Soil Chemistry: production of a didatic Sequence based on science, technology and society approach

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i11.9811

Keywords:

Chemistry Teaching; Soil Chemistry; Syntropic Agriculture; Didactic Sequence; Science; Technology; Society; High school.

Abstract

This research has as objective the presentation of a didactic sequence (DS) to the teaching of soil chemistry, based on the use of the syntropic agriculture, and investigate the potential to approach the relation between science, technology and society (STS). Guided on the theoretical references, STS teaching approach, and on concepts about soil chemistry and syntropic agriculture the steps of the DS were woven. The DS was designed to the target audience of students from the second year of the high school and was built in nine stages that contain activities such as: presentation and discussion on videos and news related to the theme; experimental practices and problem situation resolution; growing vegetables garden at school; collection, organization and presentation of project data. The elaboration of the DS followed the STS teaching structure, since the proposal begins by introducing a social theme, going on to technical-scientific discussions and later returning to the initial question. It was also found that, throughout the main activities proposed in DS, several elements of science, technology and society, as well as their relationship, were inserted.

References

Arrais, A. A. M., Machado, P. F. L., & Bizerril, M. X. A. A Horta E Suas Potencialidades Para As Abordagens Cts No Contexto Escolar. Auler, D. (2007). Enfoque ciência-tecnologia-sociedade: pressupostos para o contexto brasileiro. Ciência & Ensino, 1(esp).

Cavalcanti, M. H. D. S., Ribeiro, M. M., & Barro, M. R. (2018). Planejamento de uma sequência didática sobre energia elétrica na perspectiva CTS. Ciência & Educação (Bauru), 24(4), 859-874.

Costa, J. S. B., Bedin, E. (2017). A necessidade da formação continuada `q luz das metodologias de ensino: avaliação inicial. Anais do Encontro de Debates sobre o Ensino de Química. Rio Grande, RS, Brasil. 37.

Cribb, S. (2010). Contribuições da educação ambiental e horta escolar na promoção de melhorias ao ensino, à saúde e ao ambiente. Ensino, Saúde e Ambiente Backup, 3(1).

Ferreira, L. H., Hartwig, D. R., & Oliveira, R. D. (2010). Ensino experimental de química: uma abordagem investigativa contextualizada. Química Nova na Escola, 32(2), 101-106.

Lima, G. D. S., & Teixeira, P. M. M. (2011). Análise de uma sequência didática de citologia baseada no movimento CTS. VIII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências–ENPEC. Anais. Campinas, SP, 1-13.

Martine, G. (1991). A trajetória da modernização agrícola: a quem beneficia? Lua Nova: Revista de Cultura e Política, (23), 7-37.

Monteiro, A. G. M., & Yamaguchi, K. D. L. (2019). O enfoque de CTS utilizando o açaí como ferramenta para o Ensino de Química. Revista on-line Scientia Amazonia, 8(3), 41-49.

Nunes, B. R., Lindemann, R. H., & Galiazzi, M. C. (2015). Abordagem de Situação-Problema na sala de aula de Química: o ensino CTS contribuindo para a percepção social. Atas do X Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências. Águas de Lindóia: ABRAPEC.

Peneireiro, F. M. (1999). Sistemas agroflorestais dirigidos pela sucessão natural: um estudo de caso. Esc Peneireiro ola Superior de agricultura “Luiz de Queiroz.

Ribeiro, L. C. L. C., Sachs, D., Silva, M. R. A., & Junior, M. F. R. (2020). Genetic didactic sequence using Digital Information of Comunication Technologies (DICT) for scientific literacy. Research, Society and Development, 9(2), e143921786. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i2.1786.

Santana, T. A., Solino, A. P., & Teixeira, P. M. M. (2015). Nossa alimentação: análise de uma sequência didática estruturada segundo referenciais do Movimento CTS. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, 15(1), 105-122.

Santos, W. L. P., Santos, W. L. P., Saraiva, J. A. F., FilocreSaraiva, J. A., Saraiva, J. A. F., FilocreSaraiva, J. A., & Sartori, A. S. (1992). O ensino de Química para formar o cidadão: principais características e condições para a sua implantação na escola secundária brasileira.

Santos, W. L. P., & Mortimer, E. F. (2000). Uma análise de pressupostos teóricos da abordagem CTS (Ciência-Tecnologia-Sociedade) no contexto da educação brasileira. Ensaio Pesquisa em educação em ciências, 2(2), 1-23.

Santos, W. L. P., & Mortimer, E. F. (2001). Tomada de decisão para ação social responsável no ensino de ciências. Ciência & Educação (Bauru), 7(1), 95-111.

Santos, W. L. P. (2008). Contextualização no ensino de ciências por meio de temas CTS em uma perspectiva crítica. Ciência & Ensino (ISSN 1980-8631), 1.

Silva, J. S. da, & Saraiva, E. de S. (2020). The importance of Didactic Sequence (SD) in Environmental Education: an experience report at the Monsenhor Boson Full-Time Education Center. Research, Society and Development, 9(6), e156963505. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i6.3505

Veloso, B., & Silva, M. (2020). The conception of a virtual music course under the eyes of an instructional designer. Research, Society and Development, 9(1), e20911533. https://doi.org/10.33448/rsd-v9i1.1533

Vezzani, F. M., & Mielniczuk, J. (2009). Uma visão sobre qualidade do solo. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 33(4), 743-755.

Zabala, A. (1998). A prática Educativa: como ensinar; tradução Ernani F. F. Rosa. Porto Alegre: Artmed.

Published

15/11/2020

How to Cite

Ramalho Junior, R. R., Silva, M. R. A. da ., & Oliveira, J. R. S. de . (2020). Soil Chemistry: production of a didatic Sequence based on science, technology and society approach. Research, Society and Development, 9(11). https://doi.org/10.33448/rsd-v9i11.9811

Issue

Section

Education Sciences