pdf

Silva, S. L., Novais, D. C. S., Luna, D. O., & Araújo, E. C. (2007). Sistematização da Assistência de Enfermagem ao adolescente: Consulta de enfermagem. Rev enferm UFPE on line, 1(1), 1-11. https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/viewFile/5211/4471

Silva, K. M., & Santos, S. M. A. (2016). A consulta de enfermagem na Estratégia de Saúde da Família: realidade de um distrito sanitário. Revista De Enfermagem Da UFSM, 6(2), 248–258. https://periodicos.ufsm.br/reufsm/article/view/18079

Silva, T.T., Shibukawa, B. M. C., Demitto, M. C., Baena, J. A., Higarashi, I. A., & Merino, M. F. G. L., (2020). A (in)visibilidade do adolescente na atenção primária na percepção do profissional da saúde: estudo descritivo. OBJN: Online Brazilian Journal of Nursing 19(3). https://docs.bvsalud.org/biblioref/2020/12/1129550/6407pt.pdf

Souza, M. T., Silva, M. D., & Carvalho, R. (2010). Revisão integrativa: o que é e como fazer. Einstein 8(1), 102-106. https://journal.einstein.br/wp-content/uploads/articles_xml/1679-4508-eins-S1679-45082010000100102/1679-4508-eins-S1679-45082010000100102-pt.pdf?x53805

Witt, R. R. (2005). Competências da enfermeira na atenção básica: Contribuição à construção das funções essenciais de saúde púbica. (Tese de doutorado). Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, São Paulo. https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-01062005-102741/publico/WITT_RR.pdf

Published

07/08/2022

How to Cite

AZEVEDO, S. F. de .; QUELUCI, G. de C. .; SANTOS, L. da S. F. dos . Nurses’ competencies in adolescent nursing consultation. Research, Society and Development, [S. l.], v. 11, n. 10, p. e460111032959, 2022. DOI: 10.33448/rsd-v11i10.32959. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/32959. Acesso em: 4 oct. 2022.

Issue

Section

Teaching and Education Sciences